quarta-feira, 20 de setembro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Ailton Marques: ‘Gerar empregos e oferecer serviço público de qualidade’

Ailton Marques: ‘Gerar empregos e oferecer serviço público de qualidade’

Matéria publicada em 20 de agosto de 2017, 07:00 horas

 


Ailton Marques: ‘Estou confiante que o cenário externo vai mudar e Porto Real vai recuperar a qualidade de vida que já teve um dia’

Ailton Marques: ‘Estou confiante que o cenário externo vai mudar e Porto Real vai recuperar a qualidade de vida que já teve um dia’

Porto Real – Em entrevista exclusiva ao DIÁRIO DO VALE, o prefeito de Porto Real, Ailton Marques, fala de suas prioridades para os próximos anos de governo e destaca que dará continuidade ao trabalho que estava sendo feito por Jorge Serfiotis, que faleceu no último dia 30 de julho, para adequar receitas e despesas da prefeitura. “Com a queda na arrecadação registrada nos últimos anos, a prefeitura tem que adequar sua folha de pagamento e os contratos com fornecedores para que sobre o dinheiro para as necessidades do cidadão”, diz Ailton Marques, enfatizando que vai trabalhar em parceria com o deputado federal Alexandre Serfiotis para conseguir verbas federais para o município.

DIÁRIO DO VALE – Quais as suas prioridades ao assumir a prefeitura?

AILTON MARQUES – Gerar empregos e oferecer serviços públicos de qualidade ao cidadão, sobretudo na área da saúde, da educação e da conservação urbana. Mas para chegar lá será necessário primeiro arrumar a casa. É preciso dar prosseguimento a iniciativa do prefeito Jorge Serfiotis de adequar receitas e despesas da prefeitura. Com a queda na arrecadação registrada nos últimos anos, a prefeitura tem que adequar sua folha de pagamento e os contratos com fornecedores para que sobre o dinheiro para as necessidades do cidadão. Ao mesmo tempo vamos trabalhar em parceria como deputado Alexandre Serfiotis para viabilizar suas emendas e conseguir realizar obras de impacto na cidade. Estou confiante que o cenário externo vai mudar e Porto Real vai recuperar a qualidade de vida que já teve um dia. Mas este caminho é longo e precisamos perseverar.

DIÁRIO DO VALE – A fábrica de vidros Guardian anunciou um importante investimento no município, que trará mais empregos para a população e arrecadação para a prefeitura. Como o governo municipal está vendo o cenário econômico? O município está preparado para o reaquecimento da economia? Existem negociações com outras empresas?

AILTON MARQUES – O anúncio de 600 empregos na construção do novo forno da Guardian é um ótimo sinal. Estamos confiantes que o cenário como um todo vai melhorar, mas não estamos de braços cruzados esperando que a economia se reaqueça. Tenho me colocado como parceiro das empresas já implantadas no município. Dentro da legalidade e da moralidade, a Prefeitura vai fazer o que estiver ao alcance para facilitar a vida das empresas, mas vamos reivindicar um envolvimento maior com a nossa comunidade, dando prioridade aos moradores de Porto Real na abertura de novas vagas.  Para atrair novas empresas já fizemos um estudo das áreas disponíveis, inclusive terrenos públicos. Nossa intenção é criar um novo condomínio industrial para atrair indústrias de diversos segmentos.

DIÁRIO DO VALE – De acordo com o Ministério do Trabalho, Porto Real abriga 65 indústrias, que empregavam 5.005 pessoas em janeiro deste ano, e geraram mais 184 postos de trabalho nos primeiros sete meses do ano. Que iniciativas a prefeitura está tomando para preparar a mão de obra local e permitir que a população do município aproveitar mais oportunidades?

AILTON MARQUES – Já estive com a Guardian, o Tecnopolo e a Peugeot para levarmos esta mensagem e já iniciar um trabalho orientado pelas indústrias de capacitação profissional na cidade. Em breve teremos novidades para quem está a procura de uma oportunidade de trabalho. Ao mesmo tempo vamos qualificando a nossa educação pública e nos colocando como parceiros do Estado, das entidades não governamentais e da iniciativa privada na abertura de novas turmas de capacitação profissional seja na indústria, no comércio, na agricultura ou na prestação de serviços.

DIÁRIO DO VALE – O senhor vem de uma família com tradição na política. Que exemplos o senhor recebeu de seu pai, o vereador José Marques, no que diz respeito ao exercício de cargos públicos?

AILTON MARQUES – Primeiramente a honestidade. Tenho muito orgulho de ser filho de uma pessoa tão querida e admirada por todos, mesmo em uma época tão difícil para a imagem da política. Vejo sua trajetória de vida e procuro me espelhar. Meu pai teve seis mandatos e no final da sua história política acompanhei de perto. Por isso, posso dizer que o reconhecimento é consequência do trabalho, do resultado para o povo, e da postura do homem público. Ter bons princípios faz toda a diferença.

DIÁRIO DO VALE – Como o senhor, que foi vereador por Porto Real, vê o relacionamento com a Câmara Municipal?

ALTON MARQUES – Estive lá e sei da importância que o Legislativo tem para o município. Sei que com o apoio dos vereadores a cidade pode se recuperar de uma maneira muito mais rápida. Os vereadores são importantes quando aplaudem e quando criticam, porque fazem ecoar a opinião dos cidadãos. Quero ouvir sempre a Câmara para fazer um governo melhor e mais conectado com os anseios dos bairros. Porto Real precisa de um grande esforço de entendimento para retomar o crescimento. Minha intenção é aproximar todos os poderes para que o interesse público esteja acima das questões políticas menores.

DIÁRIO DO VALE – Que tipo de parcerias o senhor pretende construir, tendo em vista as eleições do ano que vem?

AILTON MARQUES – Retomando o aprendizado que tive com meu pai, posso dizer eleição é consequência. Um trabalho bem feito, com muito amor e carinho com a cidade certamente trará bons frutos. Estamos na hora de cuidar da terra e plantar as sementes. Fazendo o que precisa ser feito, tenho certeza que vamos colher o reconhecimento da população. Meu desejo é que nosso grupo político esteja forte e unido no ano que vem, mas reforço que a hora não é de pensar em eleição. Precisamos trabalhar muito para honrar o voto de confiança desta cidade em mim e no Jorge Serfiotis. Quis o destino que me coubesse a tarefa de estar à frente do município neste momento e farei o melhor possível para realizar o governo que o Jorge sempre sonhou.

2 comentários

  1. O prefeito Ailton vai gerar empregos, provavelmente, como o NETO gerou em Volta Redonda, enchendo todos os departamentos da prefeitura, colocando seus apaniguados em cargos do baixíssimo escalão, de tal modo que suas promessas acabem cumpridas. Durante o reinado NETO corria o boato que, para cada veículo da frota municipal, havia mais de DEZ motoristas contratados e sem fazer nada no pátio da garagem, esperando a vez de dirigir. Verdadeira safadeza sem punição.

  2. الفتح - الوغد

    Discurso batido. Saber o que precisa fazer até uma galinha sabe. O bicho pega quando precisa mostrar como pretende fazer…

Untitled Document