domingo, 19 de setembro de 2021 - 02:31 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / ICT prorroga prazo para inscrições do bolsão

ICT prorroga prazo para inscrições do bolsão

Matéria publicada em 17 de outubro de 2015, 12:00 horas

 


Volta Redonda – O Instituto de Cultura Técnica (ICT) prorrogou até o dia 6 de novembro as inscrições para o primeiro concurso de bolsas escolares da instituição. As vagas serão para alunos que irão concluir o 9º ano em 2015, ou seja, que irão cursar o 1º ano do ensino médio em 2016. Os descontos podem chegar a 100% para os melhores desempenhos no exame.
A cada turma formada com 45 alunos o ICT dará duas bolsas com 100% de desconto, três com 60% e seis com 40%. Para se inscrever os interessados deverão comparecer à secretaria da unidade das 8h e 20h e pagar uma taxa de R$ 30,00.  Os alunos das escolas que agendarem a visita de uma equipe do ICT terão um desconto no valor da inscrição que passará a ser de 20,00.
No ato da inscrição serão exigidos os seguintes documentos: 01 foto 3×4 (recente), carteira de identidade ou certidão de nascimento (original); comprovante de pagamento da taxa de inscrição, declaração da escola de origem, assinada e carimbada, informando que está em fase de conclusão do 9º ano.
As provas acontecem no dia 7 de novembro (sábado) na sede do colégio, das 9 às 13 horas. O candidato deverá chegar ao local da prova com antecedência mínima de uma hora, munido de um documento recente de identificação com foto e de caneta esferográfica de tinta azul ou preta.  A prova objetiva de múltipla escolha contém 40 questões, sendo 10 de língua portuguesa, 20 de matemática, e 10 de ciências físicas e biológicas.
Para o diretor geral do ICT, Claudio Menchise, essa é a oportunidade certa para quem busca meios de ingressar no mercado de trabalho ou se aperfeiçoar na área onde atua, bem como viabilizar sua mudança para outros campos profissionais, com descontos nas mensalidades.
– Estamos criando esse bolsão para facilitar, ainda mais, a vida dos estudantes da nossa região. É uma oportunidade impar para esses alunos, uma vez que várias pesquisas apontam que o mercado de trabalho é mais favorável para quem tem um curso profissionalizante – ressalta.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document