sábado, 23 de junho de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Ministros e Petrobras discutem alta no preço dos combustíveis

Ministros e Petrobras discutem alta no preço dos combustíveis

Matéria publicada em 22 de maio de 2018, 07:28 horas

 


Alta nos valores dos combustíveis volta a ser discutido pelo governo. (crédito Divulgação)

Brasília – Pelo segundo dia consecutivo, a alta no preço dos combustíveis é tema de reuniões em Brasília. Os ministros da Fazenda, Eduardo Guardia, e de Minas Energia, Moreira Franco, têm encontro marcado hoje (22), a partir das  9h, com o presidente da Petrobras, Pedro Parente, para uma conversa técnica sobre o assunto.

As reuniões ocorrem no momento em que os caminhoneiros deflagraram uma paralisação por tempo indeterminado e que bloqueiam rodovias em vários estados. A categoria reclama do reajuste das tarifas do diesel, que encarecem o valor do serviço.

Ontem (21), no final da tarde, o presidente Michel Temer convocou uma reunião de emergência para tratar do mesmo tema com os ministros Moreira Franco (Minas e Energia), Eliseu Padilha (Casa Civil), Eduardo Guardia (Fazenda), Esteves Colnago (Planejamento) e o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, no Palácio do Planalto.

Também ontem a Petrobras informou que deverá elevar os valores do diesel em 0,97% e os da gasolina, em 0,9% nas refinarias a partir de hoje. Na semana passada, houve vários reajustes de preço nas refinarias. Há discussões no governo sobre a possibilidade de redução da cobrança de tributos sobre os combustíveis. Existem situações em que a composição de impostos supera 40% do valor final do preço. Padilha disse que o governo estuda uma forma de tornar os preços dos combustíveis mais “previsíveis”.

7 comentários

  1. chicó, chevette parado

    Brasil o pais mais corrupto do mundo, onde corrupto condena corrupto, bandidos de gravatas.

  2. VIVA O LIVRE MERCADO!!!!!!! QUEM NÃO CONSEGUE COMPRAR, NÃO COMPRA!!!!!!!

  3. MEQUETREFES discutindo aumento preços combustível? Muito preocupados! Vejam tamanho nariz pinóquiooooossss.

  4. liberdade e propriedade

    Não tem o que discutir com a Petrobras, essa só fica com 1/3 do valor da bomba. O governo tem que abaixar os impostos que são 50% do valor da gasolina. Subiu os impostos durante a crise, se já passou o pior da crise, volte os impostos aos patamares de antes, no mínimo isso.

    Cidadão, toda vez que tu compra 1 litro de gasolina no posto, por 5 reais, aproximadamente 1,5 reais é da Petrobras, 1 real do posto e 2,5 reais do governo (que nada faz no processo)

    • O bandido do Temer está precisando de dinheiro para torrar mais nas eleições comprando apoio, como fez nas duas vezes que comprou os deputados para votar contra as denúncias.

      Não é novidade no Brasil dos ELEITORES DE BANDIDOS do PMDB. Quando precisam de dinheiro aumentam impostos.

      Eu alertei e fiz campanha para não votarem no PMDB. Agora aguentem!

    • A impressão é que os preços só mudam quando há aumento, nunca quando caem nas refinarias. Só abasteço com gasolina e nunca vejo o preço baixar. Eles falam que vão diminuir e não diminuem nada. Não veja nenhuma redução no preço, nem um centavo sequer…
      O caminho da gasolina entre refinarias e os postos é longo, há outras revendedoras no meio e embute impostos e frete. Haja impostos para manter essa turma de políticos corruptos e criminosos engravatados nos governos municipais, estaduais e federal, é muita gente mamando nessas tetas…

    • Smilodon Tacinus - O Emir Cicutiano

      É a famigerada Lei da Responsabilidade Fiscal… O nome parece ser de algo sério, disciplinador, justo, mas só serve para dizer o seguinte: o governo nunca poderá receber hoje menos do que recebeu ontem…

Untitled Document