segunda-feira, 21 de outubro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Fiocruz confirma presença do vírus zika em amostras de saliva e urina

Fiocruz confirma presença do vírus zika em amostras de saliva e urina

Matéria publicada em 5 de fevereiro de 2016, 12:36 horas

 


Rio de Janeiro – A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) acaba de divulgar que constatou a presença do vírus Zika, com potencial de provocar infecção, em amostras de saliva e de urina. Segundo a entidade, agora, essas novas formas de transmissão serão mais estudadas. As informações são da Agência Brasil.

“Essa comprovação tem um significado muito grande porque, até então, todas as evidências não significavam capacidade de infecção, muda o patamar e a forma que fazemos a pesquisa”, disse o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha.

Em entrevista à imprensa, a Fiocruz disse que a evidência de transmissão pelas excreções “sugere a necessidade de investigar a relevância de transmissão via oral”.

Até então, a única via de transmissão do vírus, confirmada por autoridades sanitárias, é pela picada do mosquito Aedes aegypti.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    Isso por si só já torna o zika mais difícil de se lidar que a dengue pois, diferente dessa, aquele não depende só do mosquito para ser transmitido…

  2. Avatar

    Deu zika mesmo. Descobrir logo no carnaval, que há potencial de transmissão oral do vírus. Isso é muito complicado.
    Acho que o tal vírus zika foi um presente especial aos super atletas, que irão representar seus países nas olimpíadas. Cada um leva pra sua casa uma replicação do vírus.
    Isso já nem cheira mais arma biológica. Isso já fede.

  3. Avatar

    Uma descompromissada bitoquinha de carnaval pode causar uma bela de uma dor de cabeça.

Untitled Document