segunda-feira, 25 de setembro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Susesp volta a funcionar em período integral

Susesp volta a funcionar em período integral

Matéria publicada em 11 de setembro de 2017, 18:50 horas

 


Barra Mansa – A Susesp (Superintendência de Obras e Serviços Públicos de Barra Mansa) voltou a funcionar em período integral na segunda-feira (11). Para reduzir custos, o horário de expediente tinha sido alterado para apenas meio período no ano passado. A volta da carga horária integral, oito horas diárias, com café da manhã e almoço dentro do órgão, proporcionará aos trabalhadores mais comodidade, ganho em produtividade e tempo para prestar atendimento à população.

De acordo com o diretor executivo da Susesp, Fernando Balduíno, a equipe conta com aproximadamente 160 funcionários que terão novamente direito ao café da manhã e almoço no local, e mais tempo para atender às demandas do município. “O retorno do horário normal, o café da manhã e o almoço são ótimos para a valorização do servidor público. Ganhamos em produtividade com o horário integral e a população ganha o dobro de serviço, ocasionando uma melhora na qualidade de vida dos moradores de Barra Mansa”, afirmou.

O prefeito Rodrigo Drable esteve na Susesp para almoçar com os funcionários e acompanhar o primeiro dia de retorno à carga horária completa. “Ano passado, pagavam o salário inteiro, mas só se trabalhava meio período porque não era servido o almoço, devido à redução de custos. Agora, com a volta do almoço e com refeição de qualidade para a Susesp, teremos uma capacidade muito maior de trabalho para a reconstrução da cidade”, disse o prefeito.

Quem também esteve no almoço foi o presidente da Câmara Municipal,  Marcelo Borges. Marcelo agradeceu o empenho de Rodrigo na busca por melhores condições de trabalho para os servidores públicos. “O prefeito atendeu a reivindicação de todos os funcionários da Susesp. A alimentação dos trabalhadores voltou a ser servida e com isso, o município ganha e o próprio servidor também”, destacou.

5 comentários

  1. Ninguem quer trabalhar o dobro do tempo ganhando a mesma coisa ou um prato de comida.

    Quanta safadeza desse prefeito. O que vai anunciar agora ? que os funcionários da educação estão felizes com a revogação da lei e passar a trabalhar 9 horas ao invés de 6 horas ?

    • Fala besteira não menina. Eles não estão trabalhando o dobro do tempo, estão trabalhando o tempo que consta no contrato de trabalho que assinaram. Antes é que estavam trabalhando a metade do tempo pois a PMBM não tinha como servir o almoço e assim liberava todo mundo. Quem ganha com isso somo nós, pois agora haverá serviços sendo realizados tmb na parte da tarde. Para constar, não votei no Rodrigo e até agora ainda não me deu motivos para votar nele nas próximas eleições.

  2. Oooo DV, faltou na reportagem a parte da utilidade pública, endereço da susesp, telefone e e-mail para contato de sugestões e solicitação de serviços pela população.
    Ajuda aí né ….

  3. é vamos ver se tampa os buracos das ruas da boa sorte, que tá lamentável passar de carro.

  4. Os servidores estão felizes por voltar ao expediente integral por um prato de comida.
    Isso mostra bem a falsidade desse governo. Pura hipocrisia. Para que mentir assim?
    Será que esse almoço custa 20 reais por servidor também?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document