Dia de Finados: Movimento no Cemitério Municipal de Volta Redonda é intenso nesta quinta-feira (2)

GM e PM estão presentes para garantir a segurança do público e banheiros químicos foram instalados para a comodidade dos visitantes

by Diário do Vale

O movimento no Cemitério Municipal Bom Jardim Isidório Ribeiro, no bairro Retiro, está sendo intenso nesta quinta-feira (2), Dia de Finados. O cemitério ficará abertos até às 17 horas a prefeitura estima que até o final do dia cerca de 10 mil pessoas devem passar pelo local para homenagear seus entes queridos.

Viaturas da Guarda Municipal e da Polícia Militar estão presentes para garantir a segurança do público e banheiros químicos foram instalados para a comodidade dos visitantes.

Rosa Pereira, comerciante, esteve visitando o túmulo de seu pai, irmãos, avô, sobrinho e prima com a família. A mãe de Rosa é dedicada a cuidar do local.

“A gente não deixa de vir, minha mãe não abre mão disso, ela sempre gosta de estar arrumando e pintando o túmulo. Antes, costumávamos vir com mais frequência, mas agora estamos presentes sempre nessa data”, contou.

José Paulo de Oliveira, marceneiro, considera muito importante e sempre está presente no túmulo de sua família nessa data, fazendo a manutenção anualmente. Sua mãe, sobrinho, cunhado, irmã e outros membros da família estão enterrados lá.

“Todos os anos eu estou aqui, tenho cinco membros da família neste túmulo, só falto quando há algum impedimento porque é importante esse momento para mim”, disse.

Maria Sueli da Rocha Ribeiro é moradora do bairro Retiro e visitou o túmulo de seu pai, mãe, irmã, sobrinho e outros familiares. Ela considera essa data muito importante e diz que sente muita saudade.

“A saudade é imensa, sabe? Todo ano eu estou aqui rezando pela alma deles, do pai, da mãe e minha irmã que era muito agarrada comigo. Estávamos sempre juntas”, desabafa.

Como os cemitérios também são locais ideais para proliferação e dispersão do Aedes Aegypti, é importante que os visitantes recolham o lixo e não deixem vasos com água no local. Evitando que a água parada nos vasos fixados sobre os túmulos, possam se transformar em criadouros para o mosquito da Dengue.

Fotos e vídeos: Evandro Freitas

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996