terça-feira, 17 de julho de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Delegado diz que advogada que atropelou motociclista estaria alcoolizada e sem CNH

Delegado diz que advogada que atropelou motociclista estaria alcoolizada e sem CNH

Matéria publicada em 19 de março de 2018, 14:26 horas

 


Pinheiral – O delegado titular da 101ª DP, Antônio Furtado, afirmou ao DIÁRIO DO VALE que a advogada envolvida num acidente de trânsito no domingo, em Pinheiral, estaria realmente alcoolizada e não tinha a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Segundo o policial, a suspeita conduzia um carro quando atropelou um motociclista, que ficou ferido no acidente. A colisão foi na Rua 13 de Maio, no bairro Palmeiras, em Pinheiral.

– A motorista não tinha habilitação e o motociclista sofreu uma lesão corporal culposa. Foi verificado ainda que a mulher apresentava notórios sinais de embriaguez, como hálito etílico, fala desconexa e olhos avermelhados. Ela foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Volta Redonda, onde um exame comprovou que a advogada estava embriagada – disse o delegado.

Furtado explicou que a advogada foi indiciada por dirigir sem a CNH, lesão corporal culposa de trânsito e por embriaguez ao volante. O delegado disse que ela foi autuada nesses três crimes e, por isso, ficou impedido de estipular a fiança.

– Nesta segunda-feria, a advogada vai participar de uma audiência de custódia. O juiz que vai decidir se ela ficará presa ou reponderá pelos três crimes em liberdade – disse Furtado

 

20 comentários

  1. ze pilantra do agreste

    euzinho tá com pena leva pra casa

  2. PAU NO GATO SEM MASSAGEM

    PENSO QUE DEVERIA RESPONDER POR LESÃO CORPORAL DOLOSA… CONHECE AS LEIS E CONSEQUENCIAS E ASSUMIU O RISCO DE SEUS ATOS INCONSEQUENTES. SE TIVESSE MATADO O MOTOCICLISTA???? IA SÓ DIZER QUE ESTAVA ARREPENDIDA E A FAMÍLIA DELE QUE SE LASCASSE. TEM QUE TER PUNIÇÃO SEVERA.

  3. Com certeza ela não se formou em universidade pública.

    • O que uma coisa tem a ver com a outra?

    • O que ela aprendeu na formação de direito, no conhecimento das leis, não lhe valeu nada.

    • Vai vendo, lógico que valeu, conheço muita gente que só anda alcoolizada, independente de classe social e cultural.
      Isso é vício e mulheres também são alcoólatras, apesar da sociedade não enchergar.
      Acho que deve dar em umas cestas básicas e mais nada.
      E se fosse algo mais grave, com diploma garantia prisão especial.

  4. ze pilantra do agreste

    manda pra cadeia definitivamente pois é conhecedora da lei

  5. Advogado de advogado

    Diario do Vale, pode me indicar esta advogada, temos que saber o nome

  6. Se investigada? Não é prisão sumária?

  7. é advogada ou adevogada, pois parece desconhecer as leis.

  8. Acertado .

  9. Antonio Carlos Peludo

    Se fosse uma republiqueta como a Noruega essa cidadã nunca mais poderia dirigir,mas como é no Brasil, em não fazendo o bafometro paga uma fiança e como a lei especifica volume de alcool por ml de sangue alveolar, o exame clinico é descartado pois não é o que manda a lei e de novo ao volante. nesses casos deveria perder a carteira e começar tudo de novo, auto escola, psicotecnico e prova e prova de transito

  10. Se esse povo conhecedor das leis faz isso…tamo ruim, credo… só Jesus.

Untitled Document