terça-feira, 18 de junho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Asilo Dom Bosco recebe doação de lichias apreendidas em VR

Asilo Dom Bosco recebe doação de lichias apreendidas em VR

Matéria publicada em 8 de janeiro de 2019, 19:33 horas

 


Produtos foram apreendidos de vendedor ambulante e vão completar a alimentação dos idosos

Lichias foram doadas pela prefeitura antes de estragar após apreensão (Foto: Geraldo Gonçalves)

Volta Redonda – A secretaria de Fazenda de Volta Redonda encaminhou como doação ao Instituto de Longa Permanência para Idosos (ILPI) João Miguel da Silva, mais conhecido como Asilo Dom Bosco, cerca de 20 quilos de lichia que foram apreendidos nas ruas nas fiscalizações de ambulantes. A entrega foi feita na manhã desta terça-feira, 08.

Os fiscais da secretaria municipal de Fazenda explicaram que a doação de produtos perecíveis deve ser feita no prazo máximo de 24 horas após a apreensão, quando o dono da mercadoria não pagar as taxas devidas e não requerer a devolução da mercadoria que estava sendo vendida irregularmente em espaço público, nas vias públicas do município. Como procedimento normal da SMF, antes que a mercadoria apreendida estrague, é feito um termo de doação para instituições beneficentes, sem fins lucrativos.

“O ambulante teve a mercadoria recolhida porque não estava legalizado, não tinha alvará de licença para usar o espaço público com vendas. Ele teria que pagar uma multa e taxa de depósito com direito a 50% de desconto ao reclamar a devolução, o que não aconteceu. O pagamento aos cofres públicos é de 3 Ufivre (Unidade Fiscal de Volta Redonda) o que equivale a R$ 524,00, no prazo de 24h. Até a doação, a mercadoria ficou guardada na geladeira”, explicou o secretário de Fazenda, Fabiano Vieira.

A gerente administrativa da ILPI João Miguel, Eliete Maria Carneiro, agradeceu pela doação do município. “Nós somos uma instituição sem lucros, que atende a 20 idosos e aceitamos todos os tipos de doações. Vamos aproveitar bem com os idosos assistidos, para sucos e outras combinações. É muito bem-vinda esta contribuição”, frisou ela.

O Prefeito Samuca Silva, destacou que as doações atendem a uma demanda da cidade. “Os idosos assistidos que têm de 60 a 108 anos de idade, recebem essas doações para termos um acréscimo na alimentação deles. Todas as doações são passadas através de uma seleção rigorosa para evitar quaisquer problemas posteriores”, enfatizou o prefeito.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document