sexta-feira, 24 de novembro de 2017

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Volta Redonda capacita professores da rede municipal

Volta Redonda capacita professores da rede municipal

Matéria publicada em 18 de maio de 2017, 12:55 horas

 


Última etapa do encontro de docentes contou com a presença do prefeito Samuca Silva

Volta Redonda – Trocando experiências e ampliando conhecimentos. Assim foi o dia de cerca de 800 profissionais de Educação que participaram na quinta-feira (18) da última etapa da capacitação de todos os docentes da rede municipal. O encontro reuniu professores, supervisores educacionais e diretores de escolas do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, em salas do Colégio ICT, no bairro Jardim Amália.

A professora de Informática Fernanda Maria da Silva Lacerda, que iniciou, neste ano, o projeto na Escola Municipal Especial Dayse Mansur da Costa Lima, no Jardim Paraíba, ressaltou a importância do encontro:

– É a minha primeira vez trabalhando com informática e trabalhando nesse projeto com autistas. Para mim, vai ser ótimo. Tudo muito novo, trabalhar com autismo é diferenciado e toda formação extra é bem-vinda. Já fiz outras capacitações e sempre ajuda o profissional, porque a gente passa a ter novas visões. As outras opiniões dos colegas também é muito importante – contou Fernanda, que também faz parte da equipe de direção da Escola Municipal Miguel Couto Filho, localizada no bairro Jardim Normândia.

O prefeito Samuca Silva percorreu as salas onde aconteciam as capacitações. “Estamos nos esforçando para melhorar a educação, para resolver os problemas. Contem comigo para melhorar, para avançar. Dificuldades existem há muito tempo, mas agora é pensar diferente. Pensar no cidadão, na família, na criança, pensar em quem depende de nós para fazer”, afirmou Samuca.

A presença do prefeito foi elogiada por muitos profissionais, que destacaram a importância dessa gestão participativa. “Para a Educação é sempre bom sabermos que tem um governante como a gente sempre espera, que dá apoio para a nossa área, porque cada vez mais a gente vem encontrando dificuldades. Porém, quando encontramos pessoas que estão dando uma atenção maior para isso é sempre bom. Ter pessoas que possuem esse interesse próximas a nós, nos fortalece bastante”, acrescentou a supervisora educacional Marcia Garcia Machado, que atua na rede municipal há 10 anos e trabalha atualmente na Escola Municipal Prof. Lund Fernandes Villela, no bairro Santa Cruz.

Evento teve a participação do prefeito Samuca Silva (foto: Geraldo Gonçalves - PMVR)

Evento teve a participação do prefeito Samuca Silva (foto: Geraldo Gonçalves – PMVR)

 

5 comentários

  1. um bando de puxa-sacos esses que foram entrevistados. pq o que percebi foi muita gente descontente com a desorganização nas inscrições, com a falta de material para trabalharmos e com essa secretária que só sabe pedir pra gente ficar preenchendo cada dia mais papéis, como se isso garantisse uma aula de qualidade.
    e outra coisa: no governo anterior já tinha acontecido uma oficina como essa e com mais organização. esse governo não fez nada de novo.

  2. PLATÃO, O FILÓSOFO

    A verdade verdadeira é que a falta de professor, material sempre fez parte da realidade de VR. E ninguém reclamava, ninguém denunciava. Estava tudo bem. Por que será que agora resolveram reclamar, hein?

  3. De olho no prefeito

    Enquanto isso, a Secretária de Educação, Rita Andrade, está na lista vermelha dos barrados pelo decreto do recadastramento.

    Belo exemplo hein dona Rita.

    Enquanto isso, sua antiga escola (Miguel Couto), está sem papel, tinta, material de limpeza, professores, aulas, livros, papel higiênico, etc.

    Ahhh, e nesse sábado, a Diretora autorizou aula de somente 2 horas.

    E as outras duas horas vão ser compensadas quando?

    Se conheço bem a Prefeitura, nunca.

    • Concordo com você que o nome dela estar lá é um ABSURDO!
      Maaaaaas, todas as escolas, inclusive a própria Secretaria está com poucos materiais como papel higiênico, papel para impressão….

      Vamos ver…

    • De olho no prefeito

      Seria mais honesto ela dizer a verdade, ser transparente, e falar a V E R D A D E!

      Se omitir ou ficar se justificando demonstra ou despreparo, ou desinteresse ou coisa pior.

      Ahhh.

      Mas também, nem o Samuca, nem o vice, nem os seus Secretários possuem filhos em escola pública.

      Tou de olho prefeito.

Untitled Document