terça-feira, 11 de maio de 2021 - 20:20 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Igreja Católica promove atividades pelo Dia de Nossa Senhora Aparecida

Igreja Católica promove atividades pelo Dia de Nossa Senhora Aparecida

Matéria publicada em 11 de outubro de 2016, 14:53 horas

 


Comunidades religiosas de Barra Mansa, Barra do Piraí, Resende e Volta Redonda participam de missas e caminhadas

nossa-senhora-aparecida

Igreja, localizada no bairro São João, terá programação especial nesta quarta-feira, dia 12
(Foto: Divulgação)

Sul Fluminense – Nesta quarta-feira, dia em que se comemora o Dia de Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro), as comunidades católicas da região promovem uma série de atividades para celebrar a data da padroeira do Brasil.

Em Volta Redonda, o bispo da diocese Barra do Piraí-Volta Redonda, Dom Francisco Biasin, dá início às celebrações na Igreja Nossa Senhora das Graças, no bairro Jardim Paraíba, com uma missa às 7h30.
Na Comunidade Eclesial Nossa Senhora Aparecida, do bairro São João, contará com missas, carreatas e procissões. A primeira missa do dia acontece às 8h e é celebrada pelo padre Flávio Luís Alves, pároco da igreja.

Mais tarde, fiéis seguem em carreata por alguns bairros da região central da cidade com missa às 12h. Às 17h, será realizada procissão pelas ruas do bairro, seguida de missa solene.

Ainda em Volta Redonda, haverá uma procissão saindo do bairro Rústico, na Igreja Santa Teresa D’Ávila, às 18h, com destino à Igreja de Nossa Senhora da Conceição, no bairro Conforto. A previsão de chegada é às 19h, horário em que está marcada uma missa.

Em Barra Mansa, uma procissão saindo da Policlínica da Região Leste, no bairro Nove de Abril, ocorre às 17h. Na chegada haverá também uma missa na Comunidade Nossa Senhora Aparecida. Ainda no município, Dom Biasin participa de uma missa no bairro Boa Sorte, às 17h.

A programação em Barra do Piraí conta com uma caminhada às 7h30 saindo do Morro do Gama e seguindo até o bairro Areal. No local terá uma missa solene na comunidade que leva o nome da santa.

Em Resende, na comunidade São João Batista, no bairro Jardim Alegria, haverá concentração às 9h, de onde sairá em procissão até a quadra do bairro, onde será celebrada a missa.

A assessoria de comunicação da Diocese Barra do Piraí-Volta Redonda esclareceu ao DIÁRIO DO VALE que a programação no dia de hoje fica por conta de cada comunidade, por esse motivo, as atividades são muito mais extensas do que as divulgadas pelo jornal.

Padroeira do Brasil: Imagem de Nossa Senhora Aparecida apareceu pela primeira vez nas águas do rio (Foto: Arquivo)

Padroeira do Brasil: Imagem de Nossa Senhora Aparecida apareceu pela primeira vez nas águas do rio (Foto: Arquivo)

Nossa Senhora Aparecida nas águas do Rio Paraíba

A história de Nossa Senhora da Conceição Aparecida começou em meados de 1717 nas águas do Rio Paraíba do Sul. Na época, uma imagem da santa apareceu para três pescadores que saíram à procura de peixes para oferecer ao Conde de Assumar, D. Pedro de Almeida e Portugal, governador da Província de São Paulo e Minas Gerais, que iriam passar pela Vila de Guaratinguetá, próximo a Vila Rica, atual cidade de Ouro Preto – MG.

Segundo a igreja católica, os pescadores estavam tentando conseguir os peixes no rio, porém sem sucesso. Em certo momento quando lançaram a rede apanharam uma imagem sem cabeça, após lançar novamente a rede no rio pegaram a cabeça e uniram a imagem de Nossa Senhora Aparecida, os peixes apareceram no rio em abundância.

A imagem da santa ficou com um dos pescadores que fez um oratório singelo para rezar com seus familiares e amigos e através desse oratório reuniu-se muitos devotos que fizeram pedidos a santa e foram prontamente atendidos. Sua fama espalhou-se rapidamente pelas regiões do Brasil. Em 1734, Nossa Senhora Aparecida ganhou uma capela no Morro dos Coqueiros, o números de fiéis foi só crescendo e em 1834 foi construída uma igreja maior, que ficou conhecida mais tarde por basílica velha.

Em 1929, o Papa Pio XI declarou Nossa Senhora Aparecida como a padroeira do Brasil devido ao bem espiritual do povo e o aumento cada vez maior de devotos. Em 11 de novembro de 1955, teve início a construção do Santuário de Aparecida, no estado de São Paulo. Em 1984, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) declarou oficialmente a Basílica de Aparecida Santuário Nacional, sendo o maior Santuário Mariano do mundo. A basílica tem capacidade para 35 mil pessoas na área interna e para até 300 mil na área externa. Atualmente o local recebe 12 mil visitantes por ano.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

5 comentários

  1. Avatar

    Coitado é um bananeira mesmo, ideia curta, mas se acha engraçado.

  2. Avatar

    E vamú que vamú…tocando a boiada.

    • Avatar

      Se incomoda com religião mas não se incomoda com as torcidas de futebol, a verdadeira boiada. Coitado.

    • Avatar

      Bananeira olha o teu umbigo pois é melhor fazer uma homenagem a Mãe de Jesus do que sair para pregar nos morros da cidade e deixar o irmão de sangue desempregado; passando quase fome ser socorrido por católicas 1 viúva, pensionista e que ainda ajuda uma filha que luta para sobreviver, devido a crise atual. Os fieis que vão sair em caminhada não fazem parte de nenhuma boiada; mesmo você sendo invejosa e crítica seja bem vinda a nossa caminhada,o nosso DEUS não nasceu de uma chocadeira nem de proveta ele foi gerado no ventre de uma jovem que foi escolhida para trazer ao mundo o salvador que veio para libertar a todos nós, a você e a mim. Que Nossa Senhora te abençõe e te guarde no dia de hoje. Ah! antes de me despedir com este bom dia para você minha irmã em Cristo vou te fazer apenas uma pergunta não precisa responder que sei que você não sabe: Já ouviu a expressão:Pede a mãe que o filho atende!?

      .

Untitled Document