sexta-feira, 18 de outubro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Engenheiro Passos foi palco de concurso de Bandas e Fanfarras

Engenheiro Passos foi palco de concurso de Bandas e Fanfarras

Matéria publicada em 16 de junho de 2019, 17:03 horas

 


Concurso reuniu corporações de várias cidades.  Foto: Gleisiane Carvalho

Resende- A comunidade de Engenheiro Passos, distrito do município de Resende recebeu o Festival de Inverno de Fanfarras e Bandas, neste domingo, 16. O concurso, que é promovido pela prefeitura de Resende, foi realizado em dois blocos, sendo um bloco no período da manhã e outro à tarde, onde ambos aconteceram na Cohab (Conjunto Habitacional) da Avenida das Camélias, localizados nas proximidades da sede da Administração Regional do distrito.

A abertura oficial do concurso que reuniu corporações de várias cidades ocorreu às 8h, e meia hora depois o público presente foi contemplado com a apresentação especial da fanfarra do Programa “Gente Eficiente”, criada em 2017, onde atualmente conta com 45 componentes e foi desenvolvido pela Prefeitura.

De acordo com o superintendente de Eventos da Prefeitura, Júlio César Barbosa da Silva, com o objetivo de proporcionar mais conforto e comodidade aos visitantes que vieram a Engenheiro Passos prestigiar o evento, o governo municipal disponibilizou palco, som e iluminação especiais, banheiros, além de esquema de segurança e trânsito com a Guarda Civil Municipal, para montar toda a estrutura do concurso.

Segundo o superintendente, a infraestrutura foi organizada para receber representantes de diversos municípios, com o objetivo de valorizar a música nas variadas categorias de fanfarras e bandas marciais.

– O distrito Engenheiro Passos vai abrigar a Confaban, que tem o principal intuito de capacitar os jovens para o movimento artístico. É importante promover festivais culturais que incentivem os profissionais que têm o dom instrumental e suas técnicas e habilidades, além da inclusão social, conforme acontece com o grupo “Gente Eficiente”.

Estes músicos merecem ganhar destaque no cenário regional e em todo o País, pois dedicam suas vidas à arte, por meio das bandas marciais e fanfarras – frisou.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document