sábado, 24 de fevereiro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Governo recorre ao STJ para garantir Cristiane Brasil como ministra do Trabalho

Governo recorre ao STJ para garantir Cristiane Brasil como ministra do Trabalho

Matéria publicada em 19 de janeiro de 2018, 11:10 horas

 


Filha de Roberto Jefferson  não sabe se assumirá ministério no governo Temer

Filha de Roberto Jefferson não sabe se assumirá ministério no governo Temer


Brasília –
O governo decidiu recorrer mais uma vez à Justiça para tentar manter a posse da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) como ministra do Trabalho, dessa vez no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A apelação foi protocolada nesta sexta-feira (19) pela Advocacia-Geral da União (AGU), depois que o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), segunda instância da Justiça Federal no Rio de Janeiro, negou três recursos apresentados pelo órgão.

Outros recursos impetrados por advogados da deputada foram igualmente rejeitados pelo desembargador Vladimir Vitovsky, do TRF2.

Indicada ao cargo por seu pai e presidente do PTB, o ex-deputado Roberto Jefferson, Cristiane Brasil foi anunciada pelo presidente Michel Temer como ministra do Trabalho em 3 de janeiro, mas está impedida de tomar posse por força de uma decisão liminar (provisória) do juiz Leonardo da Costa Couceiro, da 4ª Vara Federal de Niterói, proferida em 8 de janeiro.

O magistrado acolheu os argumentos de três advogados, que em ação popular questionaram se a deputada estaria moralmente apta a assumir o cargo após ter sido revelado pela imprensa que ela foi condenada pela Justiça do Trabalho a pagar mais de R$ 60 mil a um ex-motorista, em decorrência de diversas irregularidades trabalhistas.

Em sua decisão, o juiz Leonardo Couceiro argumentou que, em exame preliminar, a nomeação de Cristiane enseja “flagrante desrespeito à Constituição Federal no que se refere à moralidade administrativa”.

 

4 comentários

  1. Josias Barbosa…vc arrebentou e isso ai.

    Para Presidente? Vote no BITOLA que a coisa rola

  2. agafjgjjkWantuil fortes Silvério

    Bandos de golpista , vagabundo de gravata + uma golpista vagar dei cano nós próprios funcionários .

  3. Uma vagabunda a mais, num governo de vagabundos, que diferença faz ? Haverá sempre um lugar para chafurdarem-se no lamaçal que é o desgoverno desse cretino, que já deveria estar na PAPUDA em companhia do MALUF e aguardando a chegada de LULA e outros mais. “Mantenha isso viu “

  4. O desgoverno Temer, Padilha, Meireles e Moreira deve ter muito mais podridão do que já foi revelado em delações até aqui, pois estão morrendo de medo de contrariar o papai da senhora condenada na justiça trabalhista e que quer ser justamente ministra do trabalho. Mas como para o MDB e o PSDB nada vem ao caso, as panelas continuam guardadas, as camisas da seleção cheias de naftalina nas gavetas e os enganados patinhos amarelos depositados em algum almoxarifado da FIESP e da FIRJAN e assim o Sr. Roberto Jefferson pode vencer pelo cansaço.

Untitled Document