quarta-feira, 8 de dezembro de 2021 - 10:40 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Alunos de 35 escolas municipais participam da IV Mostra de Robótica

Alunos de 35 escolas municipais participam da IV Mostra de Robótica

Matéria publicada em 26 de novembro de 2019, 20:19 horas

 


Projeto de Robótica Educacional é exposto na Praça Rotary na Vila Santa Cecília
(Foto: Foto: Evandro Freitas– Secom PMVR)

Volta Redonda- A IV Mostra de Robótica contou com trabalhos desenvolvidos pelos alunos das 35 unidades escolares durante o ano letivo de 2019. Eles foram expostos em dez tendas nesta terça-feira (26) para a população na Praça Rotary, embaixo da Biblioteca Municipal, na Vila Santa Cecília. O evento também contou com a participação das bandas da Escola Municipal Maestro Franklin e Escola Municipal José Fontes Torres. O prefeito de Volta Redonda Samuca Silva destacou o compromisso no investimento em educação na cidade.
– Neste ano, a SME realizou a capacitação de 30 implementadores de Informática da rede para que eles trabalhem a robótica nas unidades escolares de Volta Redonda. Somos pioneiros em aplicar aulas da disciplina dentro dos laboratórios de informática na Educação Infantil – explicou o prefeito Samuca Silva.
A secretária de Educação, Rita Andrade, comentou que foi gratificante ver todas as tendas lotadas com trabalhos dos alunos.
– Há três anos, estas tentas estavam vazias e hoje estão lotadas de trabalhos realizados pelos nossos alunos. Queria deixar meu agradecimento a Paulinha e ao Sérgio que estão realizando esse excelente trabalho. É muito gratificante ver crianças de quatro anos trabalhando a robótica. Queremos que a educação avance sempre em Volta Redonda – declarou.
O Projeto Robótica Educacional, com software e hardware livre, é realizado através do Departamento Pedagógico e, para a implantadora de Informática, Gislane Conceição, da Escola Municipal Maria Carraro, o desenvolvimento dos alunos é nítido com as aulas.
– Estamos expondo oito trabalhos que realizamos durante o ano com os alunos. O desenvolvimento educacional e social deles é evidente após as aulas de robótica. Eles trabalham de forma coletiva, se interessam muito pela novidade e estimulam e incentivam seus colegas – disse.
Segundo a coordenadora de Informática e da Robótica, Ana Paula Batista, o protejo promove o desenvolvimento criativo dos alunos.
– Gostaria de agradecer a presença dos profissionais que despertam o interesse e a motivação pelo estudo das ciências e sua aplicação funcional. O projeto desenvolvido pela SME proporciona práticas de trabalho em grupo, colaboração, criatividade, a vivência de desafios e a resolução de problemas. Sabemos da importância de cada trabalho e estamos aqui para apresentar tudo o que criamos durante este ano nos laboratórios junto com nossos alunos – enfatizou a coordenadora.
Unidades da Educação Infantil ao 9º ano e alunos da Academia da Vida também participaram da mostra. Gustavo Paes, de 14 anos, é estudante da Escola Municipal Tocantins e conheceu a robótica através de uma exposição.
– A primeira vez que tive contato foi em uma exposição de tecnologia. E quando surgiu a oportunidade na escola me inscrevi e estou gostando muito. Quero investir nesta área, me identifiquei bastante. Pretendo fazer mais cursos ligados a tecnologia – falou.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

Untitled Document