Orquestra de Cordas faz homenagem às mães - Diário do Vale
quarta-feira, 22 de setembro de 2021 - 11:25 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Orquestra de Cordas faz homenagem às mães

Orquestra de Cordas faz homenagem às mães

Matéria publicada em 13 de maio de 2018, 15:05 horas

 


A abertura da apresentação na Igreja Santa Cecília teve a direção de Verônica Egídia

Orquestra: Apresentação de músicos lotou a Igreja Santa Cecília, em Volta Redonda

Volta Redonda – O projeto “Volta Redonda Cidade da Música” abriu a temporada de ‘Música nas Igrejas” fazendo uma homenagem às mães. O evento foi realizado na noite de sexta-feira (11) com as Orquestras 1 e 2. O projeto atende atualmente cerca de 4.600 alunos da rede municipal com o ensino da música clássica. Umas das orquestras executou duas interpretações dos compositores Handel e Antonio Vivaldi.

A abertura da apresentação de alunos das escolas municipais teve a direção de Verônica Egídia. Os músicos interpretaram obras clássicas dos compositores Vaughan Williams, Antonio Vivaldi, Max Reger e Mendelssohn. Os solistas Greice Kelly Barras de Souza e Allyson Bandeira Gomes fizeram um espetáculo a parte no concerto para dois violinos e cordas (obra de Antonio Vivaldi), sendo aplaudidíssimos pelo público.

A orquestra é formada por violas, violinos, violoncelos e contrabaixos. Cerca de 130 músicos participaram do concerto. O maestro Nicolau Martins, que junto com a maestrina e pianista Sarah Higino são responsáveis pelo projeto nas escolas municipais, comentou as apresentações:

– Um belíssimo espetáculo que estamos levando aos espaços das igrejas, e esta aqui tem uma acústica muito boa. Estamos iniciando a temporada e aguardamos mais convites – frisou o professor e maestro.

Sarah Higino agradeceu a oportunidade que os pais estão dando para que este trabalho seja feito com os alunos nas escolas municipais.

A apresentação na Igreja Santa Cecília, considerada a padroeira dos músicos, teve o apoio da professora de música da igreja, Yara Resende. Ela é professora no Conservatório de Música Santa Cecília. A Igreja comemora 75 anos este ano, sendo uma das mais antigas da cidade.

A mãe de uma das alunas da Orquestra de Cordas, Claunicéia Pereira, disse que é um motivo de orgulho para ela ver que a prefeitura continua investindo no projeto: “ É um orgulho ver minha filha num projeto como esse que só faz bem para vida dela”, disse.

O prefeito Samuca Silva lembrou que a Fevre e a Secretaria de Educação abraçaram o projeto com entusiasmo e homenageou os responsáveis:

– O maestro e professor Nicolau Martins de Oliveira é reconhecido mundialmente pelo que conseguiu construir em Volta Redonda, contando com o apoio da maestrina Sarah Higino .As crianças têm acesso a aprender música de qualidade, gratuitamente, o que vai lhes garantir um futuro melhor. Podendo investir na carreira de músicos. A nossa gestão oferece todo o apoio que o projeto precisa para alavancar a música dentro das escolas municipais – enfatizou Samuca.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. liberdade e propriedade

    Uma curiosidade: Essa é a principal igreja católica de VR?

Untitled Document