>
quinta-feira, 11 de agosto de 2022 - 10:51 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Prefeitura de Volta Redonda terá representantes em capacitação nacional da FGV

Prefeitura de Volta Redonda terá representantes em capacitação nacional da FGV

Matéria publicada em 28 de junho de 2022, 11:30 horas

 


Integrantes da Coordenadoria da Juventude participarão do ‘Projeto de Formação Continuada para Jovens Atores Políticos’

Volta Redonda – Volta Redonda terá duas representantes no “Projeto de Formação Continuada em Políticas Públicas para Jovens Atores Políticos”, desenvolvido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) para capacitar jovens operadores de política pública: a coordenadora municipal da Juventude, Larissa Garcez, e a assessora técnica de Programas e Projetos da CoordJuv (Coordenadoria da Juventude de Volta Redonda), Katya de Souza Aguiar.

A cidade de Volta Redonda participou do processo após divulgação nacional com governos municipais, estaduais e atores públicos pela Fundação Getúlio Vargas, além do compartilhamento de informações pela SMDET (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo).

“Por meio de agenda municipal, realizamos o envio de currículos, materiais pessoais e profissionais, projetos, ações e programas municipais com informações sobre o que o município vem desenvolvendo por meio da pasta municipal para juventude, como atuamos na questão de políticas públicas, e como tem sido o processo de reconstrução da política pública para as juventudes em Volta Redonda”, explicou a coordenadora da Juventude.

Depois do processo de seleção interna, que considera capacidade técnica, perfil e dados fornecidos, a FGV realizou a seleção dos 51 jovens do país que participarão da formação. “E tivemos nesta semana o resultado que a equipe Coordjuv representará Volta Redonda na formação”, contou Larissa Garcez, que é formada em Direito pela UFF (Universidade Federal Fluminense) e pós-graduanda em Gestão Pública pela PUC (Pontifícia Universidade Católica).

O projeto é realizado pelo Núcleo de Prospecção e Inteligência Internacional (NPII) da FGV, em parceria com a Fundação Konrad Adenauer. O NPII produz conteúdo sobre questões a nível internacional, com a finalidade de abrir mercados e parcerias no exterior, além de trazer soluções inteligentes, ideias e investimentos para o Brasil.

As aulas e ações do projeto acontecerão nos meses de julho e agosto, envolvendo temas como: Características e Avaliações de Políticas Públicas; Interpretação e Estatística, Banco de Dados, LGPD e Tratamento de Dados; Mapeamento e Acesso a Financiamentos para Projetos e Programas Públicos; e Tecnologias Emergentes e suas Ferramentas Aplicadas.

Graduada em História pela UniRio (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro) e técnica em Automação Industrial pelo IFRJ (Instituto Federal do Rio de Janeiro), a assessora Katya ressaltou a importância de participar do projeto e de representar o município.

“Estou muito feliz e honrada em termos sido selecionadas para participar desse projeto. Sabemos o peso e a importância que tem a FGV, sendo uma instituição referência, e podermos representar Volta Redonda nessa capacitação será, sem dúvidas, muito importante enquanto agentes de políticas públicas para a juventude no município”, afirmou Katya, que também foi pesquisadora pela Faperj (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro).


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document