domingo, 22 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Com duas creches funcionando, Quatis já atende 183 crianças

Com duas creches funcionando, Quatis já atende 183 crianças

Matéria publicada em 4 de abril de 2017, 20:53 horas

 


Berçário da creche municipal do Jardim Pollastri (Foto: Divulgação/Ascom PMQ)

Berçário da creche municipal do Jardim Pollastri (Foto: Divulgação/Ascom PMQ)

Quatis – Com a entrada em funcionamento do anexo da Creche Municipal Professora Conceição Aparecida Pena (Jardim Pollastri), ocorrida no começo deste ano, a Prefeitura de Quatis passou a atender as 33 crianças com até dois anos e 11 meses de idade que aguardavam por uma vaga. A notícia foi destacada na manhã da última segunda-feira (3) pelo prefeito Bruno de Souza (PMDB). Atualmente, um total de 183 crianças é atendido pelas duas creches municipais.

Segundo o prefeito, não existe mais fila de espera para as creches municipais, porque todas as crianças cujos responsáveis fizeram a pré-matrícula no final do ano passado tiveram a matrícula efetivada. Além da creche do Jardim Pollastri, a outra creche municipal é a unidade denominada Professora Adriana Maria de Souza Cruz, cuja localização fica no bairro Santa Bárbara.

De acordo com Bruno, a prefeitura ampliou duas salas na creche do bairro Jardim Pollastri e alugou um imóvel ao lado desta unidade, no qual foi instalado um anexo, o que possibilitou atender toda a demanda de crianças em idade de creche. A creche do Jardim Pollastri tem 84 crianças, enquanto na creche do bairro Santa Bárbara, o número atual de crianças matriculadas é de 99.

Na creche do Santa Bárbara são atendidas as crianças residentes nesta comunidade e nos bairros Jardim Independência, Santo Antônio, São Benedito, Água Espalhada e Nossa Senhora do Rosário. Já as crianças moradoras dos bairros Jardim Pollastri, Centro, Barrinha, Mirandópolis, Bondarowsky e Pilotos se encontram matriculadas na creche do Pollastri. A secretaria municipal de Educação leva sempre em conta a proximidade com o bairro de moradia da família para definir em qual creche a criança será atendida.

– Adotamos desde a nossa primeira administração os procedimentos necessários no sentido de garantir vagas para toda a demanda. Em razão da ampliação feita na creche do Jardim Pollastri, podemos considerar esse objetivo plenamente alcançado no começo deste ano. Mas vamos continuar trabalhando visando ampliar ainda mais a disponibilidade de vagas. Isso porque o município vem crescendo e a procura certamente vai aumentar também nos próximos anos – disse o prefeito.

O atendimento às crianças matriculadas nas creches municipais de Quatis acontece de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h30. Durante este período, elas recebem cinco refeições diárias, desde o desjejum ao jantar, passando pela colação (refeição ligeira entre o desjejum e o almoço), almoço e lanche da tarde. As crianças tomam pelo menos um banho por dia, mas essa quantidade pode ser maior, dependendo da necessidade verificada durante o dia.

A coordenadora da Educação Infantil do município, professora Deise Ferreira da Silva, destacou ainda que a prefeitura realiza atividades pedagógicas junto às crianças matriculadas. As equipes de profissionais responsáveis pelo atendimento nas duas unidades são formadas por professores, orientadores pedagógicos, orientadores educacionais, auxiliares de Educação, cozinheiras e auxiliares de serviços gerais, entre outros servidores.

– As crianças não vão às creches apenas para se alimentar, tomar banho e passar o dia – ressaltou Deise, acrescentando que quando completam três anos de idade, elas passam para o atendimento infantil em tempo parcial, realizado em oito escolas municipais. Neste caso, os turnos de atendimento acontecem de 7h às 11h30m e de 13h às 17h30m, também de segunda a sexta-feira.

As escolas que oferecem o atendimento parcial em idade de creche são CIEP Municipalizado Marciana Machado de Elias (Nossa Senhora do Rosário), Edméa Dulce de Barros Franco (Jardim Independência), Anésia Alves de Oliveira (São Joaquim), Carlos Campos de Faria (Falcão), Benta Pereira (Joaquim Leite), Professora Victória Maria Prazeres e Valeriano (Jardim Pollastri) e na unidade escolar da comunidade quilombola de Santana.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document