quinta-feira, 24 de Maio de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Arquivos do Autor: Artur Rodrigues (Página 3)

Arquivos do Autor: Artur Rodrigues

Artur Rodrigues

Gratidão

Reta final de mais um ano, 2017 fecha o seu ciclo de alegrias e tristezas, na verdade algo que todos os anos acontece em nossas vidas. Perdemos e ganhamos ao ... Leia Mais »

Então é Natal

  Mais um ano, mais um dia 25 de dezembro, mais um Natal. Então, é Natal! Então esse ir e vir de ruas e compras me lembrou um texto do ... Leia Mais »

Jaboticaba capitalista

  “Tudo o que era sólido se desmancha no ar, tudo o que era sagrado é profanado, e as pessoas são finalmente forçadas a encarar com serenidade sua posição social ... Leia Mais »

Desurgência nossa de cada dia

Não confunda desurgência com insurgência, que é uma rebelião contra um poder estabelecido. Desurgência, palavra que ainda não existe no dicionário, é o ato de não ter urgência, ou seja, ... Leia Mais »

O mundo não é justo

O mundo não é justo, veja que uns nascem baleia, já outros krill. O que dizer do avestruz, o maior pássaro de que se tem notícia e um colibri-abelha, o ... Leia Mais »

O que dizer de tudo isso

Escrever é algo que me toma mais que as mãos, vai além dos meus sentidos, toma por inteiro meu corpo e até a alma. Este é meu ofício de décadas, ... Leia Mais »

Sorrindo ou não, você pode estar sendo filmado

Depois que li o livro 1984, no ano de 1984, presente dado a mim pelo amigo, o escritor Paulo Coelho, obra de George Orwell, escrita em 1949, um ano antes ... Leia Mais »

Tempos apócrifos

Apócrifo significa algo falso ou ainda suspeito. É uma expressão usada quando um determinado fato não tem sua autenticidade provada ou esteja sobre dúvida. No universo em que milito, na ... Leia Mais »

Game over

  Fim de jogo! Para muitos é uma certeza de que é chegado o fim. Esta expressão “game over” costuma ser utilizada para representar, literalmente, o fim de uma partida ... Leia Mais »

Genocídio brasileiro

“Que país é esse?”, já cantava Renato Russo em sua música escrita em 1978. De lá para cá a única coisa que mudou foi a quantidade de vezes que repetimos ... Leia Mais »

Untitled Document