terça-feira, 23 de outubro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Porto Real evidencia Semana do microempreendedor com capacitações

Porto Real evidencia Semana do microempreendedor com capacitações

Matéria publicada em 14 de abril de 2015, 13:20 horas

 


Porto Real –

A secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, em parceria com o Sebrae, está ministrando oficinas que envolvem o planejamento e gestão relacionados ao microempreendedorismo individual. A iniciativa é uma comemoração à 7ª Semana do MEI (Microempreendedor Individual) e um dos principais eixos evento, que acontece simultaneamente de 13 a 18 de abril em todas as capitais do Brasil e algumas cidades do interior, é a capacitação com a realização de oficinas práticas que contribuem para a melhoria da gestão da empresa.

Em Porto Real, nesta terça (14) e no próximo dia 16 de abril, o Sebrae realiza as duas oficinas SEI (Sebrae Empreendedor Individual) denominadas SEI Planejar e SEI Empreender, aberta ao público e totalmente gratuitas, no Horto Municipal, a partir das 8h.

“Eu já participei de várias cursos que foram feitos através da parceria entre a prefeitura de Porto Real e o Sebrae. Todos foram muito proveitosos. Ensinam a melhorar o atendimento e gestão de negócios. Eu percebo uma considerável melhora na relação com meus clientes. Participar dessas capacitações mostra que não estamos estacionados e transforma a realidade do dia a dia do trabalho. Ser microempreendedor não é um simples sonho. Para isso, temos que ter planejamento de estrutura e estratégia de trabalho. No mercado competitivo de atualmente é necessário estar em destaque, em evidência”, considerou a cabeleireira, Marisa da Silva.

Marcus Vinícius, analista do Sebrae, explicou que os cursos oferecidos buscam melhores resultados no processo de desenvolvimento dos MEI’s. “Essas oficinas abordam um conteúdo de grande interesse dos microempreendedores individuais. Gestão e planejamento, controle financeiro, noções de compra e venda, entre outros temas são abordados dentro das oficinas. Os cursos podem trazer melhores resultados para a gestão de negócios, o controle financeiro, o fluxo do caixa, capital de giro, o planejamento das compras e assim estar preparado para analisar os resultados”.

“Todos os MEI’s são convidados para participar das oficinas. Este ano estamos principalmente focados nos Quiosques do Sabor, que são as lanchonetes que estão localizadas nas praças dos bairros, no pátio do Hospital Municipal e também no Horto Municipal. O interessado em participar dos cursos deve se dirigir ao local da oficina e a inscrição é feita na hora, de forma gratuita”, destacou o diretor de Indústria, Comércio e Serviços, José Ademir Bitencourt.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Eduardo Linhares, enfatizou o Decreto 1862 de 13/01/2015, que regulamentou as atividades dos Quiosques do Sabor. “Trata da obrigatoriedade do permissionário do quiosque, ou seja, aquele a quem a prefeitura permite o uso do estabelecimento, ser um microempreendedor individual. Esse decreto traz as normas e condições de conservação, limpeza e utilização dos imóveis. O microempreendedor que saiu da informalidade está sendo qualificado para prestar serviço de qualidade à população. Este é um momento em que o país passa por um período difícil e se faz necessário buscar cada vez mais alternativas de geração de trabalho e renda. O empreendedor com conhecimento possui ferramentas para dar início ao próprio negócio”.

“É importante darmos soluções para que o comércio cresça e incentive novas fontes de renda em nosso município. Por isso, buscamos parcerias como essa com o Sebrae, para que os laços sejam fortalecidos e, deste modo, o maior favorecido seja o próprio empreendedor”, concluiu a prefeita Cida.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document