>
domingo, 14 de agosto de 2022 - 21:40 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Secretaria de Meio Ambiente realiza fiscalização na Fazenda do Ingá

Secretaria de Meio Ambiente realiza fiscalização na Fazenda do Ingá

Matéria publicada em 25 de julho de 2017, 14:38 horas

 


Noventa hectares dos 211 da área são cobertos por mata atlântica nativa, além de um grande potencial hídrico de abastecimento do centro urbano

Fiscalização: Operação contou com a participação de 10 guardas municipais e cinco funcionários da secretaria de Meio Ambiente (Foto: Geraldo Gonçalves / Secom VR)

Fiscalização: Operação contou com a participação de 10 guardas municipais e cinco funcionários da secretaria de Meio Ambiente (Foto: Geraldo Gonçalves / Secom VR)

Volta Redonda – A secretaria municipal de Meio Ambiente realizou na manhã desta terça-feira (25) uma fiscalização em oito locais específicos no Parque Natural Municipal Fazenda Santa Cecília do Ingá, no bairro Santa Cruz. A reserva ambiental tem cerca de 211 hectares, sendo que 90 são cobertos por mata atlântica nativa, além de um grande potencial hídrico de abastecimento do centro urbano.

A operação de impacto, junto a Guarda Municipal, teve como objetivo notificar os moradores que estão com alguma irregularidade. De acordo com a secretária de Meio Ambiente, Daniela Vidal Vasconcelos, a proposta é de restabelecer projetos para o local.

– Achamos diversas irregularidades. Atividades como desmatamento e criação de animais que não podem ter em uma reserva ambiental. Tem uma área que tem até um condomínio. Vamos restabelecer projetos dentro da reserva, como visitação do parque, além da prática esportiva – disse Daniela.

A manutenção e fiscalização da reserva visa proteger a biodiversidade dos ecossistemas da fazenda. Segundo a secretária existem diversas ações jurídicas de reintegração de posse do local.

– Vamos realizar um cadastramento dos moradores das áreas ocupadas. Existem ações jurídicas de reintegração de posse e, além disso, o Ministério Público cobra da secretaria uma posição sobre as irregularidades do parque. Estamos trabalhando com eficiência para solucionar essa situação o quanto antes – enfatizou a secretária.

A operação contou com a participação de 10 guardas municipais e cinco funcionários da secretaria de Meio Ambiente. De acordo com o subcomandante da Guarda Municipal, Rogério Soares Nascimento, o local voltou a ter rondas.

– A guarda está realizando rondas desde a última semana na reserva, diariamente. O local apresenta alguns pontos de perigo. A presença da Guarda Municipal dá mais segurança aos moradores, além de proteger a fazenda -afirmou o subcomandante.

Outras ações de fiscalização serão realizadas na Fazenda do Ingá. Segundo a secretária de Meio Ambiente apenas alguns locais foram notificados.

– A reserva é grande, vamos realizar mais fiscalizações para averiguar todas as irregularidades, além de notificar algumas situações – contou Daniela.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Gostaria de alertar a Secretaria de Meio Ambiente de VR, para FISCALIZAR urgente o corte de árvores na Rua 33 e na Rua 23, para beneficiar os automóveis. Ou será que vcs autorizaram esse crime ambiental. ? Na rua 33 estão exterminando as árvores, e só vcs irem até lá e ver.

Untitled Document