Programação dos 67 anos inclui carreata em pontos históricos - Diário do Vale
quarta-feira, 22 de setembro de 2021 - 12:37 h

TEMPO REAL

 

Capa / Aniversário de Volta Redonda 2021 / Programação dos 67 anos inclui carreata em pontos históricos

Programação dos 67 anos inclui carreata em pontos históricos

Matéria publicada em 17 de julho de 2021, 16:02 horas

 


Estimativa é que o City Tour Histórico conte com a participação de 45 automóveis, cinco triciclos e dez motocicletas

Neste sábado, dia 17 de julho, haverá um City Tour Histórico com carreata passando por sete pontos de destaque para festejar o aniversário do município. A carreata será realizada em parceria pela prefeitura e o Clube de Antiguidades Automotivas de Volta Redonda. E terá a participação do Jeep Clube de Volta Redonda e do Falcões de Aço Moto Clube de Volta Redonda. A estimativa é que o City Tour Histórico conte com a participação de 45 automóveis, cinco triciclos e dez motocicletas, que vão fazer o percurso com apoio da Guarda Municipal de Volta Redonda (GMVR).

A concentração será às 9h, ao lado dos campos de futebol do Aero Clube, e às 9h20, os veículos passam pela Igreja Matriz de Santo Antônio. A Praça Brasil será o segundo ponto histórico visitado, a previsão é chegar às 10h. De lá, o percurso inclui o Memorial 9 de Novembro, às 10h15; o Hotel Bela Vista, às 10h30; o Jardim dos Inocentes, às 10h45, e a Igreja Santa Cecília, às 10h55. O encerramento da carreata será na Praça Pandiá Calógeras, às 11h.

A diretora de Turismo da Smdet, Débora Cândido, disse que todo percurso será filmado e em cada ponto histórico haverá uma parada, de cinco minutos, sem desembarque, para que seja contada a história do monumento. “Todo City Tour e a descrição de cada local será disponibilizado nas redes sociais da Prefeitura de Volta Redonda”, explicou a diretora de Turismo.

Igreja Matriz de Santo Antônio será um dos pontos visitados

A programação inclui o lançamento do programa “Mulheres de Aço” da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), em parceria com o Governo Federal. O programa consiste no desenvolvimento de técnicas corporais que visam à prevenção e o enfrentamento contra a violência e será lançado às 10h embaixo da Biblioteca Municipal Raul de Leoni, na Vila Santa Cecília. O lançamento contará com a presença da ex-lutadora de MMA e campeã mundial de jiu-jítsu, Érica Paes, posteriormente o programa ‘Mulheres de Aço’ será oferecido nos polos da Smel.
-Esse projeto é em parceria com o governo federal em que trabalharemos, principalmente, com a parte física e emocional de mulheres, incluindo aquelas que já sofreram algum tipo de violência – disse a secretária da Smel Rose Vilela.

Ainda dentro da programação haverá um aulão da Melhor Idade para adultos e idosos às 09h com professores e núcleos convidados dos ginásios dos bairros: Açude, Siderlândia e Santo Agostinho. E ainda apresentação de dança de salão, taekwondo, kickboxing e às 11h acontecerá oficinas de recreação com participação de Cosplay.

“Nossa Volta Redonda completará no dia 17 de julho 67 anos. Não vai ser uma festa como gostamos de fazer, ainda estamos em uma pandemia, mas estamos nos preparativos para que possamos fazer uma pequena homenagem com a parceria com a Secretaria de Cultura, Comunicação, e Ação Comunitária. Vamos ter o hasteamento da bandeira com a participação do Corpo de Bombeiros com o projeto ‘Música nas Alturas’, depois teremos um aulão da terceira idade com nossos idosos, todos vacinados, e cumprindo as medidas de prevenção à Covid-19. Além da apresentação do taekwondo e oficinas respeitando o espaçamento seguro”, citou a secretária.

Cultura

Simultaneamente, a Secretaria Municipal de Cultura (SMC) participará do ato cívico – hasteamento de bandeira – às 08h. O projeto ‘Música nas Alturas’ do Corpo de Bombeiros (22º GBM) vai se apresentar pela segunda vez com o apoio da SMC. Há mais de 30 metros de altura o saxofonista militar da corporação vai prestar uma homenagem ao aniversário da cidade.
O secretário de Cultura de Volta Redonda, Anderson de Souza, comentou que o bairro Açude I vai abrigar a 4ª edição do mutirão de grafitti, artistas vão atuar voluntariamente na criação das obras, tendo o apoio da secretaria e associação de moradores.


Entre a cruz e a cafeína, a História de Volta Redonda
‘Já temos alguns bons motivos para celebrar’
Arena Kart de Volta Redonda recebe entusiastas da velocidade
CSN investe em grafeno e inicia pesquisas para sua aplicação
Um salto da industrialização para o setor do comércio
Estrutura hospitalar é reforçada e vacina contra Covid-19 avança
Voltaço leva o nome da cidade para gramados do Brasil
Câmeras de alta definição monitoram Centro e bairros
História nas ruas do município é marcada por obras de arte
Programação dos 67 anos inclui carreata em pontos históricos
Comemorações terão lives de dois grupos em redes sociais


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document