ÔĽŅ Prefeitura desocupa terreno da Edimetal - Di√°rio do Vale
terça-feira, 14 de agosto de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Prefeitura desocupa terreno da Edimetal

Prefeitura desocupa terreno da Edimetal

Matéria publicada em 6 de janeiro de 2017, 21:01 horas

 


Uma a√ß√£o conjunta da Secretaria de Ordem P√ļblica (Guarda Municipal, Defesa Civil, Guarda Ambiental), Secretaria de Promo√ß√£o Social e Susesp, com o apoio da Pol√≠cia Militar, retirou, nesta sexta-feira, dia 6, os ocupantes do terreno da antiga Edimetal, localizado entre o bairro Vila Maria e a via Dutra.

***

No in√≠cio da semana, a equipe esteve no local e os ocupantes se comprometeram a desocupar a √°rea e removerem as demarca√ß√Ķes dos lotes, mas n√£o cumpriram o acordo.

***

Com o retorno da equipe da prefeitura, e após nova negociação, as famílias saíram pacificamente.

***

De acordo com o Comandante da Guarda Municipal Joel Valcir, o grupo concordou em desocupar a área depois de marcar uma reunião com o prefeito Rodrigo Drable para a próxima semana, quando tentarão resolver a situação das famílias.

***

A Secretária de Promoção Social, Ruth Coutinho, acompanhou a ação para garantir que os direitos das famílias fossem respeitados. Psicólogos e assistentes sociais deram suporte e realizaram cadastros dos ocupantes.

***

A Secretaria de Desenvolvimento Econ√īmico informou que a √°rea ser√° usada para fomentar a economia do munic√≠pio e gerar empregos. A prefeitura realizar√° limpeza e patrulhamento de rotina pela Guarda Municipal na localidade.

Ouvidoria
Volta Redonda ganhou uma Ouvidoria Geral, que une as diversas ouvidorias j√° existentes nas secretarias municipais. Atualmente, existe o servi√ßo de ouvidoria em funcionamento no Hospital S√£o Jo√£o Batista, Hospital do Retiro, Servi√ßo SUS na secretaria municipal de Sa√ļde, e na Guarda Municipal de Volta Redonda.¬†¬†‚ÄúEssas ouvidorias n√£o se comunicam entre si, mas guardam informa√ß√Ķes interessantes para o poder p√ļblico avaliar a qualidade do atendimento‚ÄĚ, explicou o ouvidor, Luiz S√©rgio Teixeira Loques.

Função
A Ouvidoria ser√° uma integradora da rede junto √†s secretarias e ajudar√° a buscar solu√ß√Ķes definitivas para todos os setores da administra√ß√£o p√ļblica. Ela vai ajudar os secret√°rios nessas defini√ß√Ķes. ‚ÄúToda reclama√ß√£o tem que gerar um protocolo na unidade com prazo para a resposta ao cidad√£o. E dentro do Regimento Interno queremos criar este prazo para a resposta, padronizando este atendimento. A Ouvidoria n√£o vai agir como salvadora da p√°tria, mas como uma refer√™ncia para as unidades nesta padroniza√ß√£o do atendimento‚ÄĚ, argumentou Luiz.

Ouvidoria Digital
A Ouvidoria Digital √© uma das metas do setor, que deve ser implantada no segundo semestre de janeiro. ‚ÄúA Ouvidoria Digital trar√° uma s√©rie de benef√≠cios aos cidad√£os, que poder√° de casa ou do celular realizar sua reclama√ß√£o ou sugest√£o‚ÄĚ, acrescentou Luiz.

Na seca
A bomba da elevatória que abastece a Rua Albo Chiesse, no Centro de Barra Mansa, e os bairros Monte Cristo, Apóstolo Paulo e Jardim América apresentou problemas na tarde desta sexta-feira (6) e precisa ser substituída, podendo comprometer o abastecimento nos próximos dias. O Saae da cidade recomenda aos moradores que economizem água.

Mudando
A prefeitura de Barra do Pira√≠ iniciar√°, em breve, uma for√ßa-tarefa para a instala√ß√£o de hidr√īmetros em v√°rias resid√™ncias da cidade. A not√≠cia foi dada na manh√£ desta sexta (6), depois que o chefe da pasta, Wanderson Lu√≠s Barbosa Lemos, se reuniu com o gerente regional da Companhia Estadual de √Āgua e Esgoto (Cedae), Sandro Arantes Drumond Coutinho. O encontro aconteceu no Pal√°cio 10 de Mar√ßo, sede do governo municipal.

Motivo
A decis√£o de promover o mutir√£o se deve porque, hoje, grande parte da popula√ß√£o usa, ainda, as penas d‚Äô√°gua, o que encarece os valores com a distribui√ß√£o dos recursos h√≠dricos. Com os hidr√īmetros instalados, segundo Wanderson, os usu√°rios poder√£o sentir no bolso a diminui√ß√£o dos tributos com o pagamento de √°gua, j√° ap√≥s a instala√ß√£o do mecanismo.

Preocupação
‚ÄúH√° certa preocupa√ß√£o da popula√ß√£o em n√£o trocar as penas d‚Äô√°gua pelo hidr√īmetro, achando que a conta de √°gua ficar√° mais cara. Muito pelo contr√°rio, com o novo mecanismo, √© poss√≠vel sentir no bolso a redu√ß√£o dos valores quanto ao pagamento desse tributo. Os barrenses precisam entender que, com o hidr√īmetro, a popula√ß√£o paga pela √°gua que utiliza, n√£o pela metragem do im√≥vel, como √© feito com a pena d‚Äô√°gua‚ÄĚ, esclareceu.

Parceria
Wanderson relatou que, por conta de a popula√ß√£o ter realizado v√°rios pedidos para a instala√ß√£o do hidr√īmetro, a Cedae ser√° parceira na empreitada. Outro assunto pautado foi a realiza√ß√£o de um plano de a√ß√£o para a substitui√ß√£o das redes de distribui√ß√£o de √°gua dos bairros.
‚ÄúIsso porque uma das grandes defici√™ncias no abastecimento de √°gua em Barra do Pira√≠ est√° relacionada √† incompatibilidade dos dutos para atender √† demanda. Assim, tendo a Cedae como parceira, vamos poder buscar meios de trocar a canaliza√ß√£o muito antiga em nossa cidade, que dificulta na distribui√ß√£o da √°gua para as resid√™ncias‚ÄĚ, completou Wanderson.

Untitled Document