terça-feira, 18 de setembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / A falência do estado brasileiro

A falência do estado brasileiro

Matéria publicada em 27 de abril de 2018, 07:28 horas

 


Intervenção federal não melhorou a situação do Rio de Janeiro

wp-coluna-espaco-aberto-jorge-calife-2

Fracasso: Intervenção no Rio deu em nada

Fracasso: Intervenção no Rio deu em nada

Que o Brasil está no fundo do poço, isso todo mundo já está cansado de saber. Os sintomas da necrose do estado brasileiro estão nos noticiários todo o dia. Vejam o caso do Rio de Janeiro, onde a falada intervenção federal não produziu nenhum resultado pratico. As forças armadas colocaram alguns soldados nas ruas, emprestaram uns blindados para o Bope, e não adiantou nada. Quadrilhas de criminosos continuam dominando áreas enormes da ex-cidade maravilhosa.
Há coisa de uma semana, uma quadrilha invadiu o setor de cargas do aeroporto Tom Jobim e levou, tranquilamente, uma carga de celulares de última geração. Avaliados em um milhão de dólares (Cerca de 3,4 milhões de reais). Mas o detalhe mais surpreendente não foi a falta de segurança num aeroporto que fica ao lado de uma base aérea. Os celulares tinham rastreadores e a carga foi localizada na favela da Maré, a poucos quilômetros do aeroporto.
E o que foi que aconteceu? A polícia foi chamada e disse que não podia entrar na “comunidade”. A transportadora tinha que ficar no prejuízo já que a tal favela da Maré é uma daquelas áreas do Rio de Janeiro onde a polícia (leia-se o estado brasileiro não pode entrar).
Isso nunca aconteceria nas regiões civilizadas do nosso planeta. Imaginem a polícia francesa ou inglesa localizando o paradeiro de uma carga roubada e se recusando a recupera-la porque não pode entrar em determinada região de Londres ou de Paris. Eu sei que é covardia comparar o submundo brasileiro com o primeiro mundo, mas é assim que deveria ser. Se não podem recuperar uma carga roubada a poucos quilômetros do aeroporto internacional do Rio de Janeiro então pra que serve a intervenção federal, o exercito, a marinha? Será que teremos que pedir ajuda aos capacetes azuis da ONU?
Como o estado brasileiro não se faz presente os criminosos passam a substitui-lo. São as milícias do Rio de Janeiro, que cobram impostos dos moradores e dominam o comércio das regiões abandonadas pelo estado. E aí acontecem coisas insólitas. Há duas semanas a polícia invadiu uma festa promovida por milicianos na zona oeste do Rio de Janeiro. E prendeu 158 pessoas entre organizadores e participantes da festa. Antes houve tiroteio, já que os seguranças da festa, armados com fuzis, resistiram quando os policiais se aproximaram.
Na semana seguinte a prisão, assistimos pela tv aos lamentos e protestos dos familiares de alguns dos presos. Que afirmam que eles não tinham envolvimento com os bandidos e “só foram na festa para se divertir”. É uma daquelas coisas difíceis de explicar para meus amigos estrangeiros. Então o sujeito vai numa festa promovida por uma quadrilha de bandidos, com bandidos armados fazendo a segurança, e diz que é inocente? Ninguém é inocente num caso desses.
O pai de um dos presos deu entrevista na televisão justificando: “Eu compro bujão de gás da milícia, frequento a padaria controlada pela milícia, e não é por isso que sou bandido!” disse. É complicado, quando o estado abandona uma determinada região do país ou de uma cidade, e os bandidos tomam conta, fica difícil para o cidadão comum resistir. Que o digam aqueles moradores de conjuntos habitacionais do programa Minha Casa Minha Vida que foram expulsos pelos meliantes.
Diante deste quadro, já tem muita gente desistindo do Brasil e indo embora. Outro dia um amigo comentou que varias pessoas que ele conhece se mudaram para Portugal. Essa tem sido a opção de muitos empresários e microempresários brasileiros. Fazer o caminho inverso dos colonizadores portugueses. Mas a Europa é uma opção ao alcance de poucos privilegiados. Estamos caminhando rápido para uma realidade semelhante a da Venezuela. E não vai demorar muito para que multidões de brasileiros procurem refugio em países vizinhos como o Peru ou o Uruguai.
Quem viver verá.

