>
segunda-feira, 4 de julho de 2022 - 02:50 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Prefeitura de Volta Redonda firma contrato com cooperativas de coleta seletiva

Prefeitura de Volta Redonda firma contrato com cooperativas de coleta seletiva

Matéria publicada em 12 de abril de 2017, 17:06 horas

 


Volta Redonda- Em reunião nesta quarta-feira (12) com representantes das três cooperativas de coleta seletiva de Volta Redonda, o prefeito Samuca Silva anunciou a contratação das três instituições. Elas serão responsáveis para realizar a coleta seletiva de lixos recicláveis. A prefeitura ofereceu em pagar R$ 625,00 por cada tonelada recolhida e reciclada, além de uma verba R$ 42 mil mensais para o aluguel de veículos para realizar a coleta, o que foi aceito pelas cooperativas. O recurso para o transporte do lixo valerá por um ano, até que as cooperativas tenham condições financeiras para adquirir um veículo próprio.
– As cooperativas têm que ser autônomas o máximo possível. A prefeitura pode dar um apoio por um período, mas sou a favor da independência total das cooperativas. Quero que Volta Redonda seja referência na coleta seletiva. Quero conhecer bons modelos para adotarmos no município – disse Samuca Silva.
Atualmente, de acordo com as cooperativas, são recolhidas 100 toneladas de lixo reciclável por mês, o que correspondem a 5% do total da produção de lixo em Volta Redonda. A meta das cooperativas é que esse número aumente para 300 toneladas mensais ainda em 2017.
– Agora, os catadores de recicláveis serão microempreendedores. Vamos tratá-los como uma empresa que presta serviço à prefeitura. Haverá cobrança na qualidade de serviço, o uso de EPI (Equipamento de Proteção Individual) e na organização das cooperativas – ressaltou o secretário municipal de Meio Ambiente, Alfredo Peixoto.
A secretaria fará um cronograma de dias e horários para a coleta em cada bairro das três cooperativas. A prefeitura vai manter os dois atuais locais de armazenamento do lixo reciclável na Vila Santa Cecília (próxima à Cicuta) e no bairro Voldac. Quem também participou do encontro foi o defensor público Cláudio Luiz dos Santos, que é membro do Grupo Nacional de Catadores e Catadoras. Ele elogiou a postura da prefeitura de Volta Redonda e crê na mudança da mentalidade da população em relação à coleta de lixo reciclável.
“Uma abertura de diálogo como está acontecendo em Volta Redonda é muito positivo. Precisamos ter o olhar da realidade e a Defensoria sempre será parceira dos catadores de recicláveis. É a vontade da prefeitura de ajudar os catadores é importantíssima para o Meio Ambiente”,disse o defensor público. Segundo ele, apenas 18% das cidades do país possuem cooperativas de coleta seletiva.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

13 comentários

  1. Espero que tenham verificado muito bem esse contrato antes de oficializá-lo!
    Já vimos muitas TRAPALHADAS do prefeito, e seus asseclas.

    Será esse contrato mais uma TRAPALHADA!

    do PREFEITRAPALHÃO

  2. Meu nome é Zé Pequeno!

    Enquanto em VR as empresas de reciclagem fornecessem EPI’s aos seus trabalhadores em Resende é comum vermos inúmeros servidores públicos sem os mesmos ou com o mínimo possível (uma camiseta e ou bota).
    Muitos destas atividades expõe estes trabalhadores à poeiras, ao sol e a chuva, ao contato com objetos deixados pelos cidadãos, à uniformes contaminados, à falta de proteção contra partículas,a níveis altos de som, fumaça, calor na região lombar,etc.
    Resumindo: São condições insalubres e um órgão de fiscalização/administração não pode se eximir de praticar o que prescreve a lei.

  3. Na Europa e no Japão cada cidadão separa seu lixo e LEVA nos pontos de coleta. Isso é cultural e reflete o respeito pelo meio ambiente. Aqui no Brasil produzimos muito mais lixo e ficamos aguardando o poder público vir a porta da nossa casa levar nossas porcarias e sumir com elas da nossa frente em algum lixão. E com arrogância ainda achamos que nossos impostos se destinam a ter um responsável por coletar o lixo que produzimos em casa. Sugiro que seja avaliado a possibilidade da instalação de tambores coletores de recicláveis em todos os bairros, escolas, empresas, repartições públicas para que a população adquira o hábito de separar o lixo e evitar o desperdício de matéria prima e do meio ambiente.

  4. Parece que o prefeito começou a colher os frutos da parceria com o QATAR, parabéns !!!!!

  5. Não entendi, se é cooperativa, todos os catadores tem que ser cooperados e não MEI.
    Tem alguma coisa errada aí.

  6. Pagador de impostos

    OK. A idéia da reciclagem é muito boa e tem mesmo que ser praticada, estimulada e incentivada pela PMVR. Mas, sempre tem um mas, é necessário que a prefeitura faça a sua parte. Mas faça mesmo. Por exemplo. Na minha rua, há vários sábados, o caminhão da coleta seletiva não tem passado. Insisto, reclamo na PMVR, envio mensagem para o Whatsapp da prefeitura e nada. Aliás, quando envio a msg através desse app, me cobram nome, endereço, CPF, telefone e etc…. numa burocracia sem sentido. Peço apenas que encaminhem ao setor responsável para que sejam tomadas as providências. Mas, qual o que ? Até o último sábado nada de efetivo. Acho que está faltando alguma gestão nesse serviço.

  7. comentarista de comentários

    Esta é uma iniciativa louvável.

    Eu conheço a cooperativa de reciclagem da Cicuta, e sei que a iniciativa da prefeitura é o fomento necessário para a atividade tornar-se auto sustentável.

    Parabéns Samuca, finalmente uma bola dentro.

  8. Muito boa iniciativa.
    Agora precisa educar o povo a separar o lixo , sujiro por propagandas em outdoor ja instalados pela cidade.

  9. por falar em terceirização e os EPIS
    QUE ATÉ AGORA NADA.

  10. depois diz que eu não avisei.

  11. PODE ESPERAR!
    DAQUI UNS DIAS ESTÃO
    TODAS NA SECRETARIA DE OBRAS, E OUTROS
    SETORES FAZENDO SERVIÇO NO LUGAR DOS
    CONCURSADOS QUE NÃO VÃO SER CHAMADOS,
    ISSO CHAMA SE TERCEIRIZAÇÃO.
    BENFEITO QUEM MANDOU VOTAR NO HOMEM.
    EXEMPLO É A GREEN LIFE, ACABOU CONCURSO PÚBLICOS.

  12. Obrigado Samuca, estou muito feliz por ter votado no senhor… A reciclagem era para ter sido feita há 70 anos quando chegou a CSN, mas como diz o ditado popular é melhor fazer antes tarde do que nunca….

Untitled Document