;
quinta-feira, 26 de novembro de 2020 - 20:35 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Campanha conscientiza motoristas sobre riscos dos efeitos do álcool

Campanha conscientiza motoristas sobre riscos dos efeitos do álcool

Matéria publicada em 17 de fevereiro de 2017, 20:02 horas

 


‘Bebida e direção: uma mistura perigosa’ alerta sobre os riscos de dirigir sob os efeitos de bebidas alcoólicas

Sul Fluminense – A CCR NovaDutra – concessionária que administra a Rodovia Presidente Dutra – iniciou uma campanha de segurança e conscientização de motoristas para o período de Carnaval. A campanha ‘Bebida e direção: uma mistura perigosa’ terá a distribuição de 50 mil folhetos nas praças de pedágio, veiculação de dicas de segurança na programação da CCRFM 107,5 e instalação de 15 faixas ao longo da rodovia.

– O Carnaval é um momento em que as pessoas querem diversão e acabam esquecendo de cuidados básicos. Beber com responsabilidade é beber e não dirigir. Uma sugestão é dividir uma carona com quem não bebe, outra opção é dividir o custo de um meio de transporte seguro e sair para a folia com tranquilidade e sem preocupação – salientou Virgílio Leocádio, gestor de Atendimento da CCR NovaDutra.

Segundo dados do Ministério da Saúde, 21% dos acidentes no Brasil estão relacionados ao consumo de bebidas alcoólicas e a maioria dos acidentes fatais nas rodovias brasileiras têm como causa o uso do álcool. O efeito do álcool causa diminuição e lentidão dos reflexos e dificulta o raciocínio.

– Dirigir sob o efeito de bebida coloca não apenas o motorista em risco, mas também a vida de familiares e outros usuários. Ser prudente e não dirigir embriagado é voltar para a casa feliz e deixar a família feliz – complementou Leocádio.

Dicas para curtir o Carnaval com segurança. Escolha alternativas inteligentes:

•    Entregue o carro a uma pessoa que não tenha consumido bebida alcoólica;
•    Utilize transportes alternativo, divida uma carona e determine um motorista da vez;
•    Não aceite carona de pessoas que beberam e que se consideram aptas para dirigir.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document