>
quinta-feira, 26 de maio de 2022 - 18:26 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Saae-VR investe em obras de grande porte para melhorar abastecimento de água

Saae-VR investe em obras de grande porte para melhorar abastecimento de água

Matéria publicada em 13 de maio de 2022, 17:59 horas

 


Autarquia vem ampliando a capacidade de reservatórios, construindo subestação de energia e promovendo manutenções preventivas na rede

Foto: Secom PMVR
Investimentos do Saae vão melhorar abastecimento de água em Volta Redonda

Volta Redonda – O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae-VR) está investindo na modernização de equipamentos e sistemas de abastecimento e distribuição de água em diferentes bairros de Volta Redonda. Entre as melhorias estão a construção de uma nova rede de água na Avenida Almirante Adalberto de Barros Nunes, a Beira-Rio; ampliação de reservatórios em alguns bairros; e até a construção de uma subestação de energia para melhorar o sistema de bombeamento de água para o complexo Vila Brasília.

Na Beira-Rio, ao todo são 4.614 metros de rede adutora de água potável ao longo da avenida, no trecho compreendido entre a Estação de Tratamento de Água (ETA) Belmonte e o bairro Niterói, com diâmetro de 600 mm em ferro fundido. Um investimento no valor de R$ 13 milhões e que beneficiará cerca de 130 mil habitantes. A previsão é que até o fim do ano, o serviço melhore e, consequentemente, haja a redução de problemas de abastecimento.

A autarquia também ampliou a capacidade de reservatórios nos bairros: Açude I, II, III e IV, Laranjal, Siderópolis, Jardim Esperança e parte do bairro Sessenta, melhorando o sistema de arrecadação e distribuição de água em diversos pontos.

 

Rede vai ampliar fornecimento de água no Roma

 

O Saae retomou a construção de 4.686 metros de rede de água potável na região do bairro Roma. A obra ficou parada por dois anos e vai beneficiar cerca de 60 famílias que vivem no Núcleo Santa Bárbara, na divisa do município com Getulândia, distrito de Rio Claro. A previsão para conclusão do serviço, que inclui instalação dos hidrômetros, é de quatro meses. O investimento, em torno de R$ 580 mil, melhora a qualidade de vida da comunidade e elimina riscos de doenças causadas pela falta de água potável.

 

Construção de nova subestação de energia

 

A nova subestação de energia elétrica que está em construção no pátio da secretaria de Infraestrutura (SMI), no Retiro, servirá para estabilizar as tensões elétricas entregues pela concessionária de energia, e assim garantir um funcionamento satisfatório da elevatória de água potável que atende os bairros Vila Brasília, Coqueiros, Mariana Torres, Belo Horizonte e Verde Vale.

 

Programa de manutenção preventiva em redes de esgoto

 

Além do fornecimento de água, a autarquia iniciou em abril um programa de manutenções preventivas em redes coletoras de esgoto da cidade. O objetivo é minimizar os impactos causados pelo tempo (muitas redes são antigas e feitas inadequadamente) e pelo mau uso ou danos causados por chuvas, erosões e outros acontecimentos.

“Todos os investimentos que temos feito são para melhorar o abastecimento de água e resolver problemas antigos, tudo isso com base em um planejamento implementado desde o início do governo Neto. Com isso, estamos reduzindo o número de ocorrências, aumentando a segurança das estruturas e equipamentos e evitando novos transtornos. Estamos garantindo a cidadania de muitos moradores. É mais qualidade de vida para a população”, destacou o diretor executivo do Saae-VR, Paulo Cezar de Souza, o “PC”.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. ME ENGANA QUE EU GOSTO

    SE A POPULAÇÃO DE VOLTA REDONDA DEPENDESSE DE BEBER AGUA DIRETAMENTE NA TORNEIRA CERTAMENTE FICARIAM COM SEDE POIS EM PLENO SECULO XXI QUASE SEMPRE TEM PROBLEMAS DE ABASTECIMENTO POR CONTA DOS INUMEROS ROMPIMENTOS DE TUBULAÇÃO NA BEIRA RIO.ACHO QUE JA ESTÁ PASSANDO DAVHORA DE SUBSTITUIR OS MESMOS.

    • funcionário público

      Os rompimentos na Beira Rio é devido picos de energia que ocorrem simultâneos no Água Limpa e Vila Americana, por isso ocorrem o chamado golpe de Aríete e está sendo construido uma rede ded 600mm na beira rio que será a partir da ETA Belmonte.

  2. Parabéns ao SAAE. Poderia trabalhar um pouco na qualidade da água que entrega à população. Estamos no século XXI e ainda não é possível beber a água que sai da torneira.
    Nos países onde quase não tem água isso já é possível há mais de 30 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document
close