sábado, 23 de junho de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Shopping participa do Dia da Liberdade de Impostos

Shopping participa do Dia da Liberdade de Impostos

Matéria publicada em 20 de maio de 2018, 17:09 horas

 


Resende

Na próxima quarta-feira (24), comerciantes de todo o Brasil promovem a ação Dia da Liberdade de Impostos (DLI), a data marca, simbolicamente, o dia em que os brasileiros deixam de trabalhar apenas para pagar impostos e passam a usufruir da remuneração recebida. Neste dia, empresas dos mais variados segmentos comercializam produtos com o desconto referente ao valor da carga tributária incidente sobre eles.
Segundo estudos divulgados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas Jovem (CNDL), o brasileiro trabalha, em média, 150 dias ao ano para quitar todos os impostos atribuídos às suas necessidades. Alessandro afirma, ainda, que metade do valor cobrado por alguns produtos é referente à carga tributária. “Ás vezes, até mais do que a metade. Uma marca de videogame, por exemplo, tem cerca de 72% de imposto embutido em seu preço. A cerveja tem 55%, sapatos 58%, e assim por diante”, revelou o superintendente.
Ao todo, 15 estados vão participar da ação: Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina. No ano passado, os descontos ao redor do país chegaram a 80%.
Em Resende, os consumidores que visitarem o Resende Shopping, terão a oportunidade de adquirir produtos com até 40% de desconto. O superintendente do shopping, Alessandro Machado, explica que a data funciona também como forma de conscientização e protesto.
– No DLI, nós buscamos vender os produtos pelo preço real, sem impostos, para que a população tenha ciência da grande carga tributária brasileira. E que, na maioria das vezes, o alto valor dos produtos não é culpa dos empresários – defendeu.

2 comentários

  1. E quando a inflação é 2,95% e os comerciantes já reajustaram em 10% para arredondar ou MUITO MAIS? Mês passado fiz a vistoria do gás. Em 2017 paguei 200 Reais. Agora 250 Reais. Quanto foi o reajuste e quanto foi a inflação?

  2. Liberdade e propriedade

    São mais que 150 dias, cálculo uns 300. Veja: Você vale para o empregador o dobro do que ganha, o governo retém 50% sem você ver, depois retira 27% da metade que te sobrou, depois, dos 1/3 que te restou, vai perder 50% toda vez que consumir, restaram 1/6 ou 15%, e ainda vei ter que pagar IPVA, IPTU e todos os serviços privados pois os públicos não prestam. Entendam que se não fosse a carga tributária tão alta, nosso padrão seria melhor que dos americanos. O governo é para nós, pior que a coroa portuguesa foi. Quero Liberdade e respeito a minha propriedade.

Untitled Document