>
sábado, 13 de agosto de 2022 - 16:29 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Internauta pede ajuda para encontrar cadela desaparecida em Volta Redonda

Internauta pede ajuda para encontrar cadela desaparecida em Volta Redonda

Matéria publicada em 6 de setembro de 2019, 15:45 horas

 


Segundo Dayana Lessa Maia, ‘Dalila’ desapareceu na última terça-feira (03), no bairro Jardim Europa

‘Dalila’ tem pelagem branca e tem um porte médio/grande, além de ter um perfil dócil
(Foto: Arquivo pessoal)

Volta Redonda – A internauta Dayana Lessa Maia, entrou em contato com o DIÁRIO DO VALE, através das redes sociais pedindo ajuda para encontrar sua cachorra de estimação “Dalila”, de 11 anos. O animal desapareceu na última terça-feira (03), por volta das 17h, na Rua Manchester, no bairro Jardim Europa, em Volta Redonda, durante uma chuva. O animal tem a pelagem branca e tem um porte médio/grande, além de ter um perfil dócil, segundo a dona.

Dayana ressalta que, como a cadela não tem o costume de ficar na rua, não usava coleira no momento em que fugiu de casa e que o animal é dócil e foi visto por algumas pessoas, entre os bairros Conforto e Ponte Alta algumas vezes; mas quando entraram em contato com a família, já era tarde.

– Algumas pessoas viram um cachorro andando entre as ruas próximas à minha casa, mas não tinham certeza se era ela ou não. Estamos procurando, inclusive com outros cachorros que tenho, até para ver se com a ajuda do olfato deles, eles a encontram. Ela deve estar muito assustada. Ela tem medo de chuva e não tem costume de ficar na rua. Por ter se assustado com o barulho da chuva, fugiu pulando o portão – comentou.

Dayana também comentou que sua filha, de apenas cinco anos, está muito triste com o desaparecimento de Dalila e que na tentativa de encontrá-la, a família está publicando suas fotos nas redes sociais.

– Tenho uma filha de 5 anos que está chorando muito sentindo a falta dela, assim como nós. Gostaria de pedir encarecidamente, que nos ajudem e que compartilhem a foto dela. Estamos publicando as fotos nas redes sociais e esperamos que, caso alguém a veja e a reconheça, entre em contato. Estamos sofrendo muito e temos certeza que a nossa Dalila também está – finalizou.

Quem tiver informações sobre o paredeiro da ”Dalila” pode entrar em contato através dos telefones: (24) 9 99140566 ou (24) 9 99623309.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document