domingo, 26 de março de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Idoso é assassinado a tiros por dupla em moto, em Volta Redonda

Idoso é assassinado a tiros por dupla em moto, em Volta Redonda

Matéria publicada em 19 de março de 2017, 11:02 horas

 


Volta Redonda – Um homem de 68 anos foi assassinado na noite de sábado (18), no bairro Santo Agostinho. Segundo testemunhas, José Bohrer estava sentado em um banco perto da casa dele, na Rua José Ramos de Macedo, quando dois homens em uma moto se aproximaram e atiraram várias vezes contra ele. José morreu na hora.

O crime aconteceu por volta das 19h. Um homem que estava sentado ao lado de José Bohrer não foi atingido pelos disparos.

Peritos da Polícia Civil e policiais militares estiveram no local. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), em Três Poços, e o enterro realizado na tarde deste domingo (19), no Cemitério Municipal do Retiro.

O caso foi registrado na delegacia de Volta Redonda (93ª DP). Até a publicação desta reportagem, não havia informações sobre suspeitos e nem mesmo a motivação para o homicídio.

17 comentários

  1. Gente que não sabe usar nem o Português direito e acha que sabe usar arma.
    Esses otários, se forem abordados e vencerem o cagaço, provavelmente vão atirar torto (gerando bala perdida), vão ter a arma perdida pro bandido e, com sorte, não vão levar chumbo quente nos cornos.

  2. A única coisa que funciona no Estado do Rio são as multas de transito. Segurança eles não estão nem ai, a não ser que um parente dessas “autoridades”, seja a vitima. Policia é para dar segurança para quem trabalha e prender bandido, mas aqui é diferente a policia está nas ruas sim, mas é para aplicar multas nos donos de veículos e nada mais.

    • Multa vai funcionar enquanto houver otário insistindo em andar irregular, sonegando IPVA, tendo veículo sem condições financeiras para tal.

    • Nem roubando, Porque somente no rio tem uma serie de coisas que outros estados não precisa. Nem roubando esse fdp da jeito. Quanto a multa, se multasse mesmo, mas os pilantras se vendem a preço de banana. Ate nisso. Rio de janeiro ja era!

  3. Rio de Janeiro e seus estados entregue as baratas. Nas mão de um governador de merda, cagão, não querendo largar o osso pra não ser investigado, sem moral nenhuma pra mandar no Rio e seus estados. Ai, a segurança geral de todos os lugares desse estado estão cagando e andando também porque virou casa de mãe joana. É o que temos enquanto esse pilantra chamado Pezão estiver a frente do Rio e seus Estados.

  4. Volta redonda cidade sem lei todos os dias na capa do jornal uma vergonha isso

  5. eu ando armado e não escondo isso de ninguém.minha segurança quem faz sou eu.

    • tá certo. ontem o Bolsonaro falou isso, se bandido pode andar armado, a população tb pode…isso mesmo….antes um bandido morto do que eu, meu filho, minha mulher…meus pais …

  6. A Mídia tem que começar a divulgar o desfecho desses assassinatos absurdos. Se prenderem os assassinos, deve divulgar, mas principalmente tem que divulgar quantos ano de prisão os assassinos ficam na prisão.
    Existem casos de assassinato que os criminosos são condenados a 15 anos e ficam 8 anos sem colocar o pé pra fora do presídio.
    A sensação de impunidade faz que muitos cometam crimes pensando que ficarão soltos em meses. Mas não é bem isso que acontece. Há pessoas presas anos e anos, sem ver filhos e netos crescerem. Sem nenhum tipo de mordomia.
    Ninguém tem o direito de tirar a vida de outrem. Mas caso cometa esse crime horrível, tem que saber que perderá boa parte da vida enclausurado.

  7. Dizem que foi uma tentativa de assalto e testemunhas dizem que o homem era negro e alto, fugiu em direção ao bairro caeiras. Lamentável . Teguinha

  8. pedreru arnalfabetio

    NÃO SABEMOS O MOTIVO QUE LEVOU A TAL CRIME, POREM, NINGUÉM TEM O DIREITO DE TIRAR A VIDA DO OUTRO. A VIDA PERDEU O VALOR NAS MÃOS DOS BANDIDOS. O IDEAL É QUE A POPULAÇÃO ANDASSE ARMADA. COMIGO AINDA FUNCIONA A TEORIA DE QUE DEU, LEVOU TAMBÉM, SEJA QUEM FOR…

  9. Vá em paz José Bohrer. Deus dê o conforto aos seus familiares

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document