segunda-feira, 16 de julho de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Festa de Ano Novo movimenta indústria hoteleira fluminense

Festa de Ano Novo movimenta indústria hoteleira fluminense

Matéria publicada em 28 de dezembro de 2017, 17:57 horas

 


Paraty é um dos pontos mais procurados no interior do estado do Rio

Paraty é um dos pontos mais procurados no interior do estado do Rio (Felipe de Souza)


Rio – 
A 5ª prévia da Associação da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ) sobre a reserva de quartos nos hotéis da Capital Fluminense para o período de 30 de dezembro deste ano a 1º de janeiro de 2018 mostra uma ocupação, na média geral, de 87%. A expectativa é de que a ocupação para o Réveillon 2017/2018 na Capital alcance 97%. Em 2016, o percentual foi de 85%. A pesquisa da Associação de Hotéis, realizada entre os seus associados, foi divulgada ontem.

No comparativo com a 4ª prévia, verificou-se um crescimento de cinco pontos percentuais: de 83% para 87%. O salto mais expressivo foi na região do Centro, que foi de 65% para 78%. A área de Copacabana/Leme teve ligeira queda de 92% para 91%. Já Ipanema/Leblon saltou de 88% para 92%, Flamengo/Botafogo de 86% para 91% e Barra/São Conrado de 81% para 85%. Na análise por categoria (estrelas), verificou-se que os hotéis 5 estrelas estão com 89% de ocupação, os 4 estrelas têm 87% e os 3 estrelas, 86%.

No interior

Já a ocupação hoteleira no interior do Estado do Rio de Janeiro para o Réveillon 2017-2018, segundo a pesquisa da Associação de Hotéis, deve ficar em 83,42%, na média. O resultado será superior ao Réveillon do ano passado, que bateu 74,69%.

Nilo Sergio Felix, secretário de Turismo, acredita que este será um Réveillon com números marcantes para o turismo da Capital e do interior.

– A Capital está mostrando a sua força como destino de referência para as festas do fim de ano. E as cidades do interior do estado, com uma média de ocupação superior a 83%, reafirmam sua importância como destinos procurados pelos turistas nacionais e internacionais em feriados prolongados. As cidades de Arraial do Cabo, Paraty e Cabo Frio se destacam no litoral. Já os municípios de Teresópolis, Itatiaia e Vassouras são os mais procurados na Serra e no Vale do Café – explicou o secretário de Turismo.

Untitled Document