sexta-feira, 22 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / SESI-VR oferece a modalidade de ensino EJA a 438 alunos

SESI-VR oferece a modalidade de ensino EJA a 438 alunos

Matéria publicada em 9 de junho de 2019, 12:30 horas

 


Temática é adequada ao interesse e à faixa etária dos interessados (Foto: Divulgação)

Volta Redonda – Uma nova chance para quem quer estudar. Esta é a proposta do EJA (Educação de Jovens e Adultos), que está sendo oferecido na unidade Sesi (Serviço Social da Indústria) de Volta Redonda. De acordo com a coordenadora operacional de educação básica, Ana Cláudia Medeiros Pernes, as vagas são ara toda a comunidade, mas é necessário que o candidato cumpra alguns requisitos.

A pessoa que for se inscrever deve ter completado 18 anos e concluído o ensino fundamental. Segundo Cláudia, a modalidade oferecida no Sesi é um sistema com aula presencial e com frequência de três vezes por semana, nos horário das 18 às 22h. Lembrando que atualmente a unidade atende um total de 438 alunos.

A coordenadora ressalta que a média de conclusão para o curso todo é de um ano e meio. “Nós trabalhamos com um total de quatro competências: ciências da natureza, ciências humanas, matemática e linguagem”, diz. Já em relação ao perfil dos alunos, a coordenadora Cláudia explica que em sua maioria é composto de pessoas que querem voltar ao mercado de trabalho e alunos já empregados e enviados pelas empresas para elevar a sua escolaridade. “Na verdade, todos estão vendo esta oportunidade como uma forma de melhorar os seus acessos ao mercado de trabalho. E apesar de termos alunos na faixa etária entre 18 a 60 anos, a idade da maioria dos nossos alunos gira em torno de 25 a 35 anos”, define.

A coordenadora lembra que a matrícula no EJA é feita por meio de edital, sendo que para este semestre já foram dois, um em abril e outro em maio.

– Para este segundo semestre ainda haverá a abertura de um novo edital, sendo que para quem estiver interessado é só procurar a unidade Sesi de Volta Redonda para realizar o cadastro. E como o período de inscrição é curto, em torno de 15 dias, estamos fazendo um cadastro aos interessados para atender a demanda tão logo um novo edital seja aberto. Observei que muitas pessoas não conseguiram recolocação no mercado de trabalho no mutirão realizado pela prefeitura por carência da escolaridade exigida. Lembrando que nós só oferecemos a modalidade do EJA para o ensino médio – esclarece.

A coordenadora destacou que na metodologia do EJA os alunos trabalham o ‘projeto de vida’, no qual a temática é adequada ao interesse e à faixa etária dos interessados.

– O projeto de vida está alinhado ao interesse pelo desenvolvimento laboral e social do indivíduo. E dentro do projeto eles trabalham pesquisas a partir de questionamentos e temas de interesse com aprofundamento crítico. Lembrando que ao longo do curso é montado um portfólio e as atividades de projeto de vida fazem parte deste material – define.

Segundo Ana Cláudia, a evasão do EJA gira em torno de 20% e isso se deve apropria dinâmica do adulto trabalhador e que também é pai ou mãe de família. “E para motivar este aluno propomos atividades dinâmicas com o uso de recursos tecnológicos, sendo que dentro das competências trabalhamos os conteúdos com uma linguagem inerente com os desafios deste contexto usando a metodologia do Paulo Freire”, conclui.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Eles fala uma coisa e chega lá e outra as escolas municipais está bem melhor o Encino do que i Sesi Senai só tem nome.

Untitled Document