sábado, 20 de abril de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Parque São João Marcos terá encontro sobre espiritualidade e meio ambiente

Parque São João Marcos terá encontro sobre espiritualidade e meio ambiente

Matéria publicada em 27 de setembro de 2015, 08:30 horas

 


Evento acontece neste domingo e vai reunir representantes de diversas religiões

parque

Parque fica no município de Rio Claro e vai sediar encontro neste domingo (Foto: Divulgação)

Rio Claro – O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos, em Rio Claro, vai realizar neste domingo (27) um encontro sobre Espiritualidade e Meio Ambiente. O evento reunirá representantes de diferentes religiões para um dia de debates e reflexões sobre o papel da espiritualidade na tomada de consciência e mudança de atitude em relação ao meio ambiente.
– A ideia é aproximar as diferentes formas de saber espiritual das atitudes cotidianas em relação ao meio ambiente – diz o gestor do Parque, Zeca Barros, que mediará este primeiro encontro. E completa: “Esse é o primeiro encontro de muitos que gostaríamos de realizar com esse enfoque”.
Participarão da mesa o pároco da Igreja de Rio Claro, Miguel Francisco da Silva, e o sacerdote umbandista Sérgio Navarro Teixeira, representante da UBUNTU – Associação de Defesa das Comunidades Tradicionais de Matriz Africana, de Barra Mansa.
A ideia surgiu após a publicação da última encíclica “O Cuidado Com a Casa Comum” publicada recentemente pelo Vaticano, que tem o meio ambiente como tema central da última encíclica divulgada pelo Vaticano. Nela, o Papa Francisco faz um alerta: “Lanço um convite urgente a renovar o diálogo sobre a maneira como estamos a construir o futuro do planeta. Precisamos de um debate que nos una a todos, porque o desafio ambiental, que vivemos, e as suas raízes humanas dizem respeito e têm impacto sobre todos nós”.
Os preceitos que regem a Umbanda serão debatidos. A começar pela relação dos Orixás com as forças da natureza. Também há de se destacar os cuidados que hoje orientam as práticas de alguns grupos religiosos de matriz africana. O trabalho de educação ambiental realizado pela ONG Oku Abo é um exemplo.

Dicas

Na cartilha de educação ambiental do grupo existem dicas de como realizar oferendas diminuindo o impacto ambiental, do uso de produtos biodegradáveis, dos cuidados com o fogo e da prática da reciclagem.
O encontro é aberto a todos que se fizerem presentes.
Não há necessidade de inscrição prévia. A programação começa às 10h, em forma de painel, com uma apresentação das lideranças religiosas presentes, que falarão sobre o papel da formação espiritual nos cuidados com o meio ambiente, a partir das premissas, ensinamentos e valores presentes nos cultos e fé por eles professados.
Depois do almoço, oferecido a todos que confirmarem sua presença pelo telefone (21)2233-3690 ou pelo e-mail contato@saojoaomarcos.com.br haverá uma roda de ideais com perguntas aos representantes religiosos presentes. Ao final os participantes definirão um elenco de compromissos e ações pontuais em defesa do meio ambiente a serem observados cotidianamente por todos os participantes.
– Convido a todos que de alguma forma quiserem refletir sobre a questão ambiental sob uma ótica diferente e ainda por cima em um lugar belíssimo, em meio à exuberante natureza que cerca a sede do parque – completa Zeca Barros.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Seria interessante ter publicado o endereço do evento.

Untitled Document