segunda-feira, 18 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Famílias aprovam material escolar gratuito

Famílias aprovam material escolar gratuito

Matéria publicada em 11 de junho de 2016, 14:14 horas

 


Mais de 36,3 mil kits foram distribuídos aos alunos da rede municipal de ensino de Volta Redonda

Kits Escolar VR

Educação pública: Distribuição de mais de 36,3 mil kits ajuda famílias a economizar recursos; investimento é de cerca de R$ 898,9 mil
(Foto: Divulgação PMVR)

Volta Redonda- No início do ano escolar a Secretaria Municipal de Educação (SME) de Volta Redonda fez a distribuição de 36.377 kits de material escolar para os alunos da rede municipal de educação. O calendário cumprido pela administração municipal representou um investimento de R$ 898.979,17, e o material ganhou a total aprovação das famílias com filhos na rede municipal.
A secretária municipal de Educação, Therezinha dos Santos Gonçalves Assumpção, a Tetê, explicou que a aquisição foi feita seguindo a ata de registros de preços de fornecimento de Kit Escolar do Pregão Eletrônico do FNDE (Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação). Os recursos utilizados são do Fundeb (Fundo Nacional de Educação Básica), do Ministério da Educação.
Maria Aparecida Maia, moradora no bairro Santo Agostinho, mãe da aluna Juliana Maia de Moraes, de 10 anos, do 5º ano da Escola Maria José Campos Costa, na Vila Americana, deu total aprovação ao material distribuído nas escolas da rede.
– Não se compra cadernos brochura bons como esses por menos de R$ 10. A minha filha recebeu outros materiais importantes no dia a dia da escola, como régua, giz de cera, caixa de lápis preto, lápis de cor, apontador, caneta hidrocor, borrachas, cola, tesoura, estojo, agenda. O material garante uma economia doméstica excelente para os pais dos estudantes, sendo um material de qualidade, que ficaria muito caro se a gente fosse comprar. E vai durar tranquilamente até o final do ano – afirmou Maria. Ela lembra que outra filha de 15 anos também estudou na mesma escola e que sempre teve o material escolar necessário, fornecido pela Secretaria Municipal de Educação.

Qualidade e economia

A economia nos gastos é confirmada pela secretária de Educação, principalmente para as famílias de menor renda.
– Realmente a distribuição dos kits escolares permite a economia nos gastos pelas famílias, e favorece os alunos com a padronização do material de qualidade. O kit EJA (Educação de Jovens e Adultos) será de 1.485 unidades. A partir do recebimento dos kits escolares, as famílias economizam recursos e poderão usar este dinheiro para outras despesas – comentou Tetê.
O kit da Educação Infantil e Educação Especial – com 10.872 unidades distribuídas – é composto de um estojo e uma agenda. O Kit do 1º ao 5º ano – com 14.283 unidades – vem com seis cadernos brochura, quatro lápis preto, uma caixa de lápis de cor, uma caneta hidrocor, um apontador, duas borrachas, duas colas branca, uma tesoura, um jogo de giz de cera, estojo com zíper, agenda e régua. O total distribuído foi de 25.155 unidades.
O Kit do 6º ao 9º ano – 9.737 unidades distribuídas – é formado por quatro cadernos universitários de 200 folhas para 10 matérias, quatro lápis preto, duas canetas azuis, duas canetas vermelhas, duas borrachas, uma cola branca, régua, esquadro 45º, esquadro 60º, transferidor 180º, tesoura, apontador, compasso e estojo. O kit EJA – 1.485 unidades distribuídas – é composto por quatro cadernos universitários de 200 folhas cada, para 10 matérias, quatro lápis preto, duas canetas azuis, duas canetas vermelhas, duas borrachas, uma cola branca, régua, esquadro 45º, esquadro 60º, transferidor 180º, tesoura, apontador, compasso e estojo.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Avatar

    Obrigado senhor prefeito! Que Deus continue te abençoando cada dia +

  2. Avatar

    Esses kits de material para EJA os alunos ganham os cadernos para arrancar as folhas e fazer guerrinha de papel na sala de aula. E o restante joga fora. Isso é desperdício de dinheiro público. A maioria não sabe dar valor. Porque não se faz uma conscientização antes de entregar o material escolar. Chega dessa política assistencialista e populista.

    • Avatar

      Eleicoes chegando comecam as “doacoes” e propaganda para ganhar votos! Tem nada de graca ai isto e dinheiro nosso que e cobrado atraves dos extorsivos impostos! Esta fazendo a obrigacao!!

  3. Avatar
    Onde está a Secretária de Educação que não vê isso

    não sei onde distribuiram isso, pois minha filha não recebeu tantas coisas, e ainda faltam livros.
    Escola Municipal Miguel Couto Filho.

  4. Avatar
    Pagador de impostos

    Muito bom. Agora é preciso a contrapartida dos alunos e de seus pais (no caso dos menores de idade) para que façam um bom uso e que aproveitem adequadamente o material escolar a eles oferecido e que foi pago com os impostos de todos os cidadãos de Volta Redonda. Escola e consequentemente a educação são coisas sérias, e como tal precisam começar a ser encaradas pela população brasileira. Se ficarmos apenas no discurso de que a educação nos salvará não iremos a lugar algum.

    • Avatar

      Realmente,os pais tem que se conscientizar, pegar o material pra fazer de rascunho…!!! Conheçam muitos que pegam pra esse fim.

Untitled Document