quarta-feira, 18 de julho de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Fundação promove oficina de violão em Mauá

Fundação promove oficina de violão em Mauá

Matéria publicada em 26 de abril de 2018, 19:44 horas

 


Oficinas são opção cultural para quem mora na vila de Mauá

Oficinas são opção cultural para quem mora na vila de Mauá

Resende – Pelo segundo ano consecutivo, a Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, através da Escola das Artes Maestro Vicente Aniceto Sena, realiza nesta sexta-feira (27) a segundo oficina gratuita de violão e viola caipira.

Com o objetivo de levar aos interessados informações sobre a história dos dois instrumentos, além de aperfeiçoar as técnicas dos músicos locais, visando prepará-los para apresentações futuras, a oficina será ministrada pelo instrumentista e professor Thiago Zaidan, tendo início às 14h.

O evento, que acontece pelo segundo ano, será realizado no Centro Administrativo da Prefeitura, na sede do Parque Estadual da Pedra Selada, na Vila de Mauá. Na primeira edição ocorrida em 2017, mais de 15 músicos participaram da oficina. De acordo com a presidente da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, Denise Assis, a viola caipira, também conhecida como viola sertaneja ou viola cabocla, é um instrumento musical de cordas dedilhada e muito popular no interior do Brasil.

Entre os nomes que se destacam na divulgação deste instrumento estão os músicos Almir Sater; o compositor e cantador Chico Lobo; e o arranjador, compositor e professor Ivan Vilela.

– Com este curso, queremos não só levar mais conhecimento e técnica aos músicos da região de Visconde de Mauá, como também prepará-los para futuras apresentações em público, como a Festa do Pinhão, onde eles poderão mostrar todo o seu potencial. Para isso, disponibilizamos para esta oficina um profissional renomado, que vai saber, como ninguém, orientar esses talentos e extrair deles o seu melhor – disse a presidente da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, Denise Assis.

Para quem quiser participar do curso, tem que andar rápido, pois as inscrições vão até a manhã desta sexta podendo ser feita na sede do Parque Estadual, que funciona das 10 às 16h.

Untitled Document