sábado, 19 de agosto de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Engenharia Pública: Assistência técnica gratuita começa a ser debatida em Itatiaia

Engenharia Pública: Assistência técnica gratuita começa a ser debatida em Itatiaia

Matéria publicada em 17 de fevereiro de 2017, 11:52 horas

 


Segundo o Prefeito, Eduardo Guedes, a meta é atingir um modelo de engenharia pública funcional e efetiva para Itatiaia

Itatiaia – “A engenharia pública é um projeto de caráter social que oferece gratuitamente às comunidades carentes serviços relacionados a construção civil”. Com base nesta definição, o prefeito de Itatiaia, Eduardo Guedes, o Dudu (PMDB), juntamente com o secretário de Planejamento, César Aires, recebeu na tarde desta quinta-feira (15) no gabinete o presidente do Crea-RJ, Reynaldo Barros, para firmar um protocolo de intenção para implantação da modalidade em Itatiaia.

Na ocasião, foram estabelecidas outras metas de melhorias e aprimoramento na área de Engenharia para o serviço público, como: capacitação para os agentes de fiscalização da secretaria de Obras e valorização de profissionais da área de Engenharia no setor.

– Queremos firmar a parceria para nos ajudarmos mutuamente. Entendemos que a melhoria do serviço público, principalmente na área de Engenharia, passa pelo aprimoramento dos serviços, e isso temos como prioridade política. Temos que entender que a crise econômica não inibe as iniciativas públicas – pontua Eduardo Guedes.

Segundo o secretário de Planejamento, César Aires, a implantação da Engenharia Social em Itatiaia é uma ferramenta importante para diminuir o déficit habitacional na cidade e, principalmente, reduzir com responsabilidade pensando na qualidade de vida do morador.

– A vinda do Conselho (CREA) em Itatiaia reafirma o nosso compromisso com o povo de Itatiaia para melhorarmos a cidade em todos os sentidos. E quando o assunto é Engenharia Pública, queremos ser os pioneiros no Estado do Rio a implantar este serviço que só tem a melhorar a cidade – declara o secretário e ainda pontua – nossa ideia é assegurar às famílias de baixa renda assistência técnica pública e gratuita para o projeto e a construção de habitação – finaliza.

O resultado previsto pelo projeto, segundo o presidente do Crea-RJ, Eng. eletricista e de Segurança do Trabalho, Reynaldo Barros, é, portanto, fazer com que comunidades carentes de recursos financeiros tenham acesso a engenharia de qualidade e consigam superar as necessidades referentes à moradia.

– A engenharia caracteriza-se por atividades de interesse social e humano. O programa de engenharia pública permite a assistência técnica gratuita às famílias em situação de vulnerabilidade social e tem respaldo em lei. Podemos instituir uma Anotação de Responsabilidade Técnica social pra implantarmos o programa em Itatiaia que será modelo pro Estado, trazendo os profissionais para este trabalho social – pondera.

Eduardo Guedes: 'Queremos firmar a parceria para nos ajudarmos mutuamente" (Foto: Divulgação)

Eduardo Guedes: ‘Queremos firmar a parceria para nos ajudarmos mutuamente” (Foto: Divulgação)

 

Untitled Document