segunda-feira, 25 de setembro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Jebam volta a ser realizado após oito anos em Barra Mansa

Jebam volta a ser realizado após oito anos em Barra Mansa

Matéria publicada em 13 de setembro de 2017, 17:01 horas

 


Barra Mansa – A prefeitura realiza na próxima sexta-feira (15) o 2º Congresso Técnico sobre o Jebam (Jogos Escolares de Barra Mansa) 2017. A reunião com os representantes e educadores físicos das escolas acontecerá no Centro de Lazer do bairro Santa Rosa, a partir das 14h. Segundo o coordenador técnico do Jebam, Daniel Ferreira, o encontro será para definir as regras para a competição.

“No primeiro congresso nós apresentamos o evento e modalidades, dessa vez vamos explicar o regulamento e montar as tabelas de jogos”, completa.

Esse ano, o Jebam terá início em outubro e reunirá times em 19 modalidades, entre elas: Atletismo, natação, futsal, futebol, basquetebol, voleibol, handebol, badminton, tênis de campo e de mesa, ginástica artística, xadrez, vôlei de praia, judô, karatê, tae kwon do, queimada, cabo de guerra e câmbio.

Os Jogos Escolares de Barra Mansa envolvem alunos de 8 a 17 anos das escolas municipais, estaduais e particulares da cidade que competem entre si. De acordo com a secretária de Juventude Esporte e Lazer, Rose Vilela, cerca de 16 escolas confirmaram participação nos jogos e a expectativa é que o número chegue a 25 instituições, alcançando cerca de 3 mil alunos.

A cidade não promovia os jogos há oito anos. Para a secretária, ao longo desse período a cidade perdeu uma geração de futuros atletas. “Retomar o Jebam faz parte do processo de reconstrução de Barra Mansa. Precisamos despertar o amor e carinho pelas escolas em nossos estudantes que muita das vezes se sentem sem motivação e opções de lazer”, afirma.

Além do auxílio da Secretaria de Educação, os jogos contarão com o apoio de parcerias privadas. “Nós precisamos de apoios das empresas de nossa cidade dando suporte na realização das competições, além das famílias incentivando seus filhos a participarem, até porque acredito que a prática esportiva é uma forma de cidadania”, finalizou.

Para o subsecretário de Educação, Ricardo Rosas, o objetivo do Jebam não é formar esportistas, mas capacitar futuros cidadãos. “Esse é o momento dos alunos colocarem em prática o que aprenderam durante as aulas. O intuito não é cobrar resultados, mas incentivar os estudantes a praticarem esportes e, quem sabe, se tornarem atletas”, explicou.

Competição em destaque: Secretária de Juventude, Esporte e Lazer, Roze Vilela, e Daniel Ferreira discutem detalhes do projeto (Foto: Chico de Assis-PMBM)

Competição em destaque: Secretária de Juventude, Esporte e Lazer, Roze Vilela, e Daniel Ferreira discutem detalhes do projeto (Foto: Chico de Assis-PMBM)

 

2 comentários

  1. Barra Mansa, eita lugar ferrado! Olhem a sigla do evento! JEBAM! Parece coisa de jegue!

  2. Jogos escolares? Como? A direção da escola de meus filhos não soube explicar. A direção não é obrigada a ficar lá 8 horas por dia? deveriam ser comunicados. ou diretora agora é só pra tomar conta dos delinquentes que estao na porta da escola. Vai vendo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document