terça-feira, 17 de outubro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Secretário de Segurança do Rio diz que não negocia com traficante

Secretário de Segurança do Rio diz que não negocia com traficante

Matéria publicada em 20 de setembro de 2017, 16:14 horas

 


Rio – O secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Roberto Sá, afirmou hoje (20) que a polícia não negocia com criminoso. A polícia tenta prevenir o crime, reprime as ações do crime organizado, investiga e entrega o criminoso à Justiça, disse Sá, durante cerimônia no quartel-general do Corpo de Bombeiros, no centro da cidade.

O advogado Jaime Fusco, que defende Antônio Francisco Lopes, o Nem, ex-comandante do tráfico de drogas na favela da Rocinha, propôs um acordo com a Secretaria de Segurança Pública para terminar com a guerra entre quadrilhas nesta comunidade da zona sul do Rio.

“Este é o meu recado”, respondeu o secretário. “O que a polícia faz é descobrir quem é o criminoso, prendê-lo e entregá-lo à Justiça”.

O secretário disse que soube, por intermédio do setor de inteligência, que Nem deu a ordem para o ataque à Rocinha no fim de semana para tentar reaver o controle dos pontos de venda de drogas na região. A comunidade é dominada por Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, antes ligado a Nem e que atualmente controla com mão de ferro a favela.

Operações conjuntas

Roberto Sá informou que, nos próximos dias, haverá novas operações integradas com a participação das Forças Armadas. Segundo ele, a secretaria está em contato permanente com as forças militares, e novas ações serão implementadas contra o crime organizado no Rio, dentro do Plano Nacional de Segurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document