terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Ônibus é incendiado na Via Dutra, em Itatiaia

Ônibus é incendiado na Via Dutra, em Itatiaia

Matéria publicada em 17 de fevereiro de 2017, 12:00 horas

 


Ação pode ter sido em represália ao assassinato de um comerciante, morto por um PM

Itatiaia- Um ônibus da Viação Resendense foi incendiado no fim da noite de quinta-feira (16) por seis homens. O crime foi praticado na pista auxiliar da Via Dutra, no KM 317, na pista sentido Rio, próximo ao bairro Jardim Itatiaia. Eles jogaram gasolina e atearam fogo no ônibus e obrigaram o motorista, de 33 anos, e os passageiros a descerem do veículo.

Policiais estão apurando a denúncia de que o incêndio no ônibus teria sido em represália ao assassinato do comerciante Ronald Gomes, de 29 anos, ocorrido na noite de quarta-feira (15). A vítima foi morta por um PM, lotado na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Fazendinha, no Rio. O crime foi no Jardim Itatiaia, próximo ao mesmo bairro onde o ônibus foi incendiado.

O comandante do 37ª Batalhão da PM (Resende), Rogério Jackes, disse que possivelmente o incêndio por ter sido uma resposta à morte do comerciante. “Embora esse tipo de represália não seja uma característica de nossa região, e sim dos grandes centros do país”, disse Jackes.

Policiais rodoviários federais que estiveram no local do incêndio foram informados que dois dos suspeitos já estavam dentro do ônibus. Um deles apontou um revólver para o motorista e o obrigou a parar o ônibus. Outros quartos comparsas já aguardavam do lado de fora do veículo.

– Em seguida, o motorista abriu a porta para o restante do bando entrar. Eles esperam que todos os passageiros desembarcassem e depois passaram a jogar gasolina no ônibus, que foi totalmente incendiado – disse o inspetor da PRF, Carlos Nogueira Fernandes.

Os incendiários, que não foram identificados, fugiram em direção a uma localidade conhecida como Linha Velha. Não foi levado dinheiro do caixa do ônibus.

O caso está sendo investigado pelo delegado titular da 99ª DP (Itatiaia), Vicente Maximiliano. O policial também apura a morte do comerciante e indiciou o policial militar por homicídio.

O PM não ficou preso porque o delegado entendeu que ele se apresentou espontaneamente à polícia e chegou a socorrer e levar o comerciante para um hospital da cidade, onde ele morreu.

Outro caso

No final de dezembro do ano passado, duas carretas cegonha – que transportavam 20 veículos zero quilômetro – foram totalmente destruídas por um incêndio criminosos por volta das 2h da  madrugada do dia 29 de dezembro, no Km 302 Via  Dutra, sentido Rio, em Resende. Apenas dois veículos não foram destruídos pelas chamas.

Ônibus da Viação Resendense foi incendiado por seis homens, na Via Dutra (foto: Cedida pela PRF)

Ônibus da Viação Resendense foi incendiado por seis homens, na Via Dutra (foto: Cedida pela PRF)

 

13 comentários

  1. Geralmente que põe fogo não anda de ônibus!! Como assim, vc está louco? Não, não estou louco… Pai e mãe de família não põe fogo, trabalhador não põe fogo, quem põe é bandido e esta classe não ficam dando sopa por aí, só agem na escondida!

  2. Se balear alguém , socorre lo e se apresentar se ao delegado, está livre, tudo resolvido. É isso mesmo! Chiiiiii!i se a moda pega.

  3. Será que era só comerciante mesmo? Bandidos agindo em represália à morte de um comerciante?… Toda história tem dois lados e um fato. O fato já é conhecido, bem como um lado da história…

  4. É muito desocupado e bandido, proliferando igual a insetos! Seres desconstrutivos, irracionais e perversos. E muitos otarios ainda acreditam em democracia… poder emanado desses merdas, monossilábicos excretores de ignorância?

  5. liberdade e propriedade

    Foi para isso que pediram emancipação?? Proliferação de favelas por todo município! Arrastões na Via Dutra em Itatiaia! Botar fogo em ônibus!

    • Como se Resende fosse melhor que Itatiaia! Só é maior, nada mais… Cidade Alegria e anexos, além da região das Barras, estão entre os lugares mais barra pesada e violentos de todo o Sul Fluminense…

    • liberdade e propriedade

      Resende não tem favelas, arrastões na Dutra e fogo em ônibus!!! Problemas verificados somente em capital!! Itatiaia era para ser tranquila como Queluz, como toda cidade pequena!! Poste a fonte que esses lugares são os mais violentos da região, falastrão! Resende é segura, planejada, ordeira e sob a tutela de uma sociedade forte e tradicional. Pergunte a Penedo porque eles querem voltar. Não fala do que não sabe ou dissimula. A sua cidade sim tem morros e favelas verdadeiramente violentos e franelinhas. Então a pergunta continua para os emancipacionistas, foi para isso que pediram emancipação, mestres em gestão????????

    • Favela é sinônimo de violência? Nunca foi. resende sim é uma das cidades mais violentas da região, por ser um municipio de baixa expressão populacional, se comparados a municipios maiores.

    • O pior bairro de VR é melhor que Baixada da Olaria, Vicentina, Fazenda da Barra e outras quebradas. Resende é uma cidade insossa, sem graça. Itatiaia é menor, porém mais jeitosinha e com arrecadação própria. Se algum lugar deveria voltar a ser distrito, esse é Pinheiral… Quanto aos números da violência, te recomendo ler mais, as estatísticas não mentem. Resende só perde para Angra em violência per capita, saiu até matéria no DV, pesquisa aí…

    • Comparar Itatiaia com Queluz é igual compara VR com Resende. A densidade urbana é muito discrepante, só um leigo mesmo pra chutar tão torto…

    • Flanelinhas? Quer mesmo que eu responda por que Resende não tem? Acho que nem é necessário… Quanto aos morros, são parte do relevo, não tem como tira-los de lá, e pra falar a verdade nao gosto de cidades planas, fica um visual monótono demais…

  6. Deveriam ter feito isso quando aumentaram criminosamente o valor das tarifas! Assim, voltariam ao preço anterior, como fizeram com a Colitur em Paraty!

    • Piada neh… E quem disse que mudou alguma coisa. Faz me rir.
      O povo continua andando em ônibus lotado, continua pagando caro;

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document