ÔĽŅ Jornalista e escritor Zuenir Ventura toma posse na ABL - Di√°rio do Vale
quarta-feira, 15 de agosto de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Jornalista e escritor Zuenir Ventura toma posse na ABL

Jornalista e escritor Zuenir Ventura toma posse na ABL

Matéria publicada em 7 de março de 2015, 10:13 horas

 


Cadeira 32: Zuenir Ventura sucede o dramaturgo, romancista e poeta Ariano Suassuna Foto: Divulgação

Cadeira 32: Zuenir Ventura sucede o dramaturgo, romancista e poeta Ariano Suassuna
Foto: Divulgação

O jornalista e escritor Zuenir Ventura, de 83 anos, tomou posse ontem (6) na Cadeira 32 da Academia Brasileira de Letras (ABL), para a qual foi eleito em 30 de outubro do ano passado. Segundo informou a ABL, a solenidade aconteceu √†s 21h, no Petit Trianon, sede da institui√ß√£o, no centro do Rio de Janeiro. Zuenir sucede o dramaturgo, romancista e poeta Ariano Suassuna, que morreu em 23 de julho de 2014. As informa√ß√Ķes s√£o da Ag√™ncia Brasil.

De acordo com o ritual da ABL, Zuenir Ventura fez o discurso de posse, em seguida houve a recepção ao novo integrante, que foi feita pela acadêmica Cleonice Berardinelli. Depois, Zuenir Ventura recebeceu a espada, o colar e o diploma, e o presidente da ABL, Geraldo Holanda Cavalcanti, declarou empossado o novo acadêmico.

Formado em letras neolatinas, o mineiro Zuenir Ventura foi professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e da Escola Superior de Desenho Industrial da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). No jornalismo, trabalhou nos jornais Correio da Manh√£ e Jornal do Brasil, nas revistas Fatos&Fotos, O Cruzeiro, Vis√£o, Veja e Isto √Č, entre outros ve√≠culos. Atualmente, √© colunista do jornal O Globo.

Em 1988, Zuenir lan√ßou o livro 1968 ‚Äď o Ano que N√£o Terminou, que j√° teve 48 edi√ß√Ķes, vendendo mais de 400 mil exemplares. Outros livros seus de grande sucesso foram Cidade Partida, livro-reportagem sobre a viol√™ncia no Rio de Janeiro, Inveja ‚Äď o Mal Secreto, e Chico Mendes ‚Äď Crime e Castigo. A mais recente obra √© o romance Sagrada Fam√≠lia.

Ganhador dos pr√™mios Esso de Jornalismo e Vladimir Herzog, pela s√©rie de reportagens O Acre de Chico Mendes, publicada em 1989, Zuenir Ventura tamb√©m recebeu, em 2008, da Organiza√ß√£o das Na√ß√Ķes Unidas (ONU), um trof√©u especial por ter sido um dos cinco jornalistas que ‚Äúmais contribu√≠ram para a defesa dos direitos humanos no pa√≠s, nos √ļltimos 30 anos‚ÄĚ. No dia 27 deste m√™s tomar√° posse na ABL mais um acad√™mico, o historiador pernambucano Evaldo Cabral de Mello, eleito tamb√©m em outubro do ano passado para a Cadeira 34, que ficou vaga com a morte do romancista baiano Jo√£o Ubaldo Ribeiro.

 

 

 

Untitled Document