sexta-feira, 15 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Prevenção e diagnóstico precoce do câncer em mulheres são reforçados pelo Paimsca

Prevenção e diagnóstico precoce do câncer em mulheres são reforçados pelo Paimsca

Matéria publicada em 15 de outubro de 2019, 19:10 horas

 


Atividade integra as ações do Outubro Rosa; Secretaria de Saúde realizará neste sábado (19), o ‘Dia D’ de combate à doença

Agentes alertaram pacientes que estavam na UPA de Barra Mansa
(Foto: Paulo Dimas- Secom PMBM)

Barra Mansa– Quem passou pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento) ontem (15) teve a oportunidade de receber informações fundamentais de combate ao câncer de colo de útero e de mama. Agentes do Paimsca (Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente) abordaram pacientes e funcionários sobre a importância da prevenção, já que o diagnóstico precoce viabiliza em 95% a cura da doença. A enfermeira do Paimsca Williana Cardoso de Brito enumerou os principais sinais do câncer de mama.
– Alguns sintomas são perceptíveis, como a mudança no tamanho ou formato dos seios; vermelhidão; nódulos; inchaços e dores das axilas; alterações na textura da pele e vazamento de líquido nos mamilos. São características que podem ser observadas na frente do espelho, durante o banho ou deitada. No entanto, esse autoexame não substitui o exame clínico realizado pelo médico ginecologista, mastologista ou enfermeiro, e o rastreamento mamográfico – alertou.
O secretário de Saúde, Sérgio Gomes, disse que mensalmente são disponibilizadas de 600 a 800 procedimentos no município.
– O serviço é realizado por uma clínica conveniada ao município. Para isso, a paciente precisa do encaminhamento médico. O exame é agendado pela própria Unidade de Saúde, através do setor de marcação de consultas, que funciona na Rua Pinto Ribeiro, 65, no Centro – disse.
Após o agendamento, o exame leva em média 20 dias para ser realizado. O resultado é entregue em aproximadamente 10 dias.
– Apesar da agilidade funcional para a marcação e entrega dos resultados, o município enfrenta alguns problemas, entre eles o não comparecimento do paciente para o exame, bem como o acúmulo do diagnóstico, já que alguns não retornam para buscar o resultado do procedimento. A ausência do paciente ao exame acaba comprometendo a oferta de vagas e inviabilizando o diagnóstico precoce tão fundamental para a cura da doença – ressaltou o secretário.
O câncer de mama também acomete os homens. A estimativa do Ministério da Saúde é de que 1% da população masculina pode desenvolver a doença.

O câncer de mama

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células da mama. Esse processo gera células anormais que se multiplicam, formando um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Por isso, a doença pode evoluir de diferentes formas. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido, enquanto outros crescem mais lentamente. Esses comportamentos distintos se devem à característica próprias de cada tumor.
O câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a cerca de 25% dos casos novos a cada ano. No Brasil, esse percentual é de 29%. Existe tratamento para câncer de mama. Em Barra Mansa, os procedimentos pelo Sistema Único de Saúde são realizados pelo setor de oncologia da Santa Casa. O Oncobarra atende pacientes de toda região Sul Fluminense.

‘Dia D’ acontecerá neste sábado

Visando levar a prevenção ao maior número de mulheres do município, a Secretaria de Saúde de Barra Mansa realiza neste sábado (19), o Dia D de combate ao câncer de mama e de colo de útero. Os exames, assim como os encaminhamentos, serão realizados em todas as Unidades Básicas de Saúde e nas policlínicas do Nove de Abril, Vila Nova e Boa Sorte, entre 8h às 17h.
Neste dia também será feito a pesagem do Programa Bolsa Família e a atualização do cartão de vacina. Durante todo o mês de outubro, as Unidades de Saúde de Barra Mansa estão trabalhando com sala de espera abordando a prevenção ao câncer de mama e de útero e ainda com horários alternativos para atender as mulheres que trabalham durante o dia.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document