terça-feira, 15 de junho de 2021 - 14:02 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Grupo da terceira idade de Volta Redonda visita Teresópolis

Grupo da terceira idade de Volta Redonda visita Teresópolis

Matéria publicada em 20 de maio de 2016, 22:40 horas

 


Em 'férias': Viagens, que vão durar cerca de cinco meses, devem terminar somente no dia 31 de outubro (Foto: Divulgação PMVR)

Em ‘férias’: Viagens, que vão durar cerca de cinco meses, devem terminar somente no dia 31 de outubro (Foto: Divulgação PMVR)

Volta Redonda – O terceiro passeio realizado pelos grupos de terceira idade, da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), reuniu 350 idosos no Hotel Le Canton, na cidade de Teresópolis, na região Serrana do Rio, no topo da Serra dos órgãos. A cidade, com uma grande quantidade de áreas verdes, é a mais alta do estado do Rio de Janeiro, e consequentemente, uma das mais frias.
As viagens, que vão durar cerca de cinco meses, começaram na última segunda-feira (dia 9) e terminam no dia 31 de outubro, beneficiando cerca de 10 mil participantes dos programas para a Terceira Idade realizados pela prefeitura de Volta Redonda, por meio da Smel e da Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac). Entre os grupos que participaram desta viagem estavam os do Parque Aquático, Ginásio Siderlândia, Ginásio São Geraldo e Ilha São João.
Para o deputado federal Deley de Oliveira (PTB), responsável pela implantação do programa da Melhor Idade em Volta Redonda, de 1997 a 2000, esse é um importante legado que o prefeito Neto deixa para a história da cidade.
– Eu prefiro eles viajando, felizes, que na fila de um hospital. Quem faz atividades, sem dúvidas, vive melhor e mais feliz – disse Deley, que citou a pesquisa da prefeitura que aponta que os idosos que participam dos programas aumentaram a autoestima em 98%; 95% estão mais ágeis, as consultas médicas e remédios reduziram 84% e a expectativa de vida cresceu em 10 anos.
Segundo a secretária municipal de Esporte e Lazer, Rose Vilela, a viagem é um grande componente de um projeto maior, que é voltado para a saúde da melhor idade.
– Tudo teve início em 1998, quando foi feita uma viagem com 40 idosos para Penedo. Hoje cerca de 10 mil idosos são beneficiados. Essa viagem, na verdade, impulsiona principalmente a vinda dos homens para o programa – disse a secretária, destacando que mais importante que a viagem é a convivência e a melhora na saúde dos idosos.
– Ficamos muito felizes em proporcionar essa viagem, mesmo num ano difícil, com uma crise violentíssima. Sabemos que um real investido na atividade física a gente economiza cinco reais na doença, e com isso estamos cumprindo nosso papel de gestores públicos e responsáveis, principalmente pela saúde da nossa população – comemorou.
Para ter direito à viagem é exigido que os idosos tenham 70% de frequência nas atividades e estejam há pelo menos um ano nos programas da Smac e da Smel. Entre os roteiros, os idosos já estiveram nas praias de Angra dos Reis (Resort Vila Gallé), Mangaratiba (Club Med Resort Rio das Pedras), Búzios (Atlântico Búzios Convention & Resort), além de municípios do Circuito das Águas e cidades do Ciclo do Café.

