domingo, 15 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Passarela da CSN no Retiro é interditada por motivo de segurança

Passarela da CSN no Retiro é interditada por motivo de segurança

Matéria publicada em 21 de janeiro de 2016, 11:28 horas

 


Sem entrada: Bases da passarela foram danificadas após chuvas e cheia do Rio Paraíba do Sul (Foto: Enviada via WhatsApp por Thalis da Silva Ferreira)

Sem entrada: Bases da passarela foram danificadas após chuvas e cheia do Rio Paraíba do Sul (Foto: Enviada via WhatsApp por Thalis da Silva Ferreira)

Volta Redonda – A passarela da CSN, que dá acesso aos trabalhadores à Usina Presidente Vargas, pelo bairro Retiro, foi interditada nesta quinta-feira (21) pela própria empresa. O motivo é o risco para a segurança de pedestres devido aos danos causados pelas chuvas e a cheia do Rio Paraíba do Sul nas bases da passarela.

O problema teria sido detectado pela manhã, depois da entrada dos funcionários. A assessoria de imprensa da CSN informou que o reparo da passarela cabe à empresa, mas ainda será preciso fazer uma avaliação do serviço, que ainda não tem prazo para começar.
Um comunicado oficial foi afixado próximo à passagem, orientando os trabalhadores a utilizarem as outras entradas da CSN. A mais próxima aos funcionários é a entrada pelo bairro Jardim Paraíba, próximo ao Estádio da Cidadania.
Desde 2014, a entrada da CSN pelo Retiro é alvo de polêmica e foi fechada algumas vezes. No ano passado, a pedido do Sindicato dos Metalúrgicos, o acesso foi reaberto.

10 comentários

  1. Avatar

    Estão de brincadeira com os trabalhadores eu moro na frente da passarela sempre foi assim rachaduras pra todo lado isso e pra manda os guardas embora .. abre o olho sindicato comprado..

  2. Avatar

    Muita imbecilidade, somente analfabetos e ignorantes não percebem o perigo e a necessidade de se impedir o transito de pedestres……daqui a pouco alguns iluminados vão começar e dizer que São Pedro também está de sacanagem …………não bastaria o poder publico vir a publico dizer que não tem perigo ???? Sabe porque não vem…..simples, a estrutura foi abalada pelo volume d’agua

  3. Avatar
    João José Ribamar

    Todo castigo pra peão da CSN é pouco.

    Classe desunida, tem mais é que tomar mesmo!

  4. Avatar
    Consciente e esclarecido

    Al Fatah
    Achismo é o seu comentário, não concorda?!
    Claro que deve ter um laudo, um estudo, pois senão as autoridades vão desmentir a empresa!
    O MPF, fã nº 01 da empresa seria o primeiro a tentar desmentir isso! O procurador tem um pôster com a foto do Benjamin no teto em cima da cama dele. É tanta fissura que só ele não vê quantas outras atitudes úteis ele podia tomar no exercício das suas obrigações.
    Enquanto seus ilustres colegas estão engajados em diminuir a corrupção do país, investigando R$ bilhões em desvios de dinheiro público, ele tá preocupado em causar demissões na região!

  5. Avatar

    Muito conveniente para empresa. Arrumou uma bela “desculpa” agora para fazer o que já pretendia há muito tempo… Será que houve laudo de um expert ou foi na base do achismo?…

    • Avatar

      Essa passarela esta assim a quase 5 anos, isso foi apenas uma “Desculpa” para fazer oque ela tentou a uns 5~6 meses… Fechar de vez a passagem do retiro… só que agora ela tem um Álibi! E quem se ferra é agente, a peãozada que entra de bicicleta e que tem que dar a volta pelo conforto.. atravessando aquela ponte da cimentos que é sem iluminação e com mato alto… Vagabundo adora ficar ali pra se aproveitar disso… peão passa la por volta das 4:45~5 da manhã…!

    • Avatar

      O mais estranho é que ela não fecha a entrada do Jardim Paraíba para os caminhões, ferrando todo o trânsito na área central da cidade. Esses sim deveriam ser desviados para o Conforto!… Vamos ver o que o sindicato tem a dizer…

    • Avatar

      Concordo com vc..

  6. Avatar

    Se depender só dessa foto o problema nada tem a ver com a cheia do Rio Paraíba. Essa ponte para pedestres passarela foi construída pelo poder público há mais de 30 anos Desconfio que a CSN assumiu porque não tem interesse em manter essa portaria e isso pode ser uma desculpa para “empurrar com a barriga” a solução. Só que, enquanto isso, o trabalhador tem direito ao vale transporte para dar a volta pela portaria da Vila ou Jardim Paraíba, que seja.

Untitled Document