JORGE LUIZ CALIFE | jorge.calife@diariodovale.com.br

38 comentários

  1. Cidadão do Sul Fluminense

    Não é preciso ir tão longe. Em Volta Redonda mesmo, todos os conjuntos Minha Casa Minha Vida Faixa 1 estão dominados por traficantes. Rigorosamente todos. Onde o estado não está presente, a bandidagem ocupa. Isso deveria ter sido pensado na época da construção dos conjuntos.

    Agora virão outros. E tudo vai se repetir. Insistem nos mesmos erros. E assim a cidade corre o perigo de sofrer ondas terríveis de violência. Evidentemente, a culpa não é dos moradores honestos – a grande maioria -, que na verdade também são vítimas. É do estado e da prefeitura que não se fazem presentes.

    • Uma coisa já está mais do que provada, essas nossas atuais leis não são suficientes mais para dissuadir criminosos. Os bandidos perderam o respeito pela polícia, pois sabe que nada acontece. Temos um terreno fértil para a delinquência agir, aquela máxima do “crime não compensa” não mais existe…

      E o mais estarrecedor é que são poucas pessoas (vide marginais) que matam muitas pessoas (de bem) em determinados locais. Ou seja, o brasileiro NÃO é violento como alguns costumam taxar. Pelo jeito que dizem, é como se “vizinho sim, vizinho não” fossem pessoas violentas e não é verdade. 0,001% da população aterroriza todo a imensa maioria de pessoas decentes, pacíficas e trabalhadoras. Isso não entra na minha cabeça…

      Tem algo de muito errado nisso… E é sempre muito explícito o tratamento dos órgãos do governo (sobretudo os direitos humanos e também grande mídia) quando um criminoso é morto pela polícia, o mesmo não ocorre quando um cidadão de bem é morto. Estamos caminhando para algo muito estranho, das duas uma, ou a criminalidade irá tomar conta de vez (mais do que já está) literalmente, ou começarão a surgir grupos de extermínio como a scuderia lecoq de décadas passadas…

  2. Excelente artigo, uma análise lúcida e realista da situação. E sim, as coisas ainda irão piorar MUITO! E o fundo do poço chegará mais rápido caso entre um populista no governo e não faça reformas profundas, o Brasil irá falir, dará calote, e teremos uma situação econômica similar à Grécia onde muitos foram “desaposentados”, servidores demitidos e poupanças retidas. E como estamos na América Latina, com toda a cultura e ideologia enraizada daqui, iremos parecer mais com Venezuela do que Grécia…

    Eu já estou me acostumando com isso, já joguei a toalha. A reforma no Brasil virá do caos e não do consenso, anotem isso. Depois que vi o povo revoltado porque queriam fazer um mero remendo na previdência e uma reforma trabalhista pífia, acabaram minhas esperanças. Sério.

    Quanto a intervenção militar no Rio, foi um total fracasso porque o deve ser feito não pode ser feito. Traduzindo: estamos em guerra, e como qualquer um sabe na guerra não gritamos pra quem está armado para levantar as mãos e se entregar. Pra bom entendedor…

  3. CULPA DOS COXINHAS…

  4. Estado, no sentido de instituição, é escrito com letra maiúscula: ” A falência do Estado brasileiro”.

  5. O sr Pafuncio se expressa na linguagem Paulo Freire , e é bem idiota.

    • A recíproca é verdadeira……

    • Quando o iletrado não tem argumentos, a suas armas são as ofensas

    • Smilodon Tacinus - O Emir Cicutiano

      “Quando o iletrado não tem argumentos, a suas armas são as ofensas”… Verdade universal, assim como é máxima sentença a baixa capacidade cognitiva e argumentativa de quem esbraveja sem razão…

  6. Esse é o resultado de duas décadas da esquerda no poder impondo suas políticas e ideias ao país. A situação atual vem do desastre econômico dos 13 anos de PT no poder, e da lenta erosão de nossas leis penais, diligentemente abrandadas pelos juízes ativistas, legisladores de esquerda e intelectuais orgânicos.

  7. Smilodon Tacinus - O Emir Cicutiano

    Por essas e outras sou monarquista…

    • Você acha que mudaria alguma coisa, se continuarmos com o mesmo comportamento? Que tipo de governo tem atualmente com todo surrealismo que estamos vendo acontecer no país? Eu tenho a impressão de estar num jogo virtual as vezes, e você? Não estou criticando seu comentário. Please só escreva alguma coisa.

    • Ô jagunço, vc nasceu com alguns séculos de atraso…..

    • Smilodon Tacinus - O Emir Cicutiano

      Sandra, na monarquia não há briga pelo poder, não há ardis e conchavos para alcançá-lo nem para nele se manter. O império é vitalício e hereditario, logo não há motivos para que se espolie o erário… Há muitos outros motivos, mas o poder moderador do monarca é o que o Brasil precisa. Nascemos do império e a ele devemos retornar…

    • Al Fatah, ou Smilodon como queira, estou achando impossível tirar aquela gente esquisita e extra terrestre do governo que monarquia no Brasil se torna apenas um sonho. Obrigada.

    • Primeira ação dos bandidos após o golpe militar de 15 de novembro de 1889: mandar oferecer uma quantia em ouro (não lembro quanto) para a família real deposta. D. Pedro II disse: “Com qual autoridade eles fazem isto com o dinheiro do povo?”. E foi para o exílio para não ser sacrificado junto com a família e outros amigos da monarquia.

      BRASIL MONARQUIA com apenas 01 constituição que durou por mais de 65 anos com avanços e progresso até o golpe.

      BRASIL REPÚBLICA com 06 constituições, 99 emendas e outros mais de 1000 pedidos para fazer o mesmo. 128 anos de atraso e roubos. República que não deu certo e nunca dará.

      BRASIL MONARQUIA no dia da independência o POVO ACLAMANDO D. Pedro I em campo aberto.

      BRASIL REPÚBLICA no dia do golpe os militares comemorando e o povo distante NÃO SABE O QUE ACONTECEU ATÉ HOJE.

    • …BRASIL REPÚBLICA com 06 constituições, a última com 99 emendas…

  8. O brasil vai precisar entrar em guerra civil e se separar em 3 ou 4 para as coisas entrarem nos eixos novamente. Todas as grandes nacoes do mundo passaram por isso. Sera agora a vez do brasil. brasil do sul, brasil do norte, brasil do meio… Os povos sao muito diferentes para conviverem juntos. Ninguem tem que ficar casado a força.

    • Concordo plenamente com o seu ponto de vista. Eu sempre achei que a imensidão do Brasil é um entrave à organização social e política, facilitando, inclusive e de uma forma aviltante, a existência da alta corrupção. Penso que a divisão em 3 Brasis já seria o suficiente para se começar a colocar ordem na casa, governados por gente séria e bem intencionada. Nada de ladrões do dinheiro público. Para estes, a guilhotina!

    • Linda essa sua colocação. Qual o seu critério p essa separação ? Nefasto o que está, implicitamente, nas entrelinhas de suas ideias.

    • Smilodon Tacinus - O Emir Cicutiano

      Separação não é solução. O Brasil sempre foi uno… Devemos sim é rever o pacto federativo para que os estados e municípios tenham maior autonomia, não só administrativa como também econômica… Sabia que, antes do governo centralizador de Getúlio, cada estado tinha suas próprias legislações tributárias e cambiais?… Hoje em dia, 70% de tudo o que é arrecadado pela fazenda pública passa pela União, para depois ser repassado para os estados e municípios, do jeito que todo mundo está careca de saber que acontece…

  9. Quem prega o voto nulo se omite e é melhor ficar calado e não ficar defendendo bandido condenado. obs. já exitem áreas em Londres e Paris dominadas por muçulmanos onde a policia tb não entra, no go zone.

    • Quem prega voto nulo não vota CONTRA, logo, está a FAVOR dos bandidos.

    • Larga de ser babaca. Como vc pode afirmar , de forma preconceituosa e imbecil, uma asneira dessa sem nunca ter saído da sua cidadezinha ? A sua limitação intelectual é perene, vá estudar e ler mais p não virar caixa de ressonância. Na “Go zone”, limitado na língua portuguesa e ainda quer se expressar em inglês.

  10. Agora que vc se deu conta de que o estado brasileiro faleceu? Eu acho que vc está atrasado uns 50 anos na publicação dessa matéria, caro jornalista.
    E te digo mais, sabe qnd o estado vai melhorar? Nunca!!!!

  11. A culpa de tudo isso é da época da ditadura militar, pois os militares prenderam os comunistas com presos comuns! Logo, esses presos comuns começaram a aprender dos comunistas as técnicas de terrorismo urbano e foram criando os CVs e PCCs que proliferam no Brasil…
    Além do mais todos as pesquisas presidenciais nas penitenciarias brasileiras, Lula aparece com mais de 80% de intenção de votos, pois os criminosos se identificam com a esquerda!
    Essas “comunidades” vão deixar de ser dirigidas por criminosos apenas depois de várias décadas, se e somente se, no Brasil forem colocados pessoas honestas tanto no executivo quanto no legislativo! Caso contrário a Venezuela está no horizonte do futuro brasileiro!
    Como diria Boris Casoy: “Isso é uma vergonha!”….

  12. O crime está de tal forma enraizado na sociedade brasileira que é difícil separar o certo do errado. Na minha opinião o erro teve início após a promulgação da constituição de 1988 e é lá que reside o princípio da ampla defesa, conferindo impunidade geral e irrestrita, alimento para o crime.

    • A constituição tupiniquim não serve nem como papel higiênico.

    • A corrupção está enraizada desde o GOLPE MILITAR de 15 de novembro de 1889.

      A primeira ação dos golpistas militares foi oferecer indenização a família imperial, a qual D. Pedro II disse: “Com que direitos eles fazem isto com o dinheiro do povo?”. E não aceitou, claro, indo para o exílio para não morrer sacrificado com a família!

      A indenização foi pelos bons serviços prestados a nação, segundo eles. D. Pedro II que numa única constituição que durou 65 anos uniu esta nação e o mapa do Brasil que hoje conhecemos.

      Quer saber mais? Jogue fora os seus livros de história e busque na internet sobre Brasil Império. Não escute conselhos dos republicanos (amebas e zumbis), capitalistas e comunistas para pesquisar somente Brasil Colonial.

      Só uma canja:

      01 CONSTITUIÇÃO MONÁRQUICA = 65 ANOS de paz e progresso
      06 CONSTITUIÇÕES REPUBLICANAS
      1891 = 32 ANOS

      1934 = 3 ANOS

      1937 = 9 ANOS

      1946 = 19 ANOS

      1967 = 21 ANOS

      1988 = 30 anos com 99 Emendas Constitucionais e outras mais de 1000 propostas para fazer o mesmo.

    • 13 PRESIDENTES QUE NÃO CONCLUÍRAM O MANDATO

      Deodoro da Fonseca: 1891

      Afonso Pena: 1909

      Rodrigues Alves: 1918

      Washington Luís: 1930

      Júlio Prestes: 1930

      Getúlio Vargas: 1945 e 1954

      Carlos Luz: 1955

      Jânio Quadros: 1961

      João Goulart: 1964

      Costa e Silva: 1969

      Tancredo Neves: 1985

      Fernando Collor: 1992

      Dilma Rousseff: 2016

  13. Precisamos de um governante com pulso forte e que tenha coragem de enfrentar esta situação de forma letal. Não posso afirmar que Bolsonaro seja a solução. Porém, dentre todos, ele se destaca para esta finalidade. O que está no fundo do poço em nosso país é a moralidade pública, já que esta encontra-se soterrada pelos verdadeiros canalhas existentes em nosso meio social.

  14. Tudo reflexo dos 14 anos de desgoverno da quadrilha “cumpanheira” Lula e Dilma. Venezuela é logo ali.

    • Essa é a sua verdade e a sua verdade não é verdadeira, não sou petista, mas a culpa não é só deles não…vai estudar um pouco sobre política e economia antes de repassar o que assiste na TV ou vê na internet.

  15. TÁ RECLAMANDO DE QUÊ COXINHA???? O EXÉRCITO NÃO RESOLVEU O PROBLEMA DA VIOLÊNCIA??? AH, SIM, A VIOLÊNCIA AUMENTOU DEPOIS DA “INTERVENÇÃO MILITAR”…

  16. Roberto de Oliveira

    O comandante da intervenção obedeceu para assumir esse comando porque militar tem que executar ordens superiores, mas desde o início mostrava que não estava nada satisfeito, pois sabia por experiências anteriores que isso não daria resultado sem um trabalho de longo prazo e sem envolver assistência social, principalmente na saúde e na educação. Como diria um bom mineiro: esse mingau é para comer pelas beiradas e o interventor sabe disso e não pode falar que a pressa é uma jogada eleitoreira. Em tempo: dessa turminha que está caindo fora do Brasil quase todos devem ser dos que acreditaram nos golpistas, que diziam que tudo iria melhorar muito depois do impeachment.

  17. Pagador de impostos

    É isso Calife. Só discordo em um ponto. Ainda não chegamos ao fundo do poço. E acho que esse fundo ainda está looooooonnnnnnnge.

    • Acho que vc quer dizer que já passamos do fundo do poço e está bem looooooooonge de chegar nele novamente, né?

Untitled Document