Mais qualidade de vida

Durante a caminhada na fazenda realizada pelos recreadores do Hotel Le Canton, Maria de Fátima Carvalho, de 60 anos, que participa da hidroginástica na Ilha São João, disse que as viagens transformaram sua vida.
– Quando perdi minha mãe, o meu médico me indicou esse programa da Melhor Idade ao invés de tomar a quantidade de remédios que eu tomava. De lá pra cá tudo mudou na minha vida. Meu pai nunca me deixou viajar e agora me sinto uma adolescente, e não uma pessoa com 60 anos. Renovo minha mente e corpo e, além disso, faço novas amizades. É a realização dos meus sonhos – relatou.
Durante o bingo, os amigos Antônio Viana (54 anos), Francisco Atanázio (68 anos) e Vantuil Nicolau Marinho (78 anos), todos do ginásio do bairro Siderlândia, contaram que essas oportunidades servem para celebrar o convívio que eles têm durante todo o ano.
– Eu nunca teria condições financeiras para me hospedar um lugar como esse – disse Antônio. Para Francisco cada volta para casa é um momento de contar as novidades vividas durante o passeio.
– Volto dizendo do sonho que é conhecer cada lugar onde viajo. É muito importante para minha autoestima – falou.
Quem concorda com eles é o Vantuil. “Além disso, ainda tem a questão da saúde. Volto revigorado, pronto para as atividades do dia a dia”.
Mas esses passeios não mudam apenas a vida dos integrantes da Terceira Idade de Volta Redonda. Para o gerente do Le Canton, Ricardo Rodrigues, a negociação com a prefeitura de Volta Redonda para viagem dos idosos é uma oportunidade excelente para movimentar o índice de ocupação do hotel.
– Esse é o terceiro ano que tentamos fechar um acordo com a prefeitura, agora conseguimos e estamos muito satisfeitos. Durante a semana nossa taxa de ocupação é baixa e, esse ano particularmente, por causa da crise, os hotéis estão sofrendo muito, principalmente os que são resorts de lazer, como nós. Com a vinda da Melhor Idade passamos de 20% para 94% da nossa ocupação semanal. Além disso, movimentamos a economia do município comprando de fornecedores da região. Aumentamos também em 20% nosso quadro de funcionários como garçons, bagagistas e recreadores, para esse período – disse o gerente.
O Hotel Le Canton é um dos mais tradicionais de Teresópolis, e conta com atrações como o Parq Magique, Pista de Esqui, Boliche e Castelo Medieval.

Roteiro

Os ônibus saem às 7h da Ilha São João e as viagens acontecerão sempre às segundas e quartas-feiras. No primeiro dia de viagem os idosos são recebidos com um almoço especial, têm atividades à tarde no hotel e à noite participam de um jantar, seguido de um baile com música ao vivo. Já no segundo dia, após o café da manhã, realizam atividades no hotel, almoçam e retornam no início da tarde para Volta Redonda.
As empresas patrocinadoras da viagem são: Alphaville, AEX, Green Life, Foxy Haztec, Ceg Rio, Shop Invest e Associação dos Aposentados e Pensionistas, além da Viação Cidade do Aço.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

23 comentários

  1. KD a crise na prefeitura ……………. gastando fortuna com viajens ………….

  2. Bom, não estou defendendo nem apoiando, mas uma coisa é certa: O dinheiro destinado para lazer, não pode ser desviado para outra função. Se o governo da 10 mil para a PMVR com o destino lazer, simplesmente tem que utilizar esses 10 mil no lazer. O unico problema é que eu não vejo lazer para os jovens. Quanto a Educação, saúde e segurança, o governo libera essas verbas e a PMVR tem que repassar essas verbas para os seus respectivos lugares. Não adianta reclamar dizendo que ao inves desse passeio era pra estar comprando remedio porque isso é crime de responsabilidade fiscal. Infelizmente o prefeito usa a verba enquanto tem porém todos nos sabemos que sempre há um roubo nela né. Cabe os vereadores investigar onde esta os roubos, isso é, se eles não roubam também né …

  3. Não estou vendo crise nenhuma…as lojas estão lotadas…os ingressos caríssimos das olimpiadas acabaram ha meses….todo mundo continua pagando os impostos do mesmo jeito….essa conversa de crise ja deu….

    • 11 milhões de desempregados é pouco? E os 150 bilhões de gastos da Dilma além do necessário? E o mais de 1 trilhão em dívidas dos quais 500 bilhões de dívidas interna MAIS 500 bilhões de dólares de dívidas externas? Para senhora não é nada?

      Faça uma continha simples: pegue os seus ganhos de 1000 reais e tira 400 reais para impostos que a senhora entrega aos governantes bitolados e aloprados. O que a senhora acha? 400 reais é pouco?

      Quem está comprando ingressos para as Olimpíadas são praticamente turistas, empregados do governo ou estão ganhado do governo.

  4. Vergonhoso. O governo se preocupa com diversão e não com saúde, segurança e educação.

  5. 35o idosos mais uma vez sendo enganados. Eu teria vergonha de meus pais se fossem vivos participar disso.

    Os filhos e netos estão sendo enganados tbm. Será que os familiares não têm vergonha?

    Mas tem um jeito de mudar isso: ninguém votar no PMDB. Simples!

  6. Bolsa-vovó do Neto e Deley.

  7. Parabéns a Alphaville, AEX, Green Life, Foxy Haztec, Ceg Rio, Shop Invest e Associação dos Aposentados e Pensionistas, além da Viação Cidade do Aço. “Patrocinadores” do Prefeito que souberam fugir da crise e conseguem lucro para bancar patrocínios. ÊTA ……

  8. temos tudo para mudar. e só não votar no candidato apoiado por este prefeito.

  9. Estranho.. O Prefeito vive falando em crise, não pagou o hospital e clinicas prestadores de serviços do FAPS, DEIXANDO OS SERVENTUÁRIOS ASSOCIADOS DO FAPS sem hospital e sem médicos, mas tem grana para passeio do pessoal do DELEY…..

  10. PEDRO LUIZ SARMENTO

    Fico pensando…. Já imaginaram se todo o dinheiro gasto neste passeio fosse aplicado na contratação de profissionais da saúde, de remédios, de equipamentos para os postos e hospitais???? Já imaginaram se esse dinheiro fosse investido na melhoria da educação de nossos filhos???? Se fosse investido na infraestrutura das ruas da cidade???? Meu Deus!!!!! Seria uma beleza…..

  11. QUANTO CUSTARÁ ESTE PASSEIO???

    Seria interessante que a matéria colocasse quanto custará no total esse passeio a TERESÓPOLIS??? Do total gasto quanto será pago pelos “patrocinadores”???…. E quanto a PMVR vai gastar???….. Só para o povo ter uma ideia….

  12. ENQUANTO ISTO...EM VOLTA REDONDA!!!!

    Enquanto o pessoal da terceira idade viaja, passeia fica em Hotel de Luxo, em Volta Redonda, uma Rua do BAIRRO CASA DE PEDRA AFUNDOU pela terceira vez…. Fui no Posto de saúde do Belvedere, está fechado embora as obras tenham sido concluídas a cinco meses…. OS matos estão tomando conta das calçadas, Buracos e mais buracos ocupam nossas ruas. Viva VOLTA REDONDA……

  13. volta redonda precisando de tantas coisas e vejo esse desperdício de dinheiro publico, prefeito e as viaturas da Gm paradas precisando de conserto, criminalidade aumentando e nem 1/3 da frota na rua.

  14. CADÊ A CRISE ????

    Vendo essa foto e lendo a matéria chegamos a conclusão que essa História de crise no Brasil é conversa fiada.
    É preciso que os economistas lá de Brasilia venham a Volta Redonda PARA CONHECER COMO FUGIR DA CRISE…. Os empresários que vão na TV reclamar de crise devem estar mentindo, afinal, por aqui as empresas estão com tanto lucro que patrocinam viagem de milhões de reais…. Não existe crise em Volta Redonda….kkkkk

  15. QUE BELEEEEEZA !!! PASSEIO A VONTADE!!! CARNAVAL DE 500 MIL, CASA DO COELHO, CASINHA DO PAPAI NOEL, DINHEIRO SAINDO PELO RALO…. e postos de saúde sem médicos, farmácia Municipal faltando remédios, professores e funcionários sem pccs, buracos a vontade pelas ruas, matos tomando conta das calçadas….. ÊTA GOVERNO !!!! As empresas patrocinadoras arcaram com quanto????

  16. Antonio Carlos Peludo

    Detesto, ser visto como alguém da terceira idade. Isso vem desde Pitágoras que comparou a vida humana às quatro estações do ano. Por genial que seja, não deixa de ser melancólico. O idoso, são aqueles com habilidades regenerativas limitadas, frágeis, exposto a mais enfermidades e, portanto, sempre a perigo. Como admitir com boa vontade tanto horror?
    Sub Censura

  17. Revoltado!!! Acorda!!!

    É realmente uma vergonha esse nosso país e, principalmente, os nossos políticos. O município está totalmente quebrado e há dinheiro para pagar a estádia de 350 idosos no Le Canton…para quem não sabe, trata-se de um hotel de luxo em Teresopolis. Ou seja, para pagar os fornecedores, prestadores de serviço e funcionários não tem dinheiro, mas para pagar hotel de luxo com a inaplicável nitidamente eleitoral tem dinheiro. Isso é um absurdo! Vamos acordar meu povo…estão nos fazendo de palhaço!

    • Revoltado!!! Acorda!!!

      E ainda colocam, no final, que há empresas patrocinando…acham, literalmente, que somos bobos. Estamos assistindo diariamente na televisão as consequências associadas a patrocínios de empresas…

  18. Q COISA BOA ESBANJANDO DINHEIRO PÚBLICO EM ÉPOCA DE CRISE ,OPS ESQUECI CRISE SÓ PRA EDUCAÇÃO E SAÚDE .VERGONHA DESSE PREFEITO !!!!

  19. Enquanto isso o hospital regional continua na mesma! Fala sério! Só em VR mesmo!

Untitled Document