segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Brasil nunca perdeu para o Japão e Neymar costuma brilhar

Brasil nunca perdeu para o Japão e Neymar costuma brilhar

Matéria publicada em 9 de novembro de 2017, 18:39 horas

 


Paris – Rival da Seleção Brasileira no amistoso desta sexta-feira, em Lille, na França, o Japão não deverá dar muito trabalho aos canarinhos. Isso porque os japoneses jamais sentiram o gostinho de derrotarem os brasileiros.

Em 11 jogos oficiais entre os dois times, o Brasil ganhou nove e ainda foram registrados dois empates. A Seleção Brasileira marcou 31 gols, média de quase três por confronto, e teve as suas redes balançadas em apenas quatro ocasiões.

O primeiro encontro foi um amistoso no Rio de Janeiro, em 1989, na preparação para a Copa do Mundo de 1990. Em uma tarde de quarta-feira, em São Januário, o triunfo por 1 a 0, com gol marcado pelo meia Tita, teve poucos registros.

Em competições oficiais o primeiro encontro foi um 0 a 0 pela Copa das Confederações de 2001. O resultado contribuiu para uma eliminação precoce da Seleção Brasileira.

Quando o assunto é Copa do Mundo, Brasil e Japão se enfrentaram apenas uma vez, na fase de grupos do Mundial de 2006, na Alemanha. Os japoneses, comandados por Zico, abriram o placar com Keiji Tamada. Porém, Ronaldo (2), Gilberto e Juninho Pernambucano garantiram a goleada por 4 a 1.

Outro jogo marcante foi a estreia da Seleção Brasileira na Copa das Confederações do ano passado. Jogando em casa, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF), os brasileiros ganharam com facilidade por 3 a 0. Neymar, Paulinho e Jô marcaram os gols do jogo.

No último duelo o show foi de Neymar. Em outubro de 2014 o Brasil ainda lutava para esquecer a humilhante goleada de 7 a 1 para a Alemanha nas semifinais da Copa do Mundo. Dirigido por Dunga, o time canarinho goleou por 4 a 0 em amistoso disputado na Cingapura. O atual craque do PSG marcou todos os quatro gols.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document