quinta-feira, 23 de novembro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Colunas / Prepare seu pet para o Halloween

Prepare seu pet para o Halloween

Matéria publicada em 29 de outubro de 2016, 07:10 horas

 


Dia das Bruxas no Brasil é alvo de muitas críticas; comemoração da data é recente

wp-coluna-animal-glayce-cassaro-pereira

O Halloween está chegando, e você sabe o que é? Trata-se de uma festa comemorativa celebrada todo ano no dia 31 de outubro, véspera do Dia de Todos os Santos.

Primeiramente chamada de All Hallow’s Even (noite que antecede o dia de todos os santos) e atualmente reduzido para Halloween, ela é comemorada em grande parte dos países ocidentais, porém, é mais representativa nos Estados Unidos.

No Brasil a comemoração desta data é recente. Chegou ao nosso país através da grande influência da cultura americana, principalmente vinda pela televisão. Os cursos de língua inglesa também colaboram para a propagação da festa em território nacional, pois valorizam e comemoram esta data com seus alunos, uma forma de vivenciar com os estudantes a cultura norte-americana.

A história desta data comemorativa tem mais de 2.500 anos. Surgiu entre o povo celta, que acreditava que no último dia do verão (31 de outubro), os espíritos saíam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para assustar estes fantasmas, os celtas colocavam, nas casas, objetos assustadores como, por exemplo, caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas, entre outros.

Por ser uma festa pagã foi condenada na Europa durante a Idade Média, quando passou a ser chamada de Dia das Bruxas. Com o objetivo de diminuir as influências pagãs na Europa Medieval, a igreja cristianizou a festa, criando o Dia de Finados (2 de novembro).

O Dia das Bruxas aqui Brasil é alvo de muitas críticas, há pessoas que são contra, pois dizem que é uma festa americana e nada tem a ver com nossa cultura e, portanto, deveria ser deixada de lado. Outras argumentam que o Brasil tem um rico folclore que deveria ser mais valorizado. Além de receber fortes críticas dos setores religiosos, relacionadas a origem pagã da festa que dissemina, principalmente entre crianças e jovens, ideias e imagens negativas, que não correspondem aos princípios e valores cristãos que é a prática do bem.

Independente das opiniões com relação ao Halloween, uma coisa é certa, o povo brasileiro é festeiro, e o que as pessoas mais querem com essa data é poder se divertir.

Por ser uma festa que está relacionada, em sua origem, à morte, ela resgata elementos e figuras assustadoras, como fantasmas, bruxas, zumbis, caveiras, monstros e até personagens como Drácula e Frankenstein. Crianças e adultos participam desta festa decorando suas casas; o comércio também se enfeita; festas são organizadas para que pessoas possam se exibir com as mais diferentes e criativas fantasias.

E quem disse que os pets ficam fora dessa? Nessa época, os pet shops capricham nos acessórios como laços, gravatas, bandanas, tudo no tema. Além de desfiles serem promovidos para ser eleita a fantasia mais criativa.

A intenção é se divertir, mas não se esqueça, o mais importante é que seu animalzinho esteja confortável e feliz.

 

Veja algumas das ideias de como enfeitar seu amiguinho

 

 

Quer ver o seu bichinho de estimação aqui também? Basta enviar uma foto dele para o e-mail (glayce.cassaro@diariodovale.com.br). Sugestões e dúvidas também são bem vindas.

 

 

GLAYCE CASSARO PEREIRA | glayce.cassaro@diariodovale.com.br

Untitled Document