quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - 09:11 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Angra e Mangaratiba planejam ações contra turismo predatório no verão

Angra e Mangaratiba planejam ações contra turismo predatório no verão

Matéria publicada em 1 de novembro de 2015, 10:00 horas

 


Foco principal de parceira será ordenamento de atividades em Conceição de Jacareí

De olho: Secretários de Angra e de Mangaratiba discutem detalhes de fiscalização na alta temporada (Foto: Divulgação)

De olho: Secretários de Angra e de Mangaratiba discutem detalhes de fiscalização na alta temporada (Foto: Divulgação)

Angra dos Reis e Mangaratiba – A Fundação de Turismo de Angra dos Reis (TurisAngra) e a secretaria municipal de Turismo de Mangaratiba planejam intensificar a fiscalização e as ações de ordenamento integradas, com foco no Verão 2015/16. Esta semana, o presidente da TurisAngra, Klauber Valente, recebeu o secretário municipal de Turismo de Mangaratiba, Roberto Monsores, para discutir detalhes da parceria para realização de ações operacionais e de fiscalização na alta temporada.
Um dos focos do esforço será o ordenamento das atividades turísticas em Conceição de Jacareí, cujo principal destino é a Vila do Abraão, na Ilha Grande. A expectativa dos dois gestores é ordenar o translado marítimo entre o distrito de Mangaratiba e a Ilha Grande. O vice-presidente do Conselho Municipal de Turismo de Angra dos Reis, Cipriano Feitosa, também participou do encontro.
O controle e o ordenamento dos translados para a Ilha Grande a partir do cais de Jacareí é uma demanda dos empresários da Vila do Abraão, que pedem controle sobre as empresas que operam essa atividade. A proposta apresentada por Klauber Valente à Monsores é de que se limite os horários e se fiscalize o cumprimento nos cais dos dois destinos. O secretário de Turismo de Mangaratiba ficou otimista com a proposta da TurisAngra já que também no município vizinho há reclamações sobre o uso excessivo do pier de Jacareí.
A proposta é boa e tem tudo para dar certo. A operação como é realizada atualmente pelos flexboats e pelas escunas não é satisfatória para o município de Mangaratiba e penso que também não é para o Abraão. Já estamos planejando uma reforma para o cais de Jacareí, onde será construído um Centro de Informações Turísticas. Então teremos mais estrutura para fiscalizar as atividades no local. Também que estamos avaliando uma maneira de coibir a carga e descarga de produtos por Jacareí. Pretendemos fixar horários para esse tipo de atividade por meio de um decreto. Estou otimista com essa parceria com Angra e acho que vamos colher bons frutos juntos — disse o secretário de Mangaratiba, Roberto Monsores.
Para Klauber Valente, um dos maiores desafios para a sustentabilidade do turismo na Ilha Grande é o controle dos acessos e uma eventual limitação. É um trabalho de longo prazo, segundo ele, mas a parceria com Mangaratiba já dará indicativos de interesses dos dois municípios em reduzir a pressão do turismo predatório sobre a Ilha Grande.
— Mais da metade das pessoas que vão para a Vila do Abraão passam pelo cais de Jacareí e não há nenhum ordenamento. A parceria vai permitir uma limitação de horários e controle do desembarque de passageiros na Estação Abraão. É a criação de um novo nível de relacionamento para os dois municípios, no que diz respeito à qualificação de serviços prestados e ao ordenamento do turismo na Ilha Grande – disse Klauber Valente, presidente da TurisAngra.
Os dois municípios também definiram a realização de ações conjuntas para promover o controle do fluxo de ônibus turísticos e de fretamento na alta temporada. O controle será por meio de barreiras de fiscalização na BR-101, na altura de Itacuruçá, com a participação da Secretaria de Turismo de Paraty e o apoio da Polícia Rodoviária Federal. Além disso, os dois municípios vão pedir ao Detro que fiscalize a operação da concessionária da linha Angra-Rio-Angra, especialmente o desembarque de pessoas em Jacareí e a venda de translados marítimos por ambulantes no interior dos ônibus.
Valente e Monsores realizarão na próxima semana, em data ainda a ser definida, uma visita técnica ao cais de Jacareí, onde pretendem se encontrar com os empresários que prestam o translado para Abraão, para iniciar as negociações de ordenamento do serviço.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document