;
quinta-feira, 26 de novembro de 2020 - 15:07 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Abordagem noturna traça perfil de população em situação de rua em Barra Mansa

Abordagem noturna traça perfil de população em situação de rua em Barra Mansa

Matéria publicada em 20 de outubro de 2020, 11:49 horas

 


Assistência Social trabalha a noite para traçar perfil de moradores em situação de rua (crédito Divulgação)

Barra Mansa – Equipes da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de Barra Mansa realizaram nesta segunda-feira, 19, o serviço de abordagem noturna junto a moradores em situação de rua. A ação ocorreu na Rodoviária, no Centro; Avenidas Beira Rio e Domingos Mariano; bairro Ano Bom, viaduto próximo à UPA, e ponto de ônibus atrás da Igreja da Matriz de São Sebastião.

De acordo com a Secretária da Pasta, Ruth Coutinho, a Ruthinha, a idéia é criar uma agenda fixa de abordagem social noturna com a finalidade de conhecer melhor essa população. “A abordagem já é realizada durante o dia, mas sentimos a necessidade de fazê-la também à noite. Neste primeiro momento será feita toda segunda-feira e se houver necessidade faremos outros dias da semana. Precisamos saber se essas pessoas têm família, se existe possibilidade de restabelecer essa relação de vínculo familiar e social e de retornarem as suas casas. Também queremos identificar se são moradoras de Barra Mansa ou de outras localidades a fim de fazer o encaminhamento para sua cidade de origem”, destacou.

Abrigo – Em março passado, em função da pandemia, a Prefeitura instalou um abrigo temporário, em parceria com o Grupo Acolher, no Centro de Lazer Feliz da Vida. Na época foram atendidas inicialmente 21 pessoas.

Elas receberem atendimento médico, alimentação e a oportunidade de transformar suas vidas com a realização de oficinas de panificação e de artesanato em pneus, além do plantio de hortaliças. Em julho, por intermédio da própria Prefeitura, 10 pessoas conseguiram retornar ao mercado de trabalho, com registro formal na carteira de trabalho. Atualmente, o abrigo atende a 17 pessoas, mas tem capacidade para abrir novas vagas.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar

    Que bacana esse trabalho social,Rutinha é uma mulher guerreira e de um coração enorme,Deus ajude essas pessoas encontrarem seus familiares,sairem das ruas,gente não foi feita pra ficar jogadas na rua,parabens a toda equipe e que Deus abencoe!

  2. Avatar

    Pena que é somente perto das eleições, no ano todo não existe
    esse departamento na Prefeitura.

Untitled Document