quinta-feira, 20 de setembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / União da Força Sindical com a CUT se estenderá a outros sindicatos da região

União da Força Sindical com a CUT se estenderá a outros sindicatos da região

Matéria publicada em 21 de março de 2018, 09:40 horas

 


Maiores centrais do país se unem para enfrentar efeitos da reforma trabalhista sobre o sindicalismo

Silvio: 'Vamos aproximar o trabalhador do sindicato'

Silvio: ‘Vamos aproximar o trabalhador do sindicato’

Volta Redonda- A chapa conjunta CUT/Força Sindical que vai administrar o Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense a partir de 8 de setembro pode se repetir em outros sindicatos da região e podem se estender pelo país. As duas maiores centrais sindicais do país resolveram se unir com o objetivo de enfrentar os efeitos da reforma trabalhista sobre o sindicalismo.

– Precisamos superar nossas divergências e unir forças para barrar as consequências da reforma trabalhista, que criou uma série de empecilhos para a aproximação entre o trabalhador e seu sindicato. E, com a determinação legal de que o negociado se sobrepõe ao legislado, ou trabalhador e sindicato se unem ou morrem os dois – disse Silvio Campos.

Zeomar Tessaro,  diretor do Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil e representante da CUT na região, confirmou que a ideia de união entre as duas centrais pode se estender a outrs sindicatos da região e até pelo país. Segundo ele, decisão de fazer uma aliança entre as duas centrais sindicais na administração do Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense foi tomada em nível de comando nacional das duas entidades, para tentar enfrentar os efeitos da reforma trabalhista.

– As divergências (entre a CUT e a Força Sindical) têm que ser encostadas num cantinho, porque os desafios são maiores que elas – declarou Tessaro.

Eleição

Terminou na noite de terça(20),  a apuração da eleição do Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense. A chapa única, encabeçada pelo atual presidente Silvio Campos e pelo vice Renato Soares teve quantidade de votos suficiente para atingir o quorum e vai comandar a entidade por mais quatro anos. Silvio destacou que “a eleição foi limpa e democrática, com a publicação do edital em quatro jornais da região, incluindo o DIÁRIO DO VALE, boletins divulgando o prazo para inscrição de chapas em todas as empresas e diversas entrevistas a rádios locais falando do assunto”.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, que permanece no cargo depois do fim do mandato, lembrou que a chapa reeleita tem 20% de renovação.

Campanha

Silvio informou ainda que as campanhas salariais dos metalúrgicos na região, incluindo aquelas das grandes empresas, como as montadoras e as siderúrgicas, serão unificadas, mesmo que as negociações sejam separadas.

O sindicato fez uma pesquisa unificada com todos os metalúrgicos e está tabulando os resultados para elaborar as pautas de cada empresa. Ainda sem os dados finalizados, Silvio Campos antecipou um dos pontos que farão parte da pauta:

– Vamos buscar aumento real, porque a inflação está muito baixa e a indústria mostra uma recuperação lenta, mas firme – disse Silvio.

Planos

O Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense vai criar pelo menos duas secretarias quando a nova diretoria assumir, em setembro. Uma delas será a Secretaria da Mulher, a ser comandada por Daniela Alves. A intenção é que as mulheres metalúrgicas tenham um canal em que possam conversar com outra mulher sobre assuntos como assédio ou discriminação no trabalho. Outra secretaria será a da Juventude, com o objetivo de aproximar o sindicato dos trabalhadores mais jovens, que já são maioria na maior parte das empresas.

12 comentários

  1. PATRONAL…SÓ ISSO! QUEM LÊ ENTENDA.

  2. Se até os donos bda empresa estão em pé de guerra o podemos nós míseros operários esperar desse gato safado.Que Deus tenha piedade de nós.

  3. SINDICATO ANTES DE MAIS NADA DEVERIA SOLTAR UM BOLETIM NAS PORTAS DAS FABRICAS A CADA MÊS COM O BALANÇO FINANCEIRO DIZENDO : QUANTO O SINDICATO ARRECADA E QUANTO GASTA, E OS SALARIOS DE CADA UM DESDE O PRESIDENTE PASSANDO PELOS DIRETORES ATÉ CHEGAR AO ZELADOR . TRANSPARENCIA COM O PATRIMÔNIO DA CATEGORIA, PRESTAÇÃO DE CONTAS, HONESTIDADE, RAZOABILIDADE E ÉTICA .
    DEVERIA PUBLICAR OS BALANÇOS DE ANOS ANTERIORES E O ATUAL PRA CATEGORIA SABER COMO ESTÁ SENDO GERIDO E QUAL O PESO DOS SALARIOS . QUEM SABE SE PRESTANDO CONTAS E TENDO TRANSPARÊNCIA E LUTANDO VERDADEIRAMENTE PELAS CAUSAS DOS METALURGICOS OS MESMOS POSSAM COLABORAR MAIS FINACEIRAMENTE !

  4. A CSN coagiu seus funcionários a votar para atingir os 1600 votos para validar a eleição. O que está sem resposta é o que o Sindicato pelego vai retribuir a CSN, será o acordo coletivo 2018/2019/2020/2021? Será ficar calado com as demissões em massa após a implantação do turno de 8 horas? Ou ainda não se opor a PPR mediocra que será paga aos funcionários em 2018?
    Vamos aguardar os próximos capítulos da quadrilha de Silvio Campos e Renato Soares.

  5. PARABENS A MELHOR COISA E SE UNIR, FICAR BRIGANDO E TUDO QUE O CAPITALISMO SELVAGEM QUER< ESSA TURMA DO CONLUTAS FICA AI NA PORTA DA USINA CHORANDO< TEVE CHANCE PARA MONTAR CHAPA NAO MONTOU JA ERA AGORA DEIXA A CUT E A FORCA TRABALHAR.

  6. Valdecir jose Mariano

    Silvio parabéns ! Continue como sempre o fez defendendo há classe metalurgica.Que sempre vem sofrendo nas mãos dos patrõe.abraços a toda sua diretoria, que Deus os Gui nessa jornada ardia.

  7. Sem a bocada de descontar um DIA de trabalho na marra, quero ver esses “defensores” dos trabalhadores arranjarem grana. E não adianta aprovar em assembleia desconto para todos porque não cola. Quem quiser “doar” um ou até 3 ou 5 dias de salário pode doar. Eu de minha parte nada doarei.

  8. O que eu não consigo entender são duas coisas:
    O sindicato tem um corpo jurídico competente e colocou o processo da PLR, em escritório particular.
    1- Que colocasse com Escritório particular, mas que negociasse, certamente encontraria um que cobrasse menos de 20 ou 30%.
    2 – Por qual motivo não privilegiou os sindicalizados?

  9. Vai continuar a mesma merda!!! sai um, entra outro e sempre continua a mesma lenga lenga!!!!

  10. Parabéns diretoria vitória merecida.

Untitled Document