;
terça-feira, 1 de dezembro de 2020 - 05:19 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Fiscalização notifica comércio irregular em cinco bairros de Volta Redonda

Fiscalização notifica comércio irregular em cinco bairros de Volta Redonda

Matéria publicada em 5 de abril de 2020, 10:54 horas

 


Bares lideram lista de comércio funcionando em descumprimento a decreto de prevenção ao Covid-19

Volta Redonda – Cinco bairros concentraram o maior número de notificações de atividades comerciais com funcionamento de bares e barbearias em descumprimento ao decreto do governo do estado para evitar aglomerações por conta da pandemia de Covid-19. Localidades como Água Limpa, Retiro, 249, Belmonte e Siderlândia foram as que mais deram trabalho aos agentes que atuaram na fiscalização para garantir o cumprimento da determinação estadual neste sábado, 4.

Mais de duzentos estabelecimentos já foram fiscalizados. Os reincidentes serão multados, conforme prevê o decreto, em cinco Ufivres (Unidade Fiscal de Volta Redonda), que corresponde a R$ 945,55. Segundo o diretor do Departamento de Atividades Econômicas e Sociais, da Secretaria Municipal de Fazenda, Wagner Jardim Chaves, mais de duzentos estabelecimentos comerciais já foram fiscalizados.

“A maioria dos estabelecimentos que insistem em permanecer abertos são bares localizados na periferia. Estamos realizando essa fiscalização durante toda a semana e tenho notado que os proprietários passaram a acatar a determinação de permanecer fechado”, disse o diretor.

A fiscalização de atividades econômicas e sociais das secretarias de Fazenda e Meio Ambiente e Obras, além da Vigilância Sanitária, estão sendo feitas com o apoio da Guarda Municipal, Secretaria Especial de Segurança Pública e Polícia Militar, durante todos os dias e em sistema de plantão nos finais de semana. A população pode ajudar denunciando através do telefone 156.

O secretário municipal de Fazenda, Fabiano Andrade, disse que  fiscalização está sendo realizada diariamente. “Estamos prosseguindo com o cumprimento do decreto municipal para evitar que os comércios permaneçam abertos, e assim coibir a concentração de pessoas. O risco de contaminação é grande, por isso é importante, sim, a medida para evitar que as pessoas fiquem próximas nos ambientes”, disse o secretário, lembrando que a ação aconteceu um dia após o prefeito Samuca Silva anunciar que os estabelecimentos comerciais que não estavam funcionando deveriam permanecer fechados até, no mínimo, 13 de abril, conforme orientação do Ministério Público e de acordo com o decreto do governador Wilson Witzel.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

9 comentários

  1. Avatar

    Que eu saiba, fiscalização não é polícia.

    Pelo visto, quem fica tirando onda de que no morro não fecha bar, e acha isso uma vantagem, tenho algo a dizer:

    Quem frequenta escola, não precisa de boteco.

    Porque vai beber é em festa universitária, e não em birosca de viela na favela.

    Se perceberem, o vírus dissemina mais onde menos cultura e informação tem.

    Se acham que estão seguros porque birosca de favela não fecha, parabéns.

    Tem a mentalidade correta para levar o vírus pra dentro de sua família.

    Eu, meu caro ignorante, durmo à noite tranquila dos que sabem o que é epidemia, o que é saúde, e o que é respeito ao próximo.

    Cada um passa a noite onde merece.

  2. Avatar

    SOBE AQUI NO MORRO. QUERO VER SE TEM CORAGEM DE FECHAR OS BOTEQUINS DAQUI.

  3. Avatar

    A entrada da CSN no conforto tem muita gente derrespeitando comércio aberto gente vendendo alimentos e ninguém está com medo de nada

  4. Avatar

    Do jeito que a coisa vai, o balanço final da.nossa VR e do RJ todo apresentará o seguinte resultado.;
    TOTAL DE MORTOS PELO CORONA= 10 pessoas.Mortos por fome , suicidio e desemprego 40 MIL.
    O RJ já era ruim agora vai acabar.

    • Avatar

      Quando algum amigo ou familiar morrer, voce vai parar de pensar em dinheiro em 10 segundos

    • Avatar

      Se a PMBM estiver lendo , mande alguém no Panamil da Morada da Granja . Uma bagunça , sempre cheio , sem higiene e ainda com sacolas de plástico antiga.

    • Avatar

      Quando algum amigo ou familiar morrer, você vai parar de pensar em dinheiro em 10 segundos!!
      É bem isso dai !!
      Muita gente só vai acreditar qndo morrer gnt próxima !!

    • Avatar

      Arlindo Orlando quando uns 10 parentes seu morre por fome, suicidio, infarto (preocupação com dividas), ai sim voce vai pensar bem.

      Tá se preocupando demais com o PÂNICO CRIADO POR POLITICOS OPORTUNISTA.

      Sera que em 2009 vc se preocupou com a gripe suina que matou milhares? Vc esta sendo manipulado pelo panico criado na sua cabecinha.

    • Avatar
      GUSTAVO BERGA SOARES DA SILVA

      Quero ver essa fiscalização entrar na vila delgado, rua 6 no vale verde, aí eles colocam o rabinho entre as pernas. Fiscalização só existe nos centros para trabalhador… Nas favelas para os vagabundos não tem homem para entrar não..

Untitled Document