quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Bloco da Vida realizará seu 20º desfile de Carnaval este ano

Bloco da Vida realizará seu 20º desfile de Carnaval este ano

Matéria publicada em 6 de fevereiro de 2018, 13:55 horas

 


Apresentação será dia 24 de fevereiro na Vila Santa Cecília

Angra dos Reis – A poucos dias do Carnaval, o galpão do Bloco da Vida, na Ilha São João, é só correria para preparar os últimos retoques dos adereços e fantasias para a folia deste ano, que terá como título do samba enredo “Pra não dizer que não falei das flores”. O samba, que vai tratar das flores e as relações que a sociedade tem com elas, promete animar a avenida.

De acordo com a coordenadora, Fátima Martins, os integrantes do bloco estão se esforçando com os preparativos desde março do ano passado para que tudo dê certo. Eles querem fazer bonito no dia da apresentação, que vai ser realizada no dia 24 de fevereiro, na Vila Santa Cecília, encerrando as festividades de Carnaval em Volta Redonda.

– Estaremos esse ano realizando o nosso 20º desfile, que ocorrerá na Vila Santa Cecília com 750 foliões, entre 50 e 94 anos de idade. Teremos uma equipe de 35 pessoas, além dos carros alegóricos e apoio. O trabalho de preparação sempre se inicia normalmente após o Carnaval, onde começamos a idealizar o próximo desfile – explica, ressaltando que a importância das flores será retratada nos carros alegóricos que vão contar com floristas e muita beleza.

Na avenida: Samba vai tratar das flores e as relações que a sociedade tem com elas (Foto: Júlio Amaral)

Na avenida: Samba vai tratar das flores e as relações que a sociedade tem com elas (Foto: Júlio Amaral)

Segundo Fátima, tudo começa com a definição do samba enredo e logo em seguida a elaboração do protótipo das fantasias pelo carnavalesco Paulo Bernardo. Depois é feito o cálculo do quantitativo do material a ser utilizado, como tecidos, galões e estruturas para as chapelarias e costuras, para então serem fornecido à prefeitura, para abrir o processo licitatório e assim a aquisição de todo o material.

– Para este ano o título do samba enredo será “Pra não dizer que não falei das flores”. Sairemos com 49 destaques de chão e composição dos carros alegóricos. Já na bateria serão 45 instrumentistas sob o comando de Clareti Patrocínio e Ailton Lino. É prazeroso fazer este trabalho, mas acredito que a parte mais difícil é a carga horária. Apesar disso, é muito gratificante participar e o resultado final desse trabalho é emocionante. Ver a alegria deles é bom demais, pois o bloco ajuda a aumentar a autoestima dos membros que desfilam – diz, orgulhosa.

Por enquanto, afirma Fátima, os ensaios são feitos com a comissão de frente e a bateria, mas já está se amadurecendo a ideia de viabilizar um ensaio geral com todos os membros.

A aderecista Maria das Graças Pereira Rodrigues, responsável pela montagem dos adereços do bloco, já atua há seis anos nesta função e afirma que normalmente é depois de março que se inicia o trabalho dos desenhistas e dos protótipos para o Carnaval do ano seguinte. Mas só em outubro é que começa a confecção das alas.

– Gosto muito de trabalhar na confecção dos adereços. E apesar do carnavalesco dar todas as dicas, ele nos dá liberdade para usarmos a criatividade nas fantasias e complementos dos adereços – fala.

Pra não dizer que não falei das flores

 

Oh luz! Oh luz da criação

Iluminai a passarela

Pra Terceira Idade desfilar

Nesse enredo que exala a poesia

As borboletas vão surgindo com um tom celestial

Colorindo apareceram as margaridas

Oh mãe natureza! É estação das flores!

Grande beleza que maneja o meu olhar

Vou colher flores do campo pra cerimônia enfeitar

 

Meu beija-flor, meu bem querer

Sou a flor mais linda desse jardim

Vem me beijar, vem me afogar

Um dia posso não estar aqui

 

Tudo é natural

Tara de bromélias por um girassol

A rosa apaixonada pelo cravo

Seu eterno escravo no jogo da sedução

Brasil, oh meu Brasil! Tu és a flora ocidental

Inspiração de artistas no cenário mundial

Tem Carmem Miranda e Chacrinha

A aquarela brasileira hoje é aqui

 

Vou me banhar de água de cheiro

Nesta avenida e vou purificar

Pra não dizer que não falei das flores

Bloco da Vida vem te homenagear

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. E vamos de gestão compra santa Margarida sao camilo carnaval na vila em ez da ilha pra ferra com o sossego de quem mora aqui enquanto isso cidade sem agua pois tudo velho rua tudo esburacada exames de saude so deus sabe

  2. Em Porto Real o prefeito não vai colocar dinheiro da saúde e da educação em carnaval. Vamos ver quantos prefeitos farão o mesmo.

    http://diariodovale.com.br/tempo-real/para-equilibrar-as-contas-prefeitura-de-porto-real-economiza-no-carnaval/

    Enquanto aqui o Samuca dá dinheiro de todos só para satisfazer alguns. E ainda promove o sexo à vontade distribuindo o dinheiro de todos só para satisfazer alguns, e pior, levando os nossos jovens a se perderem.

    http://diariodovale.com.br/cidade/prefeitura-de-volta-redonda-disponibiliza-15-mil-camisinhas-para-blocos-de-carnaval/

    Eu não sou contra o carnaval. Cada um que pague para se divertir como quiser, não com o meu dinheiro.

  3. O vó, já o nosso bloco e o da morte né vó, Tenho um exame de meus rins pendente ha mais de 8 meses e esta ainda sem previsão.Ninguém se interessa pelo caso vó, a unica coisa que eles dizem é: Tem que aguardar pois não ha previsão vó, pois tem foliões do bloco da morte vó esperando por exames ha mais de 2 anos vó, é vó alguns já estão no bloco dos esqueletos, com certeza vó. O nosso bloco e o da morte vó, desfila o ano inteiro, neste vai e vem que nada resolve vó.Já perdi um rins vó e o outro esta com menos de 40% de função. Será vó que eu terei de levar para a sepultura o pedido desse exame vó?? Não vó, não estou falando da Etiópia não vó, é daqui de Volta Redonda mesmo vó…

Untitled Document