Secretaria de Serviços Públicos faz corte de árvores em Volta Redonda - Diário do Vale
quarta-feira, 22 de setembro de 2021 - 11:21 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Secretaria de Serviços Públicos faz corte de árvores em Volta Redonda

Secretaria de Serviços Públicos faz corte de árvores em Volta Redonda

Matéria publicada em 2 de junho de 2016, 21:09 horas

 


Precaução: Técnicos avaliaram a condição das ávores e optaram pelo corte para evitar transtornos e até acidentes

Precaução: Técnicos avaliaram a condição das ávores e optaram pelo corte para evitar transtornos e até acidentes

Volta Redonda – A Secretaria Municipal de Serviços Públicos realizou nesta quinta-feira (2) o corte de duas árvores na calçada da Rua 23, a pedido dos moradores do condomínio do Edifício Gacemss. De acordo com o secretário municipal de Serviços Pùblicos, Edson Carrá, os técnicos da secretária avaliaram as árvores e decidiram pelo corte.
– Os técnicos verificaram que uma das árvores estava levantando a calçada, causando inclusive risco de queda para os pedestres que circulam ali, muitos deles idosos e moradores do Edifício Gacemss; e a outra estava totalmente podre, com risco de queda de galhos grandes, podendo machucar algum pedestre, atingir veículos estacionados ou ainda cair sobre a marquise dos restaurantes e lojas que ficam no condomínio – explicou Carrá, salientando que as árvores também estavam no fim do seu ciclo de vida.
– São árvores muito antigas, com 50 a 60 anos, e trazem risco para as pessoas e o patrimônio. Já recebemos inclusive outro pedido dos moradores do condomínio, para cortar uma árvore que fica ao lado de uma banca de jornal na Rua 14, que também está totalmente podre, com risco de queda de galhos – disse o secretário, afirmando que técnicos da secretaria irão ao local para verificar também a situação desta árvore.
– Fazemos este trabalho de prevenção agora no inverno, porque no período de chuvas o risco de queda de galhos de árvores em más condições aumenta muito. Como na Vila Santa Cecília há muita circulação de pedestres, e algumas árvores do bairro são muito antigas, a região é um dos nossos focos neste trabalho – esclareceu Carrá.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

5 comentários

  1. Caramba! O secretário podia esperar passar a Semana do Meio Ambiente para fazer isso.

    O mais triste é o povo pedir para CORTAR árvores, ao contrário de cuidar delas. Vejo muitas e muitas árvores cheias de parasitas sugando a árvore, e ninguém é capaz de limpá-la para que a árvore continue produzindo oxigênio para nós. Frente a minha casa tenho duas e costumo podá-las e utilizar escova de aço para remover as plantas parasitas. Assim conservo as duas de 28 anos de idade com aspecto de nova e cheia de vida.

    A árvore está levantando o passeio? Eu não acredito que esta árvore tenha espaço para receber a água da chuva, por isso ela arrebenta o piso mesmo.

    Menos uma árvore que poderia estar produzindo oxigênio para os moradores do Gacemss e para nós.

    Educação e consciência ambiental dessas pessoas que fazem isto com a natureza é ZERO.

  2. FranciscoJFLacerda

    Mentiroso este carra, não havia e todos que tem inteligência suficiente sabe e que passavam por ali nunca perceberam perigo e ameaças das referidas árvores, amendoeiras, hoje cortadas MUITO MENOS NO FIM DO CICLO DE VIDA acham que eu sou burro igual a parcela desta cidade? Está havendo um abuso excessivo destes Irresponsáveis pelo meio ambiente e serviços públicos em Volta Redonda. Tem ocorrido quase apenas cortes, assassinatos de árvores nesta cidade onde bairros mais próximos, ao lado da CSN sofre de tempos em tempos, com algum problemas na empresa, com o pó, gases e cheiros desagradáveis. LOUCOS, CRIMINOSOS, eu desejo que paguem caro á natureza por isso!

  3. quando serao extraidas as arvores da avenida lucas evangelista que ficam sob os fios da rede eletrica/ ou irão esperar por um ser eletrocutado para depois ir abrir um processo administrativo que não dara em nada?

  4. Cortar árvores podres e que estão levantando as calçadas é correto, mas não informam que serão plantadas outras em substituição.
    A se manter tal pratica daqui a alguns anos não haverá árvores no centro de Vokta Redonda.
    Penso que para cada árvore cortada deva ser plantada outras duas.

    • Plantar árvores perto das cortadas já está prevista no Art. 208 do Código Administrativo de VR desde 1976.

Untitled Document