Governo britânico concretiza proposta do Brexit após Conselho Europeu - Diário do Vale
sexta-feira, 17 de agosto de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Internacional / Governo britânico concretiza proposta do Brexit após Conselho Europeu

Governo britânico concretiza proposta do Brexit após Conselho Europeu

Matéria publicada em 9 de junho de 2018, 10:13 horas

 


A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, prevê reunir seus ministros depois do Conselho Europeu de 28 e 29 de junho para concretizar a proposta de acordo do Brexit, segundo informou a imprensa britânica neste sábado (9).

May convocará o gabinete em sua residência oficial campestre de Chequers, a 70 quilômetros de Londres, conforme explicou aos jornalistas durante a cúpula do G7 no Canadá.

De acordo com a chefe de governo, no Conselho Europeu será abordada a “finalização do acordo de saída, mas também a futura relação”.

Ela explica que pretende reunir os ministros em Chequers para finalizar o “livro branco”, e que antes do Parlamento se dissolver pelo verão, pretendem introduzir o projeto de lei de Comércio e Alfândegas na Câmara dos Comum. E afirmou que em todo esse tempo continuarão as negociações.

Em maio passado, o ministro para a saída da União Europeia (UE), David Davis, anunciou a publicação de um “livro branco”, “o documento mais importante editado sobre a UE desde o referendo” de 2016, no qual presumivelmente será detalhada a posição do Reino Unido para o acordo do Brexit com Bruxelas.

O governo britânico passará na próxima semana pela última fase da tramitação na Câmara dos Comuns do projeto de lei de saída da UE, no qual os lordes, não eleitos, introduziram diversas emendas que agora serão analisadas pelos deputados antes de decidirem se aprovam o texto.

May se esforça para dar uma imagem de eficácia após os recentes desacordos com Davis e ser criticada em uma conversa privada pelo ministro das Relações Exteriores, Boris Johnson.

– Os britânicos querem que executemos o Brexit e estou nisso porque há um prêmio ao final de tudo, que é um futuro brilhante para o Reino Unido em controle das nossas leis, do nosso dinheiro e das nossas fronteiras. – declarou no Canadá a primeira ministra.

O chefe negociador da Comissão Europeia, Michel Barnier, questionou na sexta-feita o plano de contingência apresentado no dia anterior pelo Reino Unido para preservar a fronteira invisível com a Irlanda, ao julgar inviável que todo o país fique temporariamente na união alfandegária depois do período de transição e até que haja um acordo sobre a futura relação.

Um comentário

  1. CEM Reais para votar, SEM empregos depois

    Os ingleses são bem diferentes dos brasileiros. Enquanto os brasileiros esperam ou ficam de olho nas pesquisas eleitorais para ver o primeiro lugar para votar (os Marias vai com as outras), os ingleses deram bananas à elite dominante ou establishment (para os doutrinados americanizados) econômica que não queriam perder o mercado europeu, mesmo tendo a moeda inglesa perdendo valor ano após ano.

    Que nós brasileiros demos tbm uma banana para as pesquisas eleitorais com fizeram os ingleses.

Untitled